Remédios caseiros eficazes para acabar com a tosse seca

Por Redação

Remédios caseiros eficazes para acabar com a tosse seca

Imagem: Reprodução

A tosse é uma maneira que o organismo encontra para se defender de agentes invasores das vias respiratórias. É uma espécie de expulsão, que pode ser barulhenta e brusca, reflexa ou voluntária.

É importante que se saiba identificar o tipo de tosse de que somos acometidos para podermos tratá-la da maneira certa.

Veja quais são os tipos de tosse que mais incomodam

  • CRÔNICA: tosse crônica, quando a tosse dura mais de dois meses e não há evidências para sua causa, podendo ser causada por algumas doenças, ela deve ser investigada para que a doença possa ser tratada adequadamente. Tem como possíveis causas: brônquios: asma, bronquite crônica, tabagismo, câncer;  problemas com ouvidos, nariz e laringe; aparelho digestivo: refluxo e coração: insuficiência cardíaca.
  • REAÇÃO À MEDICAMENTOS: normalmente por inibidores de enzimas, usados em cardiopatias e para hipertensão. Seu médico deve ser informado a respeito.
  • PRODUTIVA: é a que traz expectoração, é chamada produtiva por ser importante na limpeza das vias aéreas, pode ser ocasionada por uma gripe ou resfriado, por bronquites, enfisema, etc.
  • SECA:  essa é uma tosse que deixa muito cansado o paciente, já que não é do tipo que expele secreções, não é produtiva, ela força muito o sistema, as vias aéreas e pode inclusive agravar alguma lesão já existente. Podem ser causadas por resfriados, principalmente no início, também otites.

Ao descobrir qual seu tipo, logicamente a causa deve ser tratada com urgência para não complicar ainda mais, mas, paralelamente, os tratamentos naturais tem propriedades que podem tratar as tosses e até curá-las.

Conheça algumas receitas que ajudam em casos de qualquer tipo de tosse

Remédio caseiro

Remédio caseiro | Imagem: Reprodução

  • TOMILHO: pode ser usado em inalações com aparelho apropriado, fazendo-se uma infusão utilizando água fervente e folhas secas de tomilho, sachê de infusão ou óleo essencial (1 gota). Também pode-se improvisar essa inalação de outra forma: prepare a infusão em uma vasilha não muito alta e coloque o rosto junto dessa vasilha, cuidando para não se queimar, e tampando a cabeça com um pano, pode ser uma toalha, de modo que o vapor não escape e penetre suas narinas. Qualquer uma das inalações deve ser feita por mais ou menos três minutos.
  • EUCALIPTO: prepare uma infusão da mesma maneira que a anterior (com tomilho) substituindo o tomilho por eucalipto.
  • MEL: aqueça uma xícara de água e acrescente uma colher de sopa de mel puro, mexendo bem. Se preferir quebrar um pouco da doçura, esprema um pouco de limão na mistura e beba, se não, pode ser bebida sem o limão.
  • GEMADA E MACELA: prepare uma gemada (bata uma gema de ovo com duas colheres de sopa de açúcar até que fique cremoso e homogêneo), a seguir, faça uma infusão com algumas flores de macela em uma xícara de água fervente e junte à gemada, tomando, de preferência, antes de dormir.