Suco de graviola: 5 benefícios e 3 receitas

O suco de graviola é uma opção saborosa e saudável para se refrescar nos dias quentes, principalmente porque possui diversos benefícios incríveis para a saúde. Com destaque para o efeito calmante e de proteção contra o câncer.

Além disso, a bebida conta com diversas vitaminas e minerais que fazem com que ela seja importante para prevenir diversas outras doenças, retardar o envelhecimento da pele e melhorar o funcionamento do intestino.

O melhor de tudo é que existem várias maneiras de preparar o suco utilizando a polpa da graviola, que também é conhecida como jaca-do-pará e araticum, misturada com outros ingredientes naturais, com certeza um deles vai cair no seu gosto. 

Graviola partida ao meio

A graviola previne o câncer, a diabetes e controla a pressão arterial (Foto: depositphotos)

5 benefícios do suco de graviola para a saúde

Cada porção de 100 gramas de graviola apresenta cerca de 16 gramas de carboidratos e 2 gramas de fibras alimentares. Cada copo do suco contém boas quantidades de minerais como cálcio, magnésio, fósforo, ferro, potássio e zinco, além de vitaminas do complexo B, de vitamina C e proteínas. (1)

1- Previne o câncer e a diabetes

Essa grande quantidade de vitaminas encontrada no suco da graviola auxilia no combate e prevenção de vários tipos de doenças.

Só para você ter uma pequena noção do poder dessa bebida para a saúde, uma pesquisa feita por pesquisadores da Universidade Federal de Tecnologia da Nigéria descobriu que a polpa da graviola consegue prevenir a diabetes.

Isso acontece porque a fruta impede a liberação de uma enzima conhecida como glucosidase, que é uma substância responsável pela liberação da glicose no sangue.

A pesquisa indicou ainda que a polpa da fruta é rica em compostos fenólicos, substâncias que auxiliam a excreção de toxinas que contribuem para o desenvolvimento da hipertensão, o que comprova a eficácia dela no controle da pressão arterial. (2)

Outro ponto importante a ser dito é sua atuação na prevenção de alguns tipos de câncer. O que acontece por causa da ação de substâncias chamadas acetogeninas que impedem a proliferação de células cancerígenas. (3)

Por fim, mas não menos importante, por ser rica em vitamina C, a bebida ajuda a fortalecer o sistema imune. Esse nutriente, chamado também de ácido ascórbico, foi descrito como sendo responsável por aumentar a proliferação de anticorpos

Fora isso, o ácido ascórbico é um potente antioxidante, que impede que as células saudáveis sofram danos pelo estresse oxidativo. Reação que ocorre quando os compostos dessas estruturas começam a se deteriorar, deixando o corpo mais suscetível a doenças. (4)

2- Relaxa o corpo e a mente

Sabia que um copo desse suco pode te ajudar a relaxar depois de um dia estressante? Pois é, pesquisadores belgas identificaram que a polpa da fruta é rica em alguns aromas naturais conhecidos como isoquinolinas.

Essas substâncias atuam direto no sistema nervoso central, o que impede a liberação de hormônios que promovem o estado de alerta, como a dopamina e a adrenalina. 

Tá, mas o que isso significa? Significa que você fica mais relaxado, pois o seu organismo não está liberando substâncias que mandam você ficar pronto para lutar, o que contribui para a redução do estresse e também da ansiedade. (5)

3- Emagrece

O suco de graviola é perfeito para quem deseja perder aqueles quilinhos extras. Isso acontece, em primeiro lugar, porque essa é uma bebida pouco calórica, possuindo apenas 82 calorias por porção. (1)

Também, por ser rica em fibras, a bebida ajuda a aumentar a sensação de saciedadeEsses compostos tomam espaço que seriam de calorias no estômago, além de fazer com que você sinta menos fome ao longo do dia. (6)

O resultado é uma diminuição na quantidade de calorias ingeridas, promovendo assim o emagrecimento saudável e de maneira refrescante e deliciosa.

4- Melhora o funcionamento do intestino 

Sabe essa grande quantidade de fibras encontrada no suco? Pois ela faz com que essa seja a bebida ideal para quem precisa de uma ajudinha no funcionamento do intestinoIsso acontece porque as fibras alimentares aumentam a mobilidade intestinal. Bem simples, não é?

Na verdade, o que acontece é que esses nutrientes não são digeridos pelo ácido estomacal, portanto passam inteiros para o intestino e no caminho eles absorvem bastante água, impedindo o ressecamento das fezes, e alargando a parede intestinal. (6) 

O resultado é que o cocô não fica seco e tem mais espaço para se mover, acabando com o problema da constipação.

5- Deixa a pele mais bonita e saudável 

Adicionar esse suco a sua dieta também ajuda a deixar a pele com uma aparência mais saudável e bonita. Isso graças à presença da vitamina C, que atua na prevenção do envelhecimento precoce. 

O ácido ascórbico, como destacou uma pesquisa publicada nos Anais Brasileiros de Dermatologia, é o composto responsável por estimular a produção de colágeno, uma proteína que dá a estrutura da pele.

O resultado é que a pele fica mais firme e lisa, atrasando assim o surgimento das rugas e flacidez. O aumento da produção de colágeno também melhora a cicatrização. Com isso, a vitamina ajuda a sarar ferimentos causados por espinhas e reduzir a aparência das cicatrizes.

Como se não bastasse, a função antioxidante tem a capacidade de proteger a pele contra os danos causados pelo sol e poluição, servindo também para prevenir o surgimento de manchas e rugas. (7)

3 receitas deliciosas de suco de graviola

Copo com suco de graviola

O suco de graviola pode ser apreciado em diversas versões, podendo ser combinado com ervas e vegetais (Foto: depositphotos)

Suco de graviola simples

Ingredientes 

  • 1 graviola pequena ou 100 gramas da polpa congelada
  • 200 ml de água gelada 
  • Gelo.

Modo de preparo

Caso você esteja usando a fruta fresca, basta retirar a casca e bater bem rápido no liquidificador com metade da água, apenas o suficiente para retirar as sementes, e coar em seguida. Bata novamente com o gelo, caso queira mais refrescância, e o suco estará pronto. 

Se a escolha for a polpa congelada o modo é mais simples ainda, pois basta levar tudo ao liquidificador e bater bem. Você pode adicionar açúcar ao preparo. 

Suco de graviola com especiarias

Ingredientes 

  • 1 graviola de tamanho médio bem madura 
  • 1 copo e ½ de leite gelado 
  • ½ colher (de chá) de noz-moscada 
  • ½ colher (de sopa) de extrato ou essência de baunilha 
  • ½ colher (de chá) de gengibre ralado. 

Modo de preparo

Retire as sementes da graviola e leve a polpa ao liquidificador junto com os outros ingredientes. Bata bem até que fique homogêneo, depois basta coar e servir com gelo. 

Suco verde de graviola

Ingredientes 

  • 100 gramas de polpa de graviola 
  • 200 ml de água filtrada 
  • 1 folha de couve-manteiga 
  • Sumo de ¼ de limão. 

Modo de preparo

Bata todos os ingredientes no liquidificador e adicione gelo e açúcar antes de servir.

Como escolher essa fruta

Para conseguir um suco delicioso e nutritivo, é de suma importância conferir a qualidade da fruta. Portanto, separamos algumas dicas para ajudar nessa tarefa.

Segundo a Embrapa, a fruta deve estar com a casca em uma coloração verde-escura bem viva com um leve tom acinzentado. 

Além disso os pequenos “espinhos” que a fruta tem na casca devem quebrar com facilidade e a polpa deve estar macia ao toque, porém não mole demais pois isso indica que a graviola passou do ponto. 

Um detalhe importante é que, quanto mais madura a fruta, menor será a necessidade de adoçar o suco. Outra dica é quanto ao seu armazenamento. Por ser uma fruta sensível, ela se estraga bem rápido, o melhor é separar a polpa das sementes e congelar. (8)

Referências

(1) Núcleo de Estudos e Pesquisas em Alimentação – NEPA. Tabela Brasileira de Composição de Alimentos – TACO. Campinas, São Paulo, 2011. Disponível em: http://www.nepa.unicamp.br/taco/contar/taco_4_edicao_ampliada_e_revisada.pdf?arquivo=taco_4_versao_ampliada_e_revisada.pdf. Acesso em: 20 de setembro de 2019. 

(2) ADEFEGHA, Stephen A. et al. Distribution of Phenolic Contents, Antidiabetic Potentials, Antihypertensive Properties, and Antioxidative Effects of Soursop (Annona muricata L.) Fruit Parts In Vitro. Biochemistry Research International, [2015]. Disponível em: http://dx.doi.org/10.1155/2015/347673. Acesso em: 20 de setembro de 2019.

(3) SUN, Shi et al. Three New Anti-Proliferative Annonaceous Acetogenins with Mono-tetrahydrofuran Ring from Graviola Fruit (Annona muricata). Bioorganic & Medicinal Chemistry Letters, v.24, n.12, p.2773-2776, junho de 2014. Disponível em: https://doi.org/10.1016/j.bmcl.2014.03.099. Acesso em: 20 de setembro de 2019. 

(4) BIASEBETTI, Mayara do Belem Caldas et al. Relação do consumo de vitaminas e minerais com o sistema imunitário: Uma breve revisão. Visão Acadêmica, Curitiba, v.19, n.1, p.130-136, março de 2018. Disponível em: http://dx.doi.org/10.5380/acd.v19i1.57737. Acesso em: 20 de setembro de 2019. 

(5) HASRAT, J. A. et al. Isoquinoline Derivatives Isolated from the Fruit of Annona muricata as 5-HTergic 5-HT1A Receptor Agonists in Rats: Unexploited Antidepressive (Lead) Products. The Journal of pharmacy and pharmacology, v.49, n.11, p.1145-1149, novembro de 1997. Disponível em: https://doi.org/10.1111/j.2042-7158.1997.tb06058.x. Acesso em: 20 de setembro de 2019. 

(6) BERNAUD, Fernanda Sarmento Rolla; RODRIGUES, Ticiana C. Fibra alimentar – Ingestão adequada e efeitos sobre a saúde do metabolismo. Arquivos Brasileiros de Endocrinologia e Metabologia, v.57, n.7, p.397-495, [2013]. Disponível em: http://dx.doi.org/10.1590/S0004-27302013000600001. Acesso em: 20 de setembro de 2019.

(7) MANELA-AZULAY, Mônica et al. Vitamina C. Anais Brasileiros de Dermatologia, v.78, n.3, p.265-272, [2003]. Disponível em: http://dx.doi.org/10.1590/S0365-05962003000300002. Acesso em: 20 de setembro de 2019.

(8) PINTO, Alberto Carlos de Queiroz; SILVA, Euzébio Medrado da. A cultura da graviola. Brasília: Embrapa, 1995. 106 p.

ATENÇÃO: Nosso conteúdo é apenas de caráter informativo. Todo procedimento deve ser acompanhado por um médico ou até mesmo ditado por este profissional.

Sobre o autor

Avatar
Jornalista (Mtb-PE: 6770) com formação completa no curso de Comunicação Social com Habilitação em Jornalismo (UniFavip-DeVry). Experiência prática de dois anos em produção jornalística para TV e rádio. Atualmente atua na área de redação para web, nas áreas de educação, beleza e saúde alternativa. Além da formação no curso superior, possui experiência em produção de vídeo, diagramação de livros e revistas e marketing.