Comer queijo deve ser uma prática feita com cautela. Saiba os motivos

O ideal é dar preferência ao consumo daqueles menos gordurosos e evitar o consumo irrestrito de queijos brancos

O queijo é um alimento muito tradicional no mundo inteiro. Feito a partir da proteína do leite com diversas origens, o produto é indicado por uns e vetados por outros. Conheça agora os principais mitos e verdades relacionados ao queijo.

1. O queijo é ruim para a saúde.

Mito. Recentemente, pesquisadores do Food for Health Ireland, da University College Dublin, na Irlanda, publicaram os resultados de um estudo envolvendo 1.500 pessoas entre 19 e 90 anos.

A conclusão da pesquisa causou polêmica ao afirmar que o consumo de lácteos podem ajudar a controlar o peso e a pressão arterial. Na prática, isso significa que o aumento do colesterol ruim não é alterado devido ao consumo desses alimentos e mais: eles fariam bem ao fígado, pois seriam responsáveis pelo bloqueio da formação de colesterol e triglicérides.

Alerta: Comer queijo deve ser uma prática feita com cautela. Saiba os motivos

Foto: depositphotos

2. O consumo excessivo do queijo pode prejudicar.

Verdade. Apesar da pesquisa irlandesa afirmar que o consumo de leite e queijo não influencia no aumento do colesterol, é preciso manter uma dieta equilibrada, sem consumir grandes quantidades.

“Diretrizes brasileiras defendem que a ingestão de gorduras saturadas deve ser feita com cautela para manter os níveis de colesterol saudáveis. No caso específico dos queijos, o ideal é dar preferência ao consumo daqueles menos gordurosos e evitar o consumo irrestrito de queijos brancos”, explica a nutricionista Juliana Dantas.

3. O queijo é um alimento muito rico.

Verdade. Seja produzido por leite de vaca, cabra, ovelha ou búfala, o queijo tem proteínas, gorduras, carboidratos, cálcio, fósforo e vitaminas A, B2, B9, B12 e D.

4. Queijos amarelos são mais gordurosos.

Mito. A nutricionista esclarece: “os queijos claros possuem gordura saturada. O equilíbrio entre as quantidades de gordura, cálcio e sódio é fundamental na hora de diferenciar os melhores a serem consumidos”.

5. Queijo cottage é muito gorduroso.

Mito. O queijo cottage é rico em proteínas, cálcio e tem pouca gordura. Ele é ideal para ser consumido com frutas e doces.

6. O queijo mussarela é perigo para saúde cardiovascular.

Verdade. O queijo mussarela normal tem um percentual de gordura e colesterol alto. A especialista recomenda que na hora de consumir, prefira o light. Já o mussarela de búfala tem bastante cálcio e proteínas e não é tão perigoso quanto a versão comum.

7. Queijo combina com salada.

Verdade. Alguns queijos caem super bem com saladas ou pratos frios, como o ricota e o minas. Essa dupla concentra proteína, cálcio, ferro e fósforo.

8. O queijo pode concentrar grandes quantidades de sódio.

Verdade. O prato, por exemplo, tem alto teor de sódio, além de gordura e colesterol e por isso deve ser consumido com moderação.

9. O queijo deve ser consumido todos os dias.

Mito. Alguns tipos de queijos como provolone, brie e parmesão têm alto teor de gordura e colesterol e devem ser consumidos somente como petiscos e em períodos espaçados.