Suco verde caseiro X Suco verde em pó: Qual o melhor?

As pessoas que são fissuradas em querer emagrecer topam de tudo para conseguir as medidas…


As pessoas que são fissuradas em querer emagrecer topam de tudo para conseguir as medidas tão sonhadas. Fazem chá, dieta da lua, do sol, tomam até remédios, tudo isso na ânsia de ficar de bem com a temida balança.

Uma solução para quem pensa dessa maneira é o suco verde, que consegue através das suas propriedades diminuir o número do manequim. O líquido pode ser feito de dois modos. Ele pode ser produzido de forma caseira ou, para quem deseja usufruir dos seus benefícios, mas não tem tempo para prepará-lo, pode comprar a substância em pó, encontrada tanto em farmácias como em supermercados.

Qual a diferença entre os produtos?

O suco em pó é uma ótima alternativa para quem não tem tempo de comprar os ingredientes e produzi-lo, sendo então a opção mais prática. Essa possibilidade possui as mesmas quantidades de minerais e vitaminas presentes no caseiro, mas o número de fibras é inferior ao concorrente.

Além do suco verde, indica-se a prática de exercícios físicos para melhores resultados

Foto: Pixabay

Além dessas propriedades, o produto em pó possui menos calorias do que aquele que é feito em casa. E apresenta em sua composição substâncias artificiais a fim de provocar os sabores no paladar das pessoas, a exemplo do acidulante ácido cítrico, que oferece o sabor azedo natural presente em algumas frutas.

Já o suco verde caseiro, apesar de levar mais tempo para ficar pronto, tem em na composição mais fibras, responsáveis pelo aumento da saciedade, essencialmente importante para quem está de dieta, uma vez que a pessoa que toma se sente “cheio” e demora mais tempo para sentir fome.

A quantidade de caloria é maior, porém, isso vai depender dos ingredientes utilizados na preparação, que claro, pode variar. Um exemplo é a mistura que leva água de coco, abacaxi, gengibre e folha de couve, que juntas possuem cerca de 90 calorias.


Variedade de ingredientes não é uma característica apenas do suco caseiro, pois a versão em pó, dependendo do fabricante, pode conter diversos componentes, ficando a cargo do consumidor escolher o ideal.

Mas afinal, qual a melhor opção?

Ambas as alternativas possuem seus prós e contras. Porém, especialistas advertem para a procura de um nutricionista, caso o uso do suco tenha como objetivo o emagrecimento.

De acordo com os médicos, não há como alcançar bons resultados tomando apenas os sucos, é preciso associar esta prática a exercícios físicos e a uma boa alimentação.

Como preparar o suco verde caseiro

Para a quantidade de um copo, utilize os seguintes ingredientes:

  • 1 folha de couve
  • 100 ml de água de coco
  • 100 gramas de abacaxi
  • 1 fatia de gengibre

Bata tudo no liquidificador e não coe. Tome no período da manhã, ainda em jejum e aproveite todos os benefícios que este suco lhe trará.

Como preparar o suco verde em pó

O pó para preparo já é acrescentado de frutas, verduras e legumes prontos para o uso. É só dissolver a substância na quantidade indicada pelo fabricante. A combinação de ingredientes pode ser alterada. Uma das misturas mais nutritivas é feita com o uso da maçã, couve, gengibre, salsa, clorofila e espinafre. Conheça algumas das propriedades de cada uma:

  • Maçã: Possui fibras em sua composição, ajudando no funcionamento do intestino e colaborando com a diminuição do inchaço no corpo, pois também é diurética;
  • Couve: Combate o envelhecimento precoce, pois possui antioxidantes;
  • Gengibre: É um alimento termogênico, induzindo o corpo a gastar energia durante o processo digestivo;
  • Salsa: Além de também ser antioxidante, a mesma contém vitaminas A e C;
  • Clorofila: Melhora a oxigenação do sangue e atua como antioxidante;
  • Espinafre: Possui uma grande quantidade sais minerais, vitaminas A e B.

Reportar erro