Amora miura: 12 benefícios comprovados pela ciência

Você já ouviu falar sobre os benefícios da amora miura? Essa variedade de planta tem origem asiática, mas chegou ao Brasil na década passada. Suas folhas produzem um chá com propriedades medicinais únicas. Conheça os benefícios comprovados pela ciência.

A amora miura é uma variação da amora preta (morus Nigra L). Ambas são espécies de plantas pertencentes à família Moraceae. Diferente da amora comum, a variedade chamada de miura não é popularmente cultivada no Brasil, apesar de ter sido trazida ao nosso solo recentemente.

Muito usada na medicina natural asiática, a amora miura vem chamando atenção por ser um potente remédio alternativo para várias doenças. Em alguns casos, o uso das propriedades da amora miura podem, inclusive, proteger o organismo de doenças sérias e até mesmo prolongar a vida.

Benefícios da amora miura

Amora miura

A amora miura é uma variação da amora preta (Foto: depositphotos)

A amoreira que produz a amora miura não produz frutos e a maioria das propriedades medicinais estão presentes nas folhas da planta. As raízes também são usadas, mas em menor potencial. Confira abaixo os benefícios da amora miura:

  1. Diminui a taxa de glicose no organismo
  2. Reduz os sintomas da menopausa
  3. Regula a flora intestinal
  4. Faz bem para os ossos
  5. Melhora o funcionamento do fígado e rins
  6. Ajuda a emagrecer
  7. Combate a pressão alta
  8. Ajuda a diminuir o colesterol
  9. Combate o câncer
  10. Combate o envelhecimento precoce
  11. Previne a calvície
  12. Combate fungos, bactérias e inflamações

Está surpreso(a) com todos esses benefícios? Vale lembrar que estes são apenas alguns dos mais destacados nessa imensa lista. Abaixo você conhecerá mais um pouco sobre a capacidade de ação benéfica desta planta no organismo humano.

Veja mais sobre os benefícios

Neste tópico, explico como cada um dos benefícios citados nesse artigo acontece e é comprovado pela ciência médica e farmacêutica. Nossas informações foram retiradas de fontes baseadas em materiais e produções científicas nacionais e internacionais, a fim de trazer as informações mais completas para você.

1. Diminui a taxa de glicose no organismo

As propriedades da amora miura são usadas no controle da glicose no organismo. Devido a presença de um composto de substâncias inibidoras do aumento glicêmico, a amora miura é capaz estimular a produção natural de insulina. Portanto, ajuda a manter os níveis regulados.

Esse benefício está escondido nas folhas da planta, que podem ser usadas em extratos puros e chás. Nos dois casos, os benefícios aparecerão em pacientes de diabetes.

Veja tambémPó de folha da moringa ajuda a tratar o diabetes

2. Reduz os sintomas da menopausa

Outra super vantagem do consumo da amora miura é a redução dos sintomas da menopausa em mulheres acimas dos 35 anos de idade. A composição das propriedades e nutrientes presentes nas folhas da amora miura regula os hormônios (principalmente o estrogênio).

A menopausa altera o funcionamento dos hormônios no corpo da mulher, o que pode trazer alguns sintomas como ondas de calor, desconforto e sensibilidade vaginal, desejo sexual reduzido, alterações de humor, fadiga e muito mais.

Com o uso das propriedades da amora miura, é possível ajustar parte da concentração de hormônios no corpo, o que deixa o processo mais fácil para as mulheres. Com os sintomas reduzidos, a entrada na menopausa é muito mais fácil e saudável.

3. Regula a flora intestinal

Devido a grande quantidade de fibras alimentares presentes na composição desta planta, um dos seus benefícios é melhorar e regular o funcionamento do intestino.

Além disso, a amora miura contém substâncias que estimulam o trânsito intestinal, combatendo, dessa forma, a prisão de ventre. Como se não bastasse, estudos comprovam que ela diminui os bacilos nocivos do intestino sem prejudicar os bacilos benéficos.

O consumo desta planta, e de seus produtos derivados, é muito recomendado no tratamento de doenças que afetam o trato intestinal. Seus nutrientes são capazes de manter o intestino funcionando em boas condições.

4. Faz bem para os ossos

A tabela de composição da amora miura nos revela uma ótima surpresa: ela é uma excelente fonte de cálcio. Só para você ter noção, trata-se de uma quantidade 22 vezes maior do que o leite, que é famoso pelos seus benefícios para a estrutura óssea.

Além disso, a amora miura é rica em outros sais minerais que melhoram a saúde dos ossos em geral, articulações e funcionamento de órgãos importantes, como rins e coração. Entre estes minerais estão o potássio, ferro, magnésio e zincoVale ressaltar que proteínas também estão presentes na sua composição.

5. Melhora o funcionamento do fígado e rins

Como já falamos acima, a amora miura possui nutrientes importantes para o bom funcionamento de alguns órgãos. Contudo, vale destacar que os órgãos mais beneficiados com isso são o fígado e os rins.

A composição desta planta parece ter sido feita em para ser potencializadora do funcionamento destes órgãos. Além de nutri-los, a amora miura inibe o acúmulo de gordura e colesterol em ambos os órgãos, o que melhora a saúde geral do corpo.

6. Ajuda a emagrecer

A amora miura também oferece ajuda aqueles(as) que estão buscando perder peso. Além das propriedades antioxidantes, que ajudam nesse processo, a planta contém substâncias que inibem o acúmulo de gordura no corpo.

Como se não bastasse, junto às fibras, ela ainda ajuda no aumento de volume de gordura eliminada pelas fezes e facilita a queima de gordura, semelhante a como acontece com o consumo de alimentos termogênicos. Além disso, é um produto natural indicado para pessoas que desejam manter o peso atual. Ainda que não seja o objetivo emagrecer, a amora miura ajuda a evitar o ganho de peso.

O chá de amora miura é recomendado também para aumentar o fluxo urinário, o que ajuda na eliminação de líquidos retidos no corpo. Isso também ajuda na diminuição de medidas.

Veja também: Quantas calorias perder por dia para emagrecer?

7. Combate a pressão alta

Você sabe o que é ácido y-aminobutírico (GABA)? Provavelmente não. Esta substância (um tanto rara) está presente na composição das folhas de amora miura. Sua principal função no organismo humano é normalizar a elevação da pressão arterial.

O GABA é um ácido hipotensor, que deve ser usado em picos de pressão arterial elevada. Ele ajuda a diminuir a elevação, portanto restaurando o nível normalizado da pressão.  

8. Ajuda a diminuir o colesterol

Estudos realizados no Brasil apontaram as folhas da amora miura possuem substâncias que estimulam a  atividade hipocolesterolêmica. Ou seja, que ajuda o organismo a diminuir o nível de colesterol.

A pesquisa, realizada em roedores de laboratório, comprovou que algumas propriedades presentes na composição das folhas desta planta são capazes de abaixar o colesterol. Com um quadro promissor neste assunto, cientistas apostam suas fichas na ideia de que esse benefício será muito usado na farmacologia no futuro.

Em especial, o estudo cita a importância de duas substâncias neste processo, a quercetina e o ácido cafeico. Ambas são muito importantes para a regulação do colesterol.

Curiosamente, o estudo observou maior eficácia desse benefício em animais do sexo feminino. Isso pode representar que os remédios desenvolvidos com as folhas desta planta sejam mais potentes para a saúde da mulher. Só a ciência nos dirá no futuro.

9. Combate o câncer

Já citamos que as folhas de amora miura contém substâncias benéficas como a quercetina e o ácido cafeico. Além destas, a composição de propriedades das folhas da amora miura é repleta de outras substâncias antioxidantes que ajudam a combater e prevenir o câncer.

A ação antioxidante protege as células da oxidação provocada por radicais livres. Neste caso em especial, as propriedades da amora miura agem diretamente no processo chamado de lipoperoxidação.

Sendo mais eficiente na prevenção do que no combate, você pode consumir o chá ou extrato de amora miura para proteger alguns órgãos do risco de câncer. As chances de câncer de rim diminuem bastante com o uso preventivo das propriedades desta planta.

10. Combate o envelhecimento precoce

Os radicais livres (os mesmos citados no tópico anterior) também são os responsáveis pode abrir espaço no organismo para doenças da idade avançada. Os radicais livres danificam as células a ponto de que elas não envelhecem bem e aumenta o risco de problemas de saúde.

O chá de amora miura tem efeito antioxidante comprovado pela ciência, e este o um dos principais métodos de combater o envelhecimento precoce das células. Além disso, é importante seguir uma boa alimentação e praticar alguma atividade física.

Este grande combo de boa alimentação + dieta saudável + chá de amora miura, além de fazer muito bem para o seu bem-estar físico e mental, pode defender o seu corpo de várias doenças.

11. Previne a calvície

Um artigo científico resultante de uma pesquisa japonesa mostrou que as propriedades da amora miura também são capazes de prevenir a calvície. Além disso, o consumo do chá ou produtos desta planta podem ajuda no tratamento para a queda de cabelo, além da prevenção.

Isso se deve devido a sua composição, que possui nutrientes que estimulam a circulação sanguínea no couro cabeludo, melhoram a qualidade dos fios e fortificam os fios. Por isso, ocorre a diminuição progressiva da queda dos fios.

12. Combate fungos, bactérias e inflamações

Por fim, mas não menos importante, a composição da amora miura resulta em um combo de vitaminas, minerais e nutrientes que são um verdadeiro remédio natural contra fungos, bactérias e inflamações.

Por isso, se você está passando por algum desses problemas ou conhece alguém que está, saiba que o chá e produtos de amora miura são de grande ajuda.

Veja também: Elimine fungos das unhas de forma natural e eficaz

Como preparar o chá de amora miura

O chá da amora miura é o método mais comum de consumo desta planta em países ocidentais como o nosso Brasil. Por isso, veja como prepará-lo da forma correta:

  1. Ferva 1 xícara de água em panela ou chaleira e desligue o fogo.
  2. Adicione 1 colher (de chá) de folhas de amora miura picadas e tampe por 10 minutos.
  3. Em seguida, coe e beba.

Não é aconselhável adoçar essa bebida natural. O açúcar pode mudar a composição da infusão e, com isso, alguns benefícios se perdem. Contudo, se preferir mesmo assim, adoce com 1 colher (de sopa) de mel de abelha, que também é uma opção natural e não vai desfazer os benefícios.

Como tomar o chá corretamente

Alguns estudos indicam que o chá da amora miura deve ser tomado todos os dias em alguns casos. Por exemplo, o consumo diário é indicado para pacientes de diabetes e mulheres na menopausa. Qualquer pessoa pode tomar o chá de amora miura todos os dias, exceto pessoas que sofrem de pressão baixa.

O consumo indicado é 3 vezes ao dia, em cada turno. É importante, contudo, ressaltar que estas 3 porções diárias precisam ser moderadas. Uma quantidade que não ultrapasse 1 xícara em cada “rodada” do consumo. ½ xícara já deve ser suficiente.

Um estudo comprovou que os benefícios completos e totais do consumo do chá da amora miura aparecem com 90 dias de ingestão diária (pelo menos 1 vez por dia). Entretanto, isso não quer dizer que os benefícios só aparecem após esse período.

A partir do momento em que você ingere a bebida natural pela primeira vez, você já obtém as qualidades da amora miura e, aos poucos, elas vão se manifestando no organismo. Mas se você ainda tem dúvidas, experimente e descubra por si. Depois volte aqui e nos conte o que achou!

Onde comprar?

As folhas de amora miura são bem difíceis de encontrar no Brasil, mas apenas para quem não sabe procurar direito. Apesar da dificuldade, existem empresas qualificadas que vendem as folhas, extratos e cápsulas de amora miura.

A maioria delas trabalham na internet, mas vale a pena dar um pulinho na loja de produtos naturais mais próxima e ver se eles vendem por lá.

Contudo, é preciso ter bastante cuidado com os enganos. Muitas pessoas acabam comprando as folhas de amora comum pensando ser as folhas de amora miura. Além disso, existem vendedores aproveitadores ou mesmo desinformados que dizem que são as folhas da miura quando na verdade são as folhas de amora comum. Fique atento(a)!

Referências

» Avaliação toxicológica pré-clínica do chá das folhas de Morus nigra L. (Moraceae)

» MONOGRAFIA DA ESPÉCIE Morus nigra L. (AMOREIRA) por Ministério da Saúde e Anvisa

» Estudo farmacobotânico das folhas de amoreira-preta, Morus nigra L., Moraceae

» HIRAHARA, Fumiko. SOBRE A FOLHA DE AMOREIRA E SEUS COMPONENTES por Instituto Japonês de Saúde e Nutrição (Tradução Juramentada)

» Safety assessment of Morus nigra L. leaves: Acute and subacute oral toxicity studies in Wistar rats 

ATENÇÃO: Nosso conteúdo é apenas de caráter informativo. Todo procedimento deve ser acompanhado por um médico ou até mesmo ditado por este profissional.

Sobre o autor

Avatar
24 anos, é jornalista e produtor de conteúdo especializado. Atua com produção jornalística há 4 anos. Vencedor do prêmio de empreendedorismo digital “Academic Winner 2017”, promovido pela DeVry University na Califórnia, Estados Unidos. Tem no currículo trabalhos em emissoras de televisão, jornal impresso, revistas e internet. É pernambucano e tem como hobbies escrever, jogar videogames, cinema e estudos sociais.