Flor de laranjeira: água, chá e outros usos da planta

A flor de laranjeira é conhecida pela beleza e perfume, mas também possui diversas propriedades medicinais. Ao longo dos últimos anos, pesquisas científicas mostram benefícios saudáveis dessa planta, como a prevenção de doenças e efeito calmante. Confira aqui essas e outras vantagens saudáveis do seu consumo.

Vamos falar sobre a composição das flores e folhas da Citrus sinensis e Citrus aurantium (nome científico das espécies-irmãs de laranjeiras). Com elas é possível produzir chá e água medicinal que são verdadeiros remédios caseiros. Veja:

Benefícios da flor de laranjeira

Os estudos sobre os benefícios da flor de laranjeira ainda são poucos e recentes, mas já é possível definir alguns potenciais curativos comprovados. Abaixo, você encontra a lista:

Flor de laranjeira
A flor de laranjeira pode ser usada para combater a insônia (Foto: depositphotos)

É antioxidante

Um estudo brasileiro revela que o extrato e a água feitos a partir das folhas e flores de laranjeira possuem alto efeito antioxidante. Isto é, a capacidade de combater os radicais livres presentes no organismo e ajudar na prevenção de várias doenças, inclusive problemas de saúde graves como o câncer e o Alzheimer. (1, 2)

Os citados radicais livres são moléculas instáveis que dificultam a vida saudável das células do organismo. Eles podem surgir através da má alimentação, sedentarismo e exposição a produtos com graus de toxidade, como o álcool, fumaça e produtos químicos, por exemplo. Os alimentos antioxidantes são muito importantes porque são eles que eliminam os radicais livres do nosso corpo. (3)

Além do câncer e Alzheimer, a ação antioxidante pode prevenir o envelhecimento precoce, obesidade, diabetes, hipertensão, doenças cardiovasculares, Parkinsonismo e outras várias doenças degenerativas, autoimunes ou crônicas.

Previne e combate a leishmaniose

Um benefício peculiar da flor de laranjeira é que ela é capaz de prevenir e ajudar no tratamento da leishmaniose, uma doença comum em crianças e que atinge o fígado, baço e a médula óssea. Essa doença é causada por parasitas do tipo Leishmania e se divide em 3 tipos: Calazar, leishmaniose cutânea e leishmaniose monocutânea. (4)

Os sintomas mais comuns da doença em humanos são febre duradoura, fraqueza, perda de apetite, anemia, palidez, inchaço do baço e do fígado, problemas na medula óssea, problemas respiratórios, diarreia, sangramento na boca e nos intestinos.

Apesar dos sintomas perigosos, a leishmaniose é uma doença tratável. Você deve procurar uma unidade de saúde o mais rápido possível. O chá e água de flor de laranjeira pode ajudar a tratar a doenças mais rapidamente.

É calmante e ansiolítico

As receitas medicinais feitas com esse planta ainda podem ser usadas para acalmar e combater a ansiedade de quem as consome. Esse benefício é comprovado através de uma pesquisa que analisou o óleo obtido através de extratos das folhas e flores da laranjeira. (5)

Além disso, também é comprovado o efeito sedativo, capaz de ajudar na indução do sono e, consequentemente, no tratamento da insônia e outros distúrbios relacionados a dormir. (6)

Imagem dos benefícios

Modos de uso

Existem alguns modos comuns de usar a flor de laranjeira em benefício da saúde. Pensando nisso, listamos os principais. Confira:

  • Consumir o chá: a infusão é a maneira mais conhecida de obter os benefícios fitoterápicos dessa planta. Veja a receita do chá no próximo tópico.
  • Consumir a água feita com a planta: essa receita pode ser ingerida ou aplicada na pele. Algumas pessoas também gostam de tomar banho com essa receita. Aprenda como prepará-la abaixo.
  • Óleo de flor de laranjeira: é um produto natural que pode ser encontrado em lojas de produtos naturais. Seu uso é tópico, ou seja, de aplicação na pele.
  • Utilizar o aroma: a aromaterapia afirma que alguns benefícios podem ser obtidos através do cheiro das plantas. Nesse caso, inalar o chá, água ou óleo de flor de laranjeira pode trazer alguns dos benefícios, como o efeito calmante e sedativo, por exemplo. Algumas pessoas costumam pingar um pouco no travesseiro para ter uma melhor noite de sono.

Chá de flor de laranjeira: Aprenda a receita

O chá feito com a planta é uma das formas mais comuns de se obter os benefícios listados anteriormente. A receita, aliás, é bem simples e só precisa das flores/folhas da planta e água filtrada. Confira:

  1. Em uma panela, aqueça 1 xícara de água filtrada. Assim que ferver, desligue o fogo.
  2. Em seguida, adicione 1 colher (de sopa) de flores/folhas de laranjeira.
  3. Tampe por aproximadamente 10 minutos.
  4. Por fim, coe e beba sem adoçar.

Receita de água de flor de laranjeira

Agora, vamos falar sobre outro modo de consumir os benefícios saudáveis dessa planta: através da conhecida água de flor de laranjeira. Seu preparo também é bastante simples.

  1. Em uma jarra ou poncheira, adicione aproximadamente 50g de flores secas de laranjeira.
  2. Adicione em seguida ½ litro de água filtrada.
  3. Misture usando uma colher e tampe com papel filme.
  4. Deixe descansar em um local fresco e escuro pelas próximas 24 horas.
  5. Após esse período, coe usando um coador fino ou um pano limpo.
  6. Guarde em um recipiente de vidro, esterilizado e com tampa.
Imagem da receita

Contraindicações

Durante a pesquisa para a produção deste artigo, não foram encontradas contraindicações para o uso do chá ou água feitos a partir de folhas ou flores de laranjeira. Contudo, alertamos para que não faça uso em excesso, pois qualquer substância em exagero faz mal ao organismo. Principalmente propriedades que não estamos acostumados a consumir.

Referências:

(1) ARAUJO, Emanuel Isaias Mota et al. Caracterização da atividade antioxidante, teor de fenóis totais e atividade larvicida frente ao Aedes aegypti de Citrus sinensis L.(Laranja). Blucher Chemistry Proceedings, v. 3, n. 1, p. 276-282, 2015. Disponível em: <http://pdf.blucher.com.br.s3-sa-east-1.amazonaws.com/chemistryproceedings/5erq4enq/org3.pdf>. Acesso em: 28 de agosto de 2019.

(2) ANTUNES, Raquel Beirão. Avaliação do efeito da digestão in vitro na capacidade antioxidante de infusões medicinais: flor de camomila e flor de laranjeira. Dissertação para obtenção do Grau de Mestre em Tecnologia e Segurança Alimentar. 2012. Disponível em: <http://hdl.handle.net/10362/9068>. Acesso em: 30 de agosto de 2019.

(3) FERREIRA ALA, MATSUBARA LS. Radicais livres: conceitos, doenças relacionadas, sistema de defesa e estresse oxidativo. Rev. Assoc. Med. Bras., São Paulo, 1997  Disponível em: <http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0104-42301997000100014>. Acesso em: 28 de agosto de 2019.

(4) GARCIA, AR; AMARAL, ACF; AZEVEDO, MMB; CORTE-REAL, S; LOPES, RC; ALVIANO, CS; PINHEIRO, AS; VERMELHO, AB; RODRIGUES, IA. Cytotoxicity and anti-Leishmania amazonensis activity of Citrus sinensis leaf extracts. Pharm Biol. 2017. Disponível em: <https://www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/28524774>. Acesso em: 30 de agosto de 2019.

(5) CARVALHO-FREITAS, MI; COSTA, M. Anxiolytic and sedative effects of extracts and essential oil from Citrus aurantium L. Biol Pharm Bull. 2002. Disponível em:<https://www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/?term=citrus+leaf+sedative>. Acesso em: 30 de agosto de 2019.

(6) GUZMÁN-GUTIÉRREZ, SL; NAVARRETE, A. Pharmacological Exploration of the Sedative Mechanism of Hesperidin Identified as the Active Principle of Citrus sinensis Flowers. Planta Medica. 2008. Disponível em: <https://www.thieme-connect.com/products/ejournals/abstract/10.1055/s-0029-1185306>. Acesso em: 30 de agosto de 2019.

ATENÇÃO: Nosso conteúdo é apenas de caráter informativo. Todo procedimento deve ser acompanhado por um médico ou até mesmo ditado por este profissional.

Sobre o autor

Avatar
24 anos, é jornalista e produtor de conteúdo especializado. Atua com produção jornalística há 4 anos. Vencedor do prêmio de empreendedorismo digital “Academic Winner 2017”, promovido pela DeVry University na Califórnia, Estados Unidos. Tem no currículo trabalhos em emissoras de televisão, jornal impresso, revistas e internet. É pernambucano e tem como hobbies escrever, jogar videogames, cinema e estudos sociais.