Qual o melhor chá para perder a barriga?

Os chás são feitos com ervas isoladas ou da mistura de diversos ingredientes. Conheça algumas receitas

Você conhece qual o melhor chá para perder a barriga? Apostar em um chá natural para perder a barriga pode ser uma ótima opção para quem já tentou de tudo. Porém, para obter esse efeito, é necessário que algumas adequações na rotina sejam realizadas.

Quem mais sofre com esse problema são as mulheres. Sempre há uma ou outra que veja a perda de barriga como algo indispensável para o bem-estar. Mas isso não pode ser uma prioridade, já que a saúde é o que mais importa.

É importante lembrar que, mesmo sendo feito a partir da utilização de ingredientes naturais, tais como plantas e ervas, alguns chás podem causar problemas pontuais, sobretudo quando é levada em consideração a condição de cada um.

Para garantir que tudo seja feito de forma eficiente e responsável, mesmo se relacionando com ingredientes naturais, o médico deve ser consultado. Além de viabilizar a utilização da bebida, ele também vai indicar a dose ideal.

Os 4 melhores chás para perder a barriga

A natureza oferece muitas espécies, sejam elas ervas, frutas, legumes e verduras que podem ser usadas com o intuito de perder a barriga. Usada isoladamente ou a partir de combinações, as receitas dos chás para perder a barriga são fáceis de preparar.

Como as receitas são desenvolvidas a partir de ingredientes que podem ser facilmente encontrados em supermercado e feiras livres, não há qualquer dificuldade quanto ao preparo desses chás.

Confira algumas receitas de chás para perder a barriga que podem ser facilmente preparados:

1- Chá de gengibre, cravo e canela

Com ajuda de uma panela com tampa, leve 500 ml de água para ferver. Assim que começar a borbulhar, acrescente 10 cravos da Índia e 1 canela em pau. Deixe ferver por cinco minutos. Passado esse tempo, desligue o fogo e acrescente um pouco de gengibre ralado.

O chá de gengibre, cravo e canela é um dos melhores chás para perder a barriga

A mistura desses três ingredientes ajudam na queima da gordura (Foto: depositphotos)

O passo seguinte no preparo do chá é deixar a mistura descansar por cinco minutos. Antes de ingerir, pegue uma peneira e passe toda a mistura por ela. A dica é ingerir o chá ainda quente e sem adoçar.

2- Chá verde com abacaxi

Coloque 1 litro de água para ferver em uma panela com tampa. Assim que apresentar os primeiros sinais de fervura, desligue o fogo e acrescente 20 gramas de chá verde. Deixe a mistura descansar por 10 minutos, preservando a tampa da panela fechada.

O chá verde com abacaxi é um dos melhores chás para perder a barriga

O chá verde unido ao abacaxi consegue eliminar o inchaço do corpo e abdome (Foto: depositphotos)

Passado esse tempo, coloque o chá verde no liquidificador, seguido de 3 rodelas de abacaxi. Bata bem. Por fim, passe toda a mistura por uma peneira e beba em seguida. A recomendação é tomar até quatro xícaras por dia.

Veja também: Melhor horário para tomar chá verde para emagrecer

3- Chá de sálvia com louro

Leve 1 litro de água ao fogo alto. Quando estiver prestes a ferver, acrescente 1 punhado de sálvia, 5 folhas de louro e 1 canela em pau. Deixe fervendo por 15 minutos. Passado esse tempo, desligue o fogo e deixe a mistura descansar por 10 minutos.

O chá de sálvia e louro é um dos melhores chás para perder a barriga

Essas duas ervas conseguem favorecer a boa forma da barriga (Foto: depositphotos)

O passo seguinte é usar uma peneira para remover todos os ingredientes utilizados no preparo. Feito isso, a bebida está pronta para ser ingerida. A recomendação é ingerir o chá ainda quente e sem adoçar.

4- Chá de hibisco

Para preparar o chá de hibisco, coloque 1 litro de água para ferver. Assim que estiver borbulhando, desligue o fogo. Logo em seguida, acrescente 2 colheres (de sopa) de hibisco.

O chá de hibisco é um dos melhores chás para perder a barriga

Por ser diurético, o hibisco é uma referência no quesito “barriga seca” (Foto: depositphotos)

Deixe a mistura descansar por cerca de 10 minutos. Ao fim desse tempo, use uma peneira para remover todo o hibisco utilizado no preparo do chá. Depois, é só ingerir. Não é recomendado o uso de açúcar, adoçante ou mel.

Outros chás para perder a barriga

Junto a essas receitas que necessitam da combinação de muitos ingredientes, os chás para perder a barriga também podem ser obtidos a partir de ervas simples que possuem muitas propriedades.

Quando somado a uma adequação alimentar e a inclusão da prática de exercícios físicos regulares, os efeitos de eliminação da gordura abdominal podem ser sentidos com mais eficácia.

Veja também: Quer emagrecer rápido? Então você precisa tomar esse chá. Saiba qual é

A partir de agora, veja a lista com as principais ervas que podem ser usadas com o objetivo de perder a barriga:

Para que o chá obtenha o máximo de eficácia, o mais recomendado é que ele seja preparado a partir da utilização de ervas naturais, evitando os saquinhos industrializados.

Para preparar o chá para perder a barriga a partir das ervas apresentadas anteriormente, basta colocar 200 ml de água para ferver. Assim que começar a entrar em ebulição, desligue o fogo e acrescente uma colher (de sopa) da erva escolhida.

Deixe a mistura descansar por cinco minutos. Passado esse tempo, basta utilizar uma peneira para remover toda erva utilizada. A recomendação é que a ingestão diária do chá preparado com as ervas citadas não exceda as três xícaras ao dia.

Como aumentar o efeito dos chás para perder a barriga

Na busca pelos resultados que os chás para perder a barriga podem oferecer, seguir algumas dicas e recomendações vem como diferencial no tratamento. Para saber quais são eles, fique de olho a partir de agora!

Existem chás que atuam diretamente na estética abdominal

Para conseguir a barriga dos sonhos é preciso readequar hábitos e rotina (Foto: depositphotos)

Não é milagre

Antes de iniciar o tratamento com qualquer uma das receitas indicadas anteriormente, é bom que você saiba que nenhuma delas é milagrosa. Para que os resultados possam ser sentidos, é necessário que o paciente submeta a sua rotina a algumas adequações.

Essa é uma prática também recomendada pelos nutricionistas, como Juliana Dragone. “Fazendo a junção do chá como uma boa alimentação a perda será 10% da circunferência do abdômen”.

Adequação alimentar

A adequação alimentar é uma das primeiras providências a serem tomadas. A ingestão de ingredientes naturais, tais como, frutas, legumes e verduras deve ser reforçada. Fora isso, os horários das refeições devem ser respeitados.

Também é indicado que os alimentos como fritura, que possuem muito sal ou muita açúcar também sejam eliminados da dieta. Além de prejudicar a perda de peso, eles podem trazer consequências ruins futuras para a sua saúde.

Nesse sentido, a recomendação é que um nutricionista ou endocrinologista seja consultado.

Veja também: Dê um up no seu treino fazendo uso desse tipo de alimentação

Inclusão de exercícios

Incluir exercícios físicos na sua rotina também pode ser uma excelente forma de potencializar os efeitos dos chás para perder a barriga. A partir da consulta de um profissional da área de educação física, uma rotina pode ser preparada mediante as suas necessidades.

Procurar um profissional também minimiza a possibilidade de lesão, dado pela prática inadequada dos exercícios físicos.

Os benefícios das ervas emagrecedoras

O poder que as ervas medicinais podem agregar a saúde são sentidos em vários segmentos. Isso se deve ao fato delas apresentarem substâncias que, isoladas ou usadas em combinação, possuem efeitos benéficos.

Chás com cafeína

O chá verde e erva mate, por exemplo, possui altas doses de cafeína. Ele ajuda a fazer com que o corpo trabalhe um pouco mais intensamente, sobretudo no que diz repeito a queima de gordura.

A maioria dos chás usados para perder a barriga podem ser consumidos antes ou após as principais refeições, já que eles possuem ação inibidora do apetite e também auxiliam na digestão.

No caso das ervas ricas em cafeína, a ingestão antes de dormir deve ser evitada, pois pode causar insônia.

“As ervas melhoram a digestão e ajudam a perder peso, diminuem a retenção de líquido, reduzem a ansiedade e o estresse, servem como calmante e, além disso, fazem parte de uma dieta saudável”, diz a nutricionista Juliana Dragone.

Efeito termogênico

Já quando o chá contém ingredientes como o canela e o gengibre, por exemplo, o efeito termogênico será enfatizado. Ou seja, o corpo será induzido a promover a queima das gorduras.

“A canela e o gengibre têm a função de acelerar o metabolismo e ajuda a queimar as calorias. Além disso, ele dá energia e melhora a disposição para o dia a dia”, acrescenta Juliana.

Veja tambémConheça a água detox de maçã e canela para acelerar o metabolismo

Chás diuréticos

Os chás com efeito diurético também são excelentes armas para lidar com o sobrepeso. Para tanto, é preciso ficar de olho na ingestão de água, já que o paciente que não tomar tais cuidados pode sofrer com a desidratação.

Nessa lista, o hibisco se destaca bem. “O hibisco tem a função de desinchar através da retenção de líquido e reduzir a gordura, pois ele combate os radicais livres e protege a pele contra o envelhecimento precoce”, explica Juliana.

Cuidados e recomendações

Vale levar em consideração que o uso desenfreado de certas ervas pode trazer sérias consequências para a saúde. Nesse sentido, a precaução é sempre o melhor. Em qualquer dúvida, não hesite em procurar um profissional.

É bom ter sempre em mente que, apesar de se tratar de substâncias naturais, onde as contraindicações são reduzidas, é necessário tomar cuidado. Já que, algumas situações em específico podem prejudicar a sua saúde.

Sobre o autor

Formado em Jornalismo pela UniFavip | Wyden. Já trabalhou como repórter e editor de conteúdo em um site de notícias de Caruaru e em três revistas da região. No Jornal Extra de Pernambuco e Vanguarda de Caruaru exerceu a função de repórter nas editorias de Economia, Cidades, Cultura, Regional e Política. Hoje é assessor de imprensa do Shopping Difusora de Caruaru-PE, Seja Digital (entidade responsável pelo desligamento do sinal analógico no Brasil), editor da revista Total (com circulação em Pernambuco) e redator web do Remédio Caseiro.