Ressaca? Veja alimentos capazes de minimizar essa terrível sensação

É difícil comer nos dias que se acordar com ressaca... ainda assim, é preciso se alimentar bem

Náuseas, dor de cabeça e de estômago, boca seca, falta de apetite, diarreia e tontura são os principais sintomas da ressaca. Quem exagerou na bebida alcoólica na noite anterior costuma acordar sentindo a maioria dessas sensações.

Mas, você sabia que é possível correr atrás do prejuízo? Sim, esses incômodos podem ser minimizados!

É só seguir as dicas de Cyntia Maureen, nutricionista e consultora de uma empresa alimentícia especializada na fabricação de produtos saudáveis.

Alimentos contra a ressaca

1. Se alimente normalmente

É difícil colocar alguma coisa no estômago quando o mesmo parece que está se revirando por dentro… ainda assim, é preciso se alimentar. “Quem jejua, especialmente no dia seguinte do consumo do álcool, pode ter hipoglicemia e esse quadro pode gerar tonturas, tremores e até desmaios. Para não ficar com o estômago vazio, sugiro a priorização de alimentos leves, como, por exemplo, verduras e frutas ricas em água como melancia, melão, alface, pepino, etc”, lista Cyntia Maureen.

2. Beba muita água

“O álcool age diretamente nas células corporais, o que acarreta na desidratação do corpo. Por isso, é essencial o consumo de água, uma das principais aliadas no combate a ressaca”, explica a nutricionista, que ainda recomenda muito repouso.

3. Beba suco de tomate e de caju

A ressaca baixa o nível de glicose no sangue. Quando ingerido, o suco de tomate vai devolver de forma natural açúcares ao organismo. “Ele também ajuda na hidratação, além de conter licopeno, um componente com diversos benefícios, pois detém boa concentração de vitaminas (A, B1, B2, B6 e C), potássio, ferro, magnésio, fósforo e fibra vegetal”, informa a nutricionista. Já o suco de caju é “rico em vitamina C e frutose, auxilia o fígado na quebra do álcool e na eliminação de toxinas. Isso sem contar que também contribuir para a reidratação”, pontua.

4. Evite café

Muita gente ainda bebe café para curar a ressaca, porém a especialista garante que o efeito é contrário. Ela destaca ainda quais outros produtos devem ser abstidos: “é indicado ainda evitar alimentos processados, além daqueles que contenham carboidratos refinados, farinha branca, lactose e corantes. São substâncias que podem aumentar os sintomas da ressaca”.

5. Coma espinafre, banana e mel

O álcool afeta principalmente o fígado. Ao ingerir espinafre você promove a limpeza do órgão por conta do ácido fólico, vitamina C e enxofre presentes na composição das folhas. Por sua vez, a banana é rica em potássio. Ela pode diminuir o cansaço, náuseas e câimbras. Se quiser potencializar os seus efeitos, consumo com fios de mel que é farto em glicose e frutose.

6. Adicione quinoa

A quinoa é um grão que te dá uma forcinha no combate a ressaca por conta da sua composição que oferece proteínas e magnésio após o seu consumo. A nutricionista Cyntia Maureen reforça: “os aminoácidos presentes na quinoa são essenciais para a recuperação pós-bebedeira”.