Buchinha do norte – Benefícios e propriedades

A buchinha do norte, de nome científico Luffa operculata, é uma planta medicinal nativa do…


A buchinha do norte, de nome científico Luffa operculata, é uma planta medicinal nativa do Brasil, sendo também conhecida como abobrinha-do-norte, cabacinha, buchinha, purga e outros nomes. Trata-se de uma trepadeira de caule anguloso, com folhas longo-pecioladas e as suas flores são amarelas, campanuladas, pequenas e axilares; os seus frutos são pequenos, ovóides e ásperos.

A parte utilizada desta planta são os seus frutos e servem para auxiliar no tratamento de problemas respiratórios, como rinites e sinusite, dentre outras condições de saúde. A planta pode ser encontrada à venda em alguns mercados, lojas de produtos naturais e em farmácias de manipulação. Os frutos da buchinha do norte devem ser usados de forma externa, apenas em inalações.

Buchinha do norte - Benefícios e propriedades

Foto: Reprodução

As propriedades e as indicações de uso

A buchinha do norte possui ação anti-herpética, adstringente, antisséptica, expectorante e vermífuga. As indicações de uso da planta incluem o tratamento de rinite, sinusite, bronquite, nariz entupido, amenorreia, inflamações genito-urinárias e oftálmicas, feridas, ascite, dor de cabeça e herpes.

Como utilizar a buchinha do norte?

Deve-se ter cautela para utilizar a buchinha do norte, pois a planta é altamente tóxica e o seu uso é exclusivamente externo em inalações.


Para inalações em casos de sinusites e rinites, basta seguir os seguintes procedimentos:

– Coloque uma colher de café de sal em uma xícara de chá de água. Descasque a buchinha e corte um pedaço (1 ou 2 cm) e coloque na xícara de água e sal, deixando em maceração por um período de 5 dias. Após isso, coe e pingue 1 ou 2 gotas na narinas, pela manhã e à noite, sem assoar o nariz, deixando escorrer naturalmente.

– Divida a buchinha em 4 partes, coloque uma dessas partes de molho em água mineral durante uma noite e, no dia seguinte, pingue essa água nas narinas, duas vezes ao dia, inspirando bem.

Efeitos colaterais e contraindicações

Quando usada em excesso e sem orientação médica, a buchinha do norte pode provocar irritação na mucosa e hemorragias. A buchinha do norte é contraindicada para mulheres grávidas e no uso interno. É importante ressaltar, também, que os frutos da buchinha do norte devem ser utilizados sem ferver, pois possuem substâncias que podem provocar hemorragias nasais. Lembre-se da importância de consultar um médico antes de iniciar qualquer tratamento!


Reportar erro