Vassourinha doce, aliada do tratamento de doenças respiratórias

Com o nome científico de Scoparia dulcis, a planta vassourinha doce é originária do Brasil,…


Com o nome científico de Scoparia dulcis, a planta vassourinha doce é originária do Brasil, sendo comum encontrá-la em campos abertos sem a necessidade de grandes empenhos para seu cultivo. Dependendo da região, pode ser conhecida popularmente como ganha aqui ganha acolá, coerana branca, tapeiçaba, vassourinha de botão, vassourinha miúda, vassourinha cheirosa, tupiçaba e corrente roxa. Pertence à família das Scrophulariaceae e se trata de uma planta herbácea, muito ramificada e de caule lenhoso, que pode chegar até 50cm de altura. Pode ser identificada pelas pequenas e solitárias flores brancas, além do fruto sustentado por um cálice dentado, em forma de cápsula globosa. De sabor amargo, a planta foi descoberta pelos caboclos, que a utilizavam para tratar seus problemas respiratórios. O tempo passou e a vassourinha doce foi indicada para as posteriores gerações, que após estudos comprovaram os efeitos da planta no organismo humano.

Vassourinha doce, aliada do tratamento de doenças respiratórias

Foto: Reprodução

Propriedades e benefícios

As principais propriedades medicinais da planta vassourinha doce são:

  • Adstringente;
  • Antiespasmódica;
  • Antisséptica;
  • Anticonceptiva;
  • Antidiabética;
  • Antiasmática;
  • Depurativa;
  • Diurética;
  • Digestiva;
  • Emética;
  • Expectorante;
  • Tônica;
  • Vermífuga.

Por possuir tantas propriedades benéficas, a vassourinha doce é comumente indicada para o tratamento de alergia, coceiras e problemas de pele em geral. Cólicas, hemorróidas, má digestão e males gastrintestinais também são aliviados após o consumo da planta.


Como dito no início, os caboclos acreditavam que a vassourinha doce curasse ou ao menos aliviasse seus problemas respiratórios, e estudos confirmaram que eles estavam certos: o consumo regular e frequente da planta trata asma, bronquite, catarro e tosse. Permite que o indivíduo volte a respirar bem e ter noites de sono tranquilas.

Ainda, indica-se o uso de vassourinha doce para quem sofre de infecções urinárias, vaginite, corrimentos vaginais, inchaço nas pernas, diabetes e varizes.

Modo de usar

Leve ao fogo meio litro de água, juntamente com 10g da planta. Deixe ferver por 10 minutos, então abafe e aguarde amornar. Quando a temperatura estiver adequada, adoce o chá e o consuma entre 3 e 4 vezes por dia, preferencialmente antes das principais refeições.


Reportar erro