Decidiu não comer mais carne? Veja como substituí-la sem perder proteínas

Conheça agora os produtos saudáveis que substituem a carne sem prejuízos para a saúde

Parar de comer carne é uma decisão muito difícil na vida das pessoas, isto porque muitas delas cresceram com este hábito alimentício. Mas com o passar do tempo, seja por acúmulo de informação ou por questões de saúde, comer carne passa a ser uma prática do passado.

Este tipo de situação pode gerar alguns questionamentos com relação a saúde de quem adota o estilo de vida, que pode ser chamado de vegetarianismo ou veganismo.

De acordo com uma pesquisa feita pelo Instituto Brasileiro de Opinião e Estatística (Ibope), em outubro de 2012, existiam no Brasil 15 milhões de pessoas adeptas ao vegetarianismo e veganismo. Este número revelava que 15% dos brasileiros tinham hábitos alimentares diferenciados da maioria da população. Com o passar do tempo este número aumentou e, segundo estimativa do Mapa Veg, atualmente totalizam 22 milhões de pessoas.

Neste sentido, é difícil você não encontrar um vegetariano ou vegano que nunca ouviu a famosa pérola: “Mas se você não come carne, como ficam as proteínas?” Talvez por falta de informação, há quem acredite que só a carne possui proteínas. No entanto, segundo a nutricionista e consultora da Superbom – empresa alimentícia especializada na fabricação de produtos saudáveis – Cyntia Maureen, existem alguns alimentos que podem substituir a carne sem danos as proteínas que o corpo precisa.

Alimentos saudáveis que substituem as proteínas da carne

Grãos

Substitua a carne das refeições sem perder proteínas

Foto: Pixabay

“O combo arroz integral e feijão, por exemplo, constitui uma ótima fonte, enquanto o arroz branco é muito pobre nesse nutriente. A quinoa também ganha destaque nos grãos por seu alto valor proteico e sua diversidade de consumo, podendo ser uma substituta do arroz ou consumida em flocos no iogurte”, indica Cyntia.

Por esta razão, é possível ter boas quantidades de proteína com outras opções de alimentos. Ainda segundo a nutricionista, variar e colorir o prato é uma proposta saudável e extremamente proteica, por isso aposte em outros grãos como lentilhas, ervilhas e grão de bico. Além de ricos em proteínas, estes alimentos também possuem boas quantidades de fibras, fator que contribui com a manutenção da sensação de saciedade.

Vegetais

Substitua a carne das refeições sem perder proteínas

Foto: Pixabay

Além dos grãos, os vegetais também possuem proteínas em suas composições. E o melhor de tudo é a diversidade desta opção, uma vez que existem vários tipos de vegetais como alface, rúcula, couve etc. Todos estes itens também são boas fontes de água e fibras, por isso são considerados boas opções de alimento. “É muito importante consumi-las, estejam elas cruas ou cozidas, pois irão oferecer nutrientes necessários para as futuras substituições, além de serem pouco calóricas. Brócolis, aspargos e vagem possuem uma boa quantidade de proteína que irá contribuir com a necessidade diária desse nutriente”, comenta a especialista.

Cogumelos

Substitua a carne das refeições sem perder proteínas

Foto: Pixabay

“Com 100 gramas de cogumelos prontos já conseguimos substituir as proteínas existentes em 100 gramas de carne vermelha. Mas vale lembrar que o ideal é que ele seja cozido ou assado com verduras e legumes, e não com molhos calóricos que possuem altos níveis de sódio”, recomenda a nutricionista. Além de ser um bom substituto da carne, o cogumelo ainda possui nutrientes que estimulam o trabalho do sistema imunológico do corpo.

Laticínios

Substitua a carne das refeições sem perder proteínas

Foto: depositphotos

Quem é vegano não consome leite e nenhum outro alimento derivado deste líquido, já alguns vegetarianos ainda consomem e podem ter nesta opção de bebida um substituto para as proteínas presentes na carne, tendo em vista que é proteica e ainda contém boa quantidade de gorduras. “Ao consumir, prefira versões desnatadas dos leites e as opções de queijos brancos, pois os amarelos são ricos em gordura saturada, sendo prejudiciais à saúde”, adverte Cyntia.

Ovos

Substitua a carne das refeições sem perder proteínas

Foto: depositphotos

Ovos são alimentos semelhantes ao leite, pois não fazem parte da alimentação dos veganos, mas sim de quem pratica uma dieta ovolactovegetariana. Ou seja, pessoas que consomem leite, ovos e seus derivados. Portanto, para os praticantes deste estilo de vida, o ovo pode ser uma boa opção para quem deseja suprir as proteínas da carne. “Para aproveitarmos todos os benefícios dos ovos é recomendado que sejam bem cozidos, para evitar contaminação por Salmonella. Ovos fritos em óleo, quando as bordas já estão ficando escuras, são ricos em gordura saturada e ativa o processo de perda e saturação das vitaminas”, finaliza.

Sobre o autor

Jornalista (MTB-PE: 6750), formada em Comunicação Social com Habilitação em Jornalismo, pela UniFavip-DeVry, escreve artigos para os mais diversos veículos. Produz um conteúdo original, é atualizada com as noções de SEO e tem versatilidade na produção dos textos.