‘Antidepressivos’ naturais: Veja quais alimentos podem ajudar a tratar a depressão

Confira como tratar também de forma natural e caseira esse problema considerado o mal do século 21

Apesar de ainda ser um tabu falar sobre o assunto, já que muitas pessoas por não conhecer e não entender acabam à associando com algo fútil, a depressão é um problema grave e a principal causadora de suicídios no mundo, tanto que vários psicólogos, psiquiatras e demais especialistas da área se referem a essa enfermidade como sendo o mal do século XXI.

Segundos dados de 2012 da Organização Mundial da Saúde (OMS), mais de 800 mil pessoas tiram a própria vida por ano, sendo a maioria das vítimas jovens com idades entre 15 e 29 anos.

Ainda de acordo com a OMS, a depressão passará a ser a segunda causa de morte no mundo por doenças até 2020, perdendo apenas para as doenças coronárias.

Cerca de dois terços das pessoas que cometem suicídio são de países de baixa e média renda. O Brasil está em quinto lugar no ranking de países com predominância de depressão entre a sua população, segundo a OMS.

Apesar dos dados apontados, a depressão é uma doença que pode atingir qualquer pessoa, não importando idade, nacionalidade, cor ou classe social. Logo, é fundamental estar atento aos sintomas para que esta não venha a ser tratada tardiamente.

“É preciso falar sobre saúde mental, é preciso debater, quanto mais a gente fala, mais é possível ajudar a resolver. O diagnóstico preciso é fundamental, por isso é importante procurar o profissional especializado e experiente”, explica o médico Hermes Mariano de Almeida Prado, em reportagem publicada pelo portal da Universidade Federal do Sul e Sudeste do Pará (Unifesspa).

'Antidepressivos' naturais: Veja quais alimentos podem ajudar a tratar a depressão

Foto: depositphotos

Causas e sintomas da depressão

A depressão é uma doença silenciosa que não se anuncia de forma muito clara como a maioria das enfermidades. Esse aspecto, aliado ao fato de que muitas pessoas não entendem como esse tipo de distúrbio mental atinge o ser humano, torna a depressão uma doença ainda mais perigosa.

Por se tratar se um distúrbio psicológico, não há uma causa especifica para a depressão, mas há, entre outros fatores, alguns que são os principais causadores desse problema nas pessoas, segundo Hermes Mariano. São eles:

  • Genética;
  • Alimentação;
  • Estresse;
  • Uso de drogas.

Alimentos para ajudar no combate e/ou tratamento da depressão

Abacate

Abacate para tratar a depressão

Foto: depositphotos

Fruta muito utilizada para sobremesas e bebidas, o abacate já é popular há muito tempo por ser um alimento cheio de benefícios. Além de grandes quantidades de potássio, o fruto é rico em vitaminas A, complexo B, C, E e K, que juntas ajudam a diminuir níveis de estresse e até mesmo ansiedade.

Aveia

Aveia para tratar a depressão

Foto: depositphotos

Apesar de ser ligeiramente calórica, a aveia pode ser utilizada de forma inteligente não só para emagrecer, já que ela serve de ingrediente para pães, bolos e biscoitos integrais, mas também como um remédio natural contra o estresse, ansiedade e depressão. Ela é uma grande fonte de vitaminas do complexo B e vitamina E.

Batata-doce

Batata-doce para tratar a depressão

Foto: depositphotos

Queridinha dos atletas de esportes de alto rendimento, principalmente a musculação, a batata-doce é um alimento com tantos benefícios que não chega a ser uma surpresa descobrir que ela também pode ajudar na luta contra a depressão.

Isso se dá graças a um aminoácido chamado l-triptofano, que junto com a vitamina B3 e o magnésio presentes no tubérculo ajudam o organismo a produzir serotonina, uma substância importante para o sono e para o bom humor.

Brócolis

Brócolis para tratar a depressão

Foto: pixabay

Apesar de não ser o alimento preferido da maioria das pessoas, é do conhecimento de todos que o brócolis é um superalimento e que todos deveriam comer.

Além de ser uma boa fonte de vitaminas do complexo B, a hortaliça possui uma grande quantidade de cálcio, proteínas e outras substâncias que fazer o brócolis um alimento usado no tratamento de insônia.

Chia

'Antidepressivos' naturais: Veja quais alimentos podem ajudar a tratar a depressão

Foto: pixabay

Muito utilizada por aqueles que buscam emagrecer, já que ela aumenta a sensação de saciedade e possui proteínas que aumentam a massa magra.

Sua grande quantidade de fibras e ômega 3 ajudam a diminuir a ansiedade e depressão. Logo, as vitaminas do complexo B presentes na chia mantém a saúde do cérebro em dia.

Vegetais com folhas verdes

Vegetais para tratar a depressão

Foto: pixabay

Sabe as folhas de coloração verde que sempre são consumidas nas saladas? Elas podem fazer toda a diferença na prevenção desse distúrbio, já que além de ricos em vitamina C, ômega 3 e ferro, esses vegetais também dão sensação de saciedade e diminuem a vontade de comer alimentos açucarados. Os vegetais mais comuns desse grupo são alface, acelga, couve, espinafre e rúcula.

Se você não sabia, a ingestão excessiva de açúcar pode estimular o surgimento da depressão, isso graças aos efeitos do diabetes no organismo das pessoas.

“Quem tem diabetes tem um risco duas vezes maior de desenvolver depressão em algum momento. O organismo do diabético passa por uma série de alterações, tem alteração hormonal, ocorre alguns processos inflamatórios interno, e essas substâncias que são liberadas no organismo quando ele adoece podem também afetar o cérebro e desencadear sintomas depressivos”, explica a psiquiatra Helena Moura, em entrevista à Rádio Senado.