Remédio caseiro para diarreia: 8 receitas fáceis

Você sabia que é possível usar remédio caseiro para diarreia? Para isso, é necessário ter alguns conhecimentos básicos que você vai aprender nesse artigo. Ao todo, o Remédio Caseiro traz oito receitas fáceis para eliminar esse problema da sua vida.

E para conseguir essas informações, conversamos com a farmacêutica Ianca Pereira Silva. Segundo a profissional, é possível usar de tratamentos naturais para combater a dor de barriga, mas ela também alerta para alguns cuidados primordiais.

“É importante ressaltar que devido a grande facilidade de desidratação, se após 3 dias não houver melhora, o paciente deve procurar imediatamente algum serviço de saúde”, destaca Ianca.

De acordo com a farmacêutica, essa condição evolui com facilidade para um quadro de desidratação, principalmente em crianças e idosos. Fora desses grupos de risco, o paciente pode usar de elementos naturais e caseiros para eliminar a diarreia, como a ingestão de bastante água, sucos, soro caseiro e até mesmo chás.

Remédios caseiros para diarreia

“Em casa, o paciente deve tomar bastante água e sucos que tenham vitamina C que fortalecerá a imunidade e ajudará a manter o paciente hidratado. O soro caseiro também é fundamental, assim como os chás que ajudam tanto na cólica intestinal como a diminuir o número de evacuações”, explica a farmacêutica Ianca Pereira.

Mulher com dor na barriga

A diarreia pode ser combatida com a ingestão de água, soros ou sucos ricos em vitamina C (Foto: depositphotos)

Confira a seguir alguns remédios caseiros para diarreia recomendados pela especialista em farmácia e comprovados pela ciência:

  • Sucos ricos em vitamina C
  • Soro caseiro
  • Mistura com maisena
  • Chá de camomila
  • Chá de boldo
  • Chá das folhas de goiabeira
  • Outros chás, como hortelã e erva-doce

Nos próximos tópicos você entende melhor como esses tratamentos funcionam no organismo, como prepará-los e a melhor maneira de usá-los.

Que suco é bom para diarreia?

Como a farmacêutica indicou, os melhores sucos para tratar a diarreia são os que são ricos em vitamina C. Além de atuarem como repositores de líquidos, essas bebidas também ajudam a fortalecer o sistema imunológico.

De acordo com a ciência, esse nutriente aumenta a produção de glóbulos brancos, que são as células essenciais no sistema imunológico. Assim, a vitamina C tem a função de combater micro-organismos e estruturas estranhas que “atacam” a saúde do nosso organismo. (1)

Portanto, é indicado tomar sucos de algumas frutas ricas nesse nutriente, como goiaba, limão e caju. Assim, você evita a desidratação, repõe nutrientes perdidos e fortalece o corpo.

Como fazer soro caseiro?

Outro importante remédio feito em casa, indicado por Ianca e por órgãos ligados à saúde, é o soro caseiro. Como a maioria já deve saber, essa bebida ajuda a repor os principais nutrientes perdidos nas evacuações, o sódio e potássio. Além de ajudar na manutenção da hidratação do corpo.

Para fazê-lo é simples, basta usar 1 litro de água filtrada, 2 colheres (de sopa) de açúcar e 1 colher (de chá) de sal. Mistura todos os ingredientes e toma em seguida. Esse tratamento pode ser repetido a cada hora do dia. (2)

Remédio caseiro para diarreia com maisena

“A maisena não atuará diretamente na causa da diarreia, mas, ajuda bastante nos sintomas mais agressivos como a cólica, por exemplo. O que acontece é que ela ajuda a equilibrar o pH do intestino que estará desequilibrado devido a presença de algum patógeno”, explica a farmacêutica Ianca Pereira.

Ainda de acordo com a profissional, o mais utilizado é a maisena diluída em 1 copo de água e tomada imediatamente. No entanto, algumas pessoas podem ter resistência a essa forma de ingestão. Então, nesses casos, o mingau com esse ingrediente pode ajudar.

Há ainda uma outra receita com maisena recomendada pelo médico Osmar Cavalcante, no livro “Remédios Caseiros Aprovados“. Para fazer esse tratamento, o médico indica a utilização de 1 copo de água fria, 1 colher e meia (de chá) de maisena, suco de 1 limão e 1 colher (de chá) de açúcar. (3)

Chá de camomila para diarreia

Ianca Pereira também recomenda a utilização de chá de camomila para eliminar a diarreia. Para isso, é necessário preparar a infusão com 200 ml de água filtrada e 1 colher (de sopa) de flores de camomila frescas ou secas.

Com esses ingredientes em mãos, coloque a água para ferver e após o ponto de ebulição, desligue o fogo. Em seguida, adicione a planta e tampe o recipiente durante 10 minutos. Depois desse tempo, coe e beba o chá ainda morno, sem adicionar açúcar ou adoçante. O tratamento com essa bebida pode ser repetido até duas vezes por dia.

“O chá de camomila atua tanto no restabelecimento da flora intestinal pois possui ação bactericida, como no alívio das cólicas intestinais devido a sua ação antiespasmódica que diminui a contração do intestino”, ressalta a profissional de farmácia.

Qual o melhor chá para tratar esse problema?

Ainda segundo Ianca, além da camomila outra planta medicinal rende um chá excelente para combater os sintomas da diarreia, trata-se do boldo. Para a especialista, essa erva auxilia na questão dos gases e mal estar. Mas deve ser consumida com consciência, pois altas doses desse chá podem causar intoxicação.

Sendo assim, prepare o chá de boldo com 200 ml de água filtrada e 1 colher (de chá) das folhas da erva. O primeiro passo é ferver o líquido e após o processo de ebulição, deve-se desligar o fogo e adicionar as folhas. Em seguida, tampe o recipiente e beba o chá coado após 10 minutos de infusão.

Assim como o chá de camomila, nessa opção de bebida não leva-se açúcar ou adoçante. Além disso, a quantidade máxima diária é de duas xícaras.

Como fazer chá de folha de goiaba para diarreia?

Poucas pessoas sabem, mas além do fruto, a goiabeira também possui nutrientes e propriedades importantes em suas folhas. Para ser mais exata, o valor médico do chá de goiabeira está comprovado devido às propriedades adstringentes das folhas dessa planta, ricas em tanino.

Essa propriedade tem ação inibidora da transferência de água dos tecidos para o intestino. Além disso, a goiabeira tem ação antimicrobiana, especialmente contra Salmonela e Shighella, as responsáveis por causar intoxicação alimentar.

Dessa maneira, é recomendado fazer o chá por decocção usando 30 g de folhas para 1 litro de água filtrada. O recomendado é tomar uma xícara de três a cinco vezes ao dia. (4)

Chás para esse problema

Além dos chás da camomila, boldo e das folhas da goiabeira, outras duas infusões são recomendadas para tratar a diarreia em casa, são elas: erva doce e hortelã. (2,5)

No primeiro caso, é preciso usar 1 litro de água e 3 colheres (de sopa) de sementes de erva doce secas. Com esses itens em mãos, coloque a água para ferver e após chegar ao ponto de ebulição, desligue o fogo. Adicione a erva doce, tampe o recipiente e aguarde 5 minutos. Depois coe e tome sem adoçar por até três vezes ao dia.

Para fazer o chá de hortelã é necessário colocar de 8 a 10 folhas da planta (lavadas) em 300 ml de água fervendo. Desligue o fogo, abafe por 30 minutos e coe. Em seguida, deve-se beber sem adicionar açúcar ou adoçante. A dose recomendada é de, no máximo, três xícaras ao dia.

É possível usar bicarbonato para acabar com a dor de barriga?

Muitas pessoas costumam usar o bicarbonato para tentar eliminar a diarreia, mas segundo Ianca, ainda não há estudos que comprovem a eficácia desse tratamento.

“O que se sabe é que ele [bicarbonato] melhora a digestão, evitando gases e refluxo, por exemplo. Para isso, basta diluir 1 colher (de chá) do bicarbonato em 250 ml de água”, indica a profissional.

Alimentos mais indicados em casos de diarreia

Além dos remédios caseiros já mencionados, Ianca Pereira Silva recomenda a adoção de uma dieta especial para eliminar a diarreia. Segundo a especialista, os alimentos ricos em fibra são os melhores para esses casos, uma vez que ajudam a regular o intestino.

São exemplos desses alimentos o arroz integral, iogurtes (com lactobacilos), legumes bem cozidos e frutas como a maçã e a banana, ambas sem cascas. Outras opções de alimentos que controlam ou evitam a diarreia são recomendadas pelo Ministério da Saúde, através do Instituto Nacional de Câncer (INCA), são eles:

  • Frutas: banana prata ou banana maça, caju, pera, limão, goiaba, pêssego, maracujá, melão, melancia
  • Sucos: goiaba, caju e limonada
  • Legumes cozidos: batata, beterraba, cenoura, chuchu, aipim, inhame, cará e abobrinha sem casca
  • Cereais: arroz, macarrão, fécula de batata, farinha de arroz, creme de arroz, maisena, torrada e farinha de tapioca (goma)
  • Chás: preto, mate, erva doce, erva cidreira, canela, camomila, hortelã e de maçã
  • Proteína animal: ovo cozido, carnes magras como frango, peixe e carne vermelha sem gordura. (5)
Legumes cozidos

Cenoura é um dos legumes cozidos mais recomendados para tratar diarreia (Foto: depositphotos)

Diarreia na gravidez

Já quando a diarreia ocorre durante a gravidez, a farmacêutica explica que o cuidado deve ser redobrado. Isso porque, durante as evacuações, a gestante pode perder nutrientes importantes para ela e, principalmente, para a formação do feto.

“Caso seja uma diarreia leve, a grávida pode fazer a ingestão de pró-bióticos naturais encontrados em alguns iogurtes ou os encontrados nas farmácias, ingerir alimentos ricos em fibra e bastante água”, recomenda a profissional de farmácia.

Além disso, não é recomendado o uso de chás na gestação. De acordo com Ianca Pereira, dentro de uma espécie de planta existem famílias, muitas vezes em uma mesma espécie há famílias que causam contrações uterinas e outras não.

Portanto, para não colocar a saúde da gestante e do seu filho em risco, é melhor optar por tratamentos recomendados por profissionais da área de saúde. “Se em um único dia a grávida evacuar 3 ou mais vezes, ela deve ser encaminhada ao médico com urgência”, alerta.

Remédios farmacêuticos

Além dos remédios, o paciente pode encontrar na farmácia o atendimento do profissional farmacêutico, indicando os melhores mediamentos para cada caso. Mas de uma maneira geral, Ianca afirma que existem alguns produtos mais utilizados em casos de diarreia.

Por exemplo, os repositores da flora intestinal, regulando o funcionamento desse órgão e acabando com as cólicas, enjoos e evacuações. Nesses estabelecimentos também é possível encontrar os soros fisiológicos, que auxiliam na reidratação.

“Vale ressaltar que é contraindicado, quando não se sabe a causa da diarreia, o uso de medicação que interrompe as evacuações. Pois, em casos de intoxicação alimentar o ideal é que haja as evacuações para que seja liberada todas as toxinas do intestino”, destaca.

Como evitar a diarreia?

É importante destacar que a diarreia surge através de uma inflamação nos órgãos do sistema gastrointestinal. Em sua grande maioria, essa condição pode ser causada por vírus, bactérias e parasitas, geralmente acompanhada de intoxicação alimentar.

Por essa razão, é importante ter cuidado com a alimentação, evitando frituras, alimentos gordurosos ou enlatados e refeições que você não conheça a procedência. Também é importante estar atento à higienização correta, lembrando sempre de lavar as mãos antes de fazer alguma refeição.

“Mas, a ingestão de alguns medicamentos também pode acarretar na diarreia, como os antibióticos, quimioterápicos e laxantes. Além disso, algumas doenças trazem em seu quadro de sintomas a presença da diarreia, são elas: doença de Chron, colites ulcerosas, síndrome do intestino irritável, intolerância à lactose, entre outras”, informa Ianca.

Sendo assim, o recomendado é sempre buscar a opinião de algum especialista, principalmente para evitar os perigos da automedicação com remédios farmacológicos. Seguindo todas essas dicas e adotando, quando cabível, os remédios caseiros para diarreia, você vai conseguir eliminar esse problema da sua vida.

*Artigo feito com a colaboração da farmacêutica Ianca Pereira Silva (CRF: 7429-PE).

Referências

(1) “As propriedades funcionas da vitamina C“. Aditivos & Ingredientes. Disponível em: http://funcionaisnutraceuticos.com.br/upload_arquivos/201607/2016070134434001469726704.pdf. Acesso em 26 de abril de 2019.

(2) Prefeitura Municipal de Campinas. “Orientação nutricional para a diarreia“. Disponível em: http://www.saude.campinas.sp.gov.br/especialidades/nutricao/Orientacao_nutricional_para_Diarreia_FO1224.pdf. Acesso em 26 de abril de 2019.

(3) CAVALCANTE, Osmar C. “Remédios caseiros aprovados“. Ediouro, Rio de Janeiro.

(4) Repositório Universidade Federal de Santa Catarina. “Uso do chá de goiabeira, Psidium guajava, L. no tratamento da diarréia e sua valorização pela população
brasileira
“. Disponível em: https://repositorio.ufsc.br/bitstream/handle/123456789/114281/201736.pdf?…1. Acesso em 26 de abril de 2019.

(5) Ministério da Saúde – Instituto Nacional de Câncer José Alencar Gomes da Silva (INCA). “Guia de nutrição para pacientes e cuidadores – Orientações aos pacientes“. 3ª edição, 2008. Disponível em: https://www.inca.gov.br/sites/ufu.sti.inca.local/files//media/document//guia-de-nutricao-para-pacientes-e-cuidadores-web-2015.pdf. Acesso em 26 de abril de 2019.

Sobre o autor

Avatar
Jornalista (MTB-PE: 6750), formada em Comunicação Social com Habilitação em Jornalismo, pela UniFavip-DeVry, escreve artigos para os mais diversos veículos. Produz um conteúdo original, é atualizada com as noções de SEO e tem versatilidade na produção dos textos.