Os hábitos japoneses para quem quer de fato emagrecer

Os japoneses são conhecidos pela alimentação saudável que consomem: verduras, grãos e peixes


Investir em alimentação e hábitos saudáveis são as duas preocupações primordiais para quem quer perder peso sem esquecer da saúde.

Inspirado no costume do povo japonês, considerado um dos mais rígidos quando o assunto se aplica a qualidade de vida, foram extraídos cinco pontos primordiais. A partir de agora, você vai perceber o quanto que certos hábitos podem interferir diretamente no controle do peso.

Vale destacar que os japoneses são conhecidos pela alimentação saudável que consomem. Geralmente ela é composta por ingredientes naturais, tais como: peixes, legumes, vegetais e arroz. Somado a tudo isso, a facilidade com que esses ingredientes são encontrados ajuda ainda mais para que essas práticas sejam conservadas.

Os hábitos saudáveis dos nipônicos

Os hábitos japoneses para quem quer de fato emagrecer

Foto: depositphotos

Peixes

O hábito de comer peixe está diretamente ligado a forma de alimentação dos japoneses. Isso só é possível graças a proximidade que o país tem da costa marítima. Somados aos peixes, outros frutos do mar também são explorados na culinária. Vale lembrar que esse alimento é altamente nutritivo e cheio de proteína. Ele também é pouco calórico, o que impede o acúmulo de gordura.


Alimentos processados

Quando se vai seguir uma dieta com foco na eliminação de peso, o primeiro hábito que deve ser cortado é a ingestão de comidas processadas, em linhas gerais também entram os produtos industrializados. No Japão, esse tipo de alimento, definitivamente, não faz parte do cardápio diário.

Tudo isso vai de encontro a qualidade de vida que toda a população ostenta, até porque, esses hábitos estão arraigados na cultura, sendo difundidos geração após geração. Embora esses produtos industrializados existam, não são consumidos em larga escala. Isso garante que a população seja mais saudável e fique longe de doenças como a obesidade.

Sobremesas

Ao contrário do que é visto aqui no Brasil, no Japão, as sobremesas são bem menos açucaradas. Ou seja, mesmo sendo doces, ela possuem outros ingredientes que agregam sabor aos pratos. Uma prova disso são aqueles alimentos feitos com base em arroz e pasta de feijão, além de algumas ervas, como o chá verde, por exemplo. Todos eles são naturalmente menos açucarados.

Texturas dos alimentos

Sabe aquela velha história de que apostar em uma forma diferente de preparar certos tipos de alimento funciona como um verdadeiro chamariz para a alimentação. Pois bem, no Japão, a textura dos pratos aguçam o paladar e agregam muito mais sabores. Você já parou para pensar que o crocante de um prato, por exemplo, pode fazer toda a diferença na hora da degustação? Nos pratos saudáveis, eles passam a ser ainda mais saborosos.

Densidade nutricional

Não adianta investir em alimentos naturais se eles não tiverem a quantidade certa de nutrientes para o corpo. Pela própria facilidade de encontrar ingredientes naturais, as refeições dos japoneses contam com mais nutrientes por grama do que os produtos industrializados oferecem. Esse fator interfere diretamente na qualidade de vida e, biologicamente falando, menor oxidação das células.


Informar erro