Receita de um incrível sabonete calmante para peles oleosas. Venha aprender

O alecrim possui uma série de efeitos que vão desde os adstringente ao antibacteriano. Ele combate a pele oleosa

Investir em tratamentos naturais é uma boa saída para quem quer economizar um pouco de dinheiro, sobretudo no que diz respeito a promoção do bem-estar e problemas relacionados a pele.

Nesse caminho, o alecrim pode aparecer como um forte candidato a solução de grande parte desse problemas, principalmente o de oleosidade da pele.

Para combater o problema em específico, o alecrim é uma das ervas mais indicadas. Na intensão de facilitar ainda mais esse processo de tratamento, a dica é preparar um sabonete com a erva. Ele possui uma série de efeitos que vão desde o adstringente, passando pelo anti-inflamatório, antibacteriano, até chegar a pele oleosa. A planta também é capaz de reduzir inflamações, irritações ou infecções.

Benefícios do alecrim

Receita de um incrível sabonete calmante para peles oleosas. Venha aprender

Foto: depositphotos

O alecrim aparece como uma das ervas mais utilizadas na medicina devido a quantidade de benefícios que ele pode trazer para a saúde. Ele ajuda a melhorar a memória e a concentração, alivia dores de cabeça e enxaquecas, equilibra a pressão arterial, problemas respiratório e combate as dores musculares. O alecrim pode ser usado também para combater problemas de má digestão e cólicas estomacais.

Na pele, o alecrim combate a oleosidade natural, reduz o aparecimento de rugas, além de combate-las. Ele também combate irritações, infecções e a ação de bactérias. Devido ao efeito anti-envelhecimento, o alecrim reduz o inchaço que pode acometer algumas regiões do rosto, sobretudo a área dos olhos, aumenta a firmeza da pele e ainda estimula a regeneração celular.

Sabonete de alecrim

No preparo do sabonete, é bom levar em consideração alguns cuidados para evitar acidentes, já que algumas substâncias que aparecem na receita são perigosas, se entrar em contato direto com a pele na hora do preparo. Sendo assim, não dispense a utilização de luvas de plástico e máscaras. Também fique atento a todas as medidas dos ingredientes, procurando segui-las à risca.

Ingredientes

– 473 gramas de azeite de oliva;
– 62 gramas de soda cáustica;
– 150 ml de água filtrada;
– 200 ml de chá de alecrim;
– 15 gramas de óleo essencial de alecrim.

Modo de preparo

O primeiro passo é preparar o chá de alecrim. É importante que você siga as especificações para que ele esteja de acordo com o preparo. Para isso você vai precisar de 200 ml de água filtrada e uma colher (de sopa) de alecrim seco. Deixe a água ferver. Assim que ela atingir o ponto de ebulição, acrescente o alecrim e deixe ferver por cinco minutos. Desligue o fogo e espere mais 10 minutos antes de usar o chá.

Com ajuda de um balde de plástico, coloque a soda cáustica. Por precaução, ao manusear o produto, procure está em um ambiente aberto. Isso vai evitar que você inale os gases que são expelidos do produto. Junto com a soda cáustica, coloque o chá de alecrim. Faça isso com cuidado para evitar respingos. Quando for misturar, procure tomar os mesmos cuidados. Espere tudo esfriar para dá sequência ao preparo.

O próximo passo é adicionar as duas xícaras de azeite de oliva. Para isso, esquente-o um pouco. Lembre-se que o ingrediente deve ser acrescentado à mistura pouco a pouco. Depois de deixar a mistura esfriar, acrescente o óleo essencial de alecrim. Procure acrescentar esse último ingrediente quando toda a mistura estiver fria, pois a temperatura elevada pode fazer com que as propriedades do óleo sejam perdidas.

Para agilizar o processo de homogeneização dos ingredientes, você pode utilizar uma batedeira. Agora, ao ligá-la, deixe que ela fique bem no meio do balde e evite fazer outros movimento. Isso vai garantir a sua segurança. O ponto ideal é quando a mistura estiver com aparência cremosa. Se você desejar que o sabonete possua um efeito esfoliante, basta acrescentar um pouco de alecrim seco.

Quando for adicionar a mistura nos moldes, acrescente um raminho de alecrim fresco. Isso vai ajudar a remover os sabonetes com mais facilidade. Assim que acrescentar a mistura nas formas, dê leves batidinhas. Isso vai evitar a não formação de bolhas de ar. Depois de seguir todo o processo, o passo seguinte é esperar cerca de seis semanas para que o sabonete esteja inteiramente pronto.