Como combater a amigdalite com remédios naturais

As amígdalas são estruturas localizadas em nossa garganta para ajudar a combater invasores ao nosso…


As amígdalas são estruturas localizadas em nossa garganta para ajudar a combater invasores ao nosso Aparelho Respiratório, ou seja, faz parte do sistema de defesa que produz anticorpos quando um organismo estranho penetra em nosso corpo. Quando elas inflamam, chama-se amigdalite e causa dor de garganta e presença de placas brancas, que podem ser vistas se abrimos bem a boca.

A amigdalite apresenta sintomas que podem ir aumentando conforme a infecção progride, também dependem do tipo de infecção, mas, normalmente, o que ocorre é o seguinte:

Sintomas comuns

Amigdalite

Inflamação das amígdalas | Imagem: Reprodução

  • Febre, que pode ser alta desde o começo ou baixa e em determinados momentos, bastante alta;
  • Dor de garganta intensa;
  • Mal-estar de forma geral;
  • Redução do apetite;
  • Dor de cabeça;
  • Dor no pescoço;
  • Vermelhidão na garganta, às vezes apresentam-se pontos brancos, de pus, outras não;
  • Náuseas e vômitos também podem ocorrer.

É importante lembrar que esses sintomas podem ser também de outras doenças graves, então, sempre é aconselhável procurar um médico quando sentir algum deles.

Podem ser utilizados chás medicinais para ajudar a combater a amigdalite, agindo de maneira antisséptica.

Veja algumas receitas

CHÁ DE DENTE-DE-LEÃO

Ingredientes:

  • 1 e 1/2 xícara de água;
  • 1/2 colher (sopa) de folhas e raízes secas de dente-de-leão;
  • 1 colher (sopa) de mel.

Como fazer:

Ferva a água com as folhas e raízes de dente-de-leão, aguarde estar morno, coe e adoce com uma colher de mel.

Posologia:

Faça gargarejos com esse chá três vezes ao dia.

 

ALECRIM PIMENTA (Lippia Sidoides)


Como fazer:

Ferva 150 ml de água e acrescente de duas a três colheres de chá de folhas de alecrim pimenta, deixando em infusão por alguns minutos.

Posologia:

Faça gargarejos ou bochechos de duas a três vezes ao dia.

Obs.: não é aconselhado para inalações porque seus vapores tem ação irritante.

Também não pode ser engolido após o bochecho ou gargarejo.

 

XAROPE DE FLOR DE LARANJEIRA

Ingredientes:

  • 1 limão cortado em quatro;
  • 3 dentes de alho;
  • 1 xícara (chá) de mel;
  • 3 colheres (sopa) de flor de laranjeira.

Como fazer:

Prepare o xarope macerando as flores de laranjeira, o alho e o limão e colocando o mel por cima de tudo isso. Mantenha essa mistura descansando por doze horas, passado esse tempo, esprema num pano bem limpo.

Posologia:

Tomar uma colher do xarope pela manhã e outra à noite.


Reportar erro