Você sabe o que são carboidratos? Descubra!

Os carboidratos são conhecidos como fonte de energia para o corpo

Você sabe o que são carboidratos? Para quem ainda cultiva essa dúvida, chegou a hora de esclarecê-la! Para tanto, o Remédio Caseiro preparou um artigo especial que promete deixar você a par de tudo sobre os tão falados ‘carboidratos’.

Para início de conversa, é bom que você saiba que os carboidratos existem com a função de fornecer energia para o corpo. Quando usado de forma consciente, os carboidratos também auxilia quem quer perder peso e a ganhar massa muscular.

Nesse contexto, também tem os carboidratos que são considerados nocivos para o corpo, que podem fornecer uma rápida explosão de energia, mas também são digeridos muito rapidamente.

O que são carboidratos

Os carboidratos são conhecidos como macronutrientes tidos como fundamentais para manutenção e bom funcionamento do organismo. Eles são conhecidos como fonte de energia para o corpo realizar suas funções normais.

Eles são formados por oxigênio, hidrogênio e carbono. Para que ele se transforme em energia para alimentar o corpo nas suas funções, no processo de digestão, eles liberam glicose, que é uma fonte de energia para as células.

Alimentos ricos em carboidratos

Os grãos são grandes fontes de carboidratos (Foto: depositphotos)

Os carboidratos também podem ser chamados de glicídios ou açúcares. É importante destacar que todos os carboidratos são de origem vegetal, com exceção do mel. Por isso eles estão presentes em frutas, legumes, grãos e tubérculos.

No que diz respeito à função dos carboidratos no organismo, eles também são estruturais, presentes no DNA e RNA. Os carboidratos são classificados em três grupos: monossacarídeos, dissacarídeos e polissacarídeos.

Uma pessoa normal deve consumir entre 200 e 300 gramas de carboidratos por dia. O excesso ou escassez de carboidratos no corpo pode gerar reações.

Alimentos ricos em carboidratos

Aparecendo quase que exclusivamente em alimentos de origem vegetal, os carboidratos são indispensáveis na dieta humana, sobretudo pelo simples fato deles estarem diretamente ligados ao bom funcionamento do corpo.

Dependendo das necessidades de cada paciente, é possível dosar a ingestão de carboidratos a partir da dieta, por isso é importante consultar um médico para que isso seja feito com responsabilidade.

A partir de agora, você vai conhecer alguns alimentos ricos em carboidratos:

Feijão preto

Apresenta 63 gramas de carboidratos para 100 gramas de alimento.

Aveia

Possui 56,5 gramas de carboidratos para cada 100 gramas de alimento.

Grão de bico

Possui 30 gramas de carboidratos para cada 100 gramas de alimento.

Batata doce

Contém 20 gramas de carboidratos para cada 100 gramas de alimento.

Lentilha

Possui 20 gramas de carboidratos para cada 100 gramas de alimento.

Amendoim

Contém 16 gramas de carboidratos a cada 100 gramas de alimento.

Maçã

Apresenta 19 gramas de carboidratos para cada 100 gramas de alimento.

Pão integral

Possui 12,3 gramas de carboidratos para cada fatia média.

Brócolis

Possui 7 gramas de carboidratos para cada 100 gramas de alimento.

Berinjela

Apresenta 6 gramas de carboidratos para cada 100 gramas de alimento.

Veja também: Feijão contém carboidratos? Clique e fique sabendo

Feijão é carboidrato?

Como foi mostrado na listagem anterior, o feijão é visto como um dos alimentos com maior quantidade de carboidratos. Independente do tipo, cada um tem uma quantidade específica.

O feijão é conhecido pela grande quantidade de minerais, vitamina e fibras. Muita gente tem dúvidas em relação ao feijão ser um carboidrato ou proteína. É importante destacar que ele apresenta os dois benefícios na sua composição.

Feijões sortidos

O feijão é um dos alimentos com maior quantidade de carboidratos (Foto: depositphotos)

Porém, o lado carboidrato possui mais relevância quando comparado com a proteína. Dependendo da variedade, o feijão pode conter entre 55% a 65% de carboidrato na sua composição.

Veja quais os tipos de feijão disponíveis no mercado e a sua quantidade de carboidratos:

Feijão-de-corda – 63,74 gramas de carboidrato
Feijão-azuqui – 24,77 gramas de carboidratos
Feijão vermelho – 20 gramas de carboidratos
Feijão branco – 18 gramas de carboidratos
Feijão preto – 14 gramas de carboidratos
Feijão carioquinha  – 13,6 gramas de carboidratos
Feijão verde – 1,57 gramas de carboidratos

Quais são os dois tipos de carboidratos?

A julgar pela grande diversidade dos alimentos disponíveis na natureza, os carboidratos existentes neles podem ser classificados de duas formas: Carboidratos simples e carboidratos complexos.

Para diferenciá-los, é preciso prestar atenção na resposta energética que ele fornece para o corpo. Para que não exista mais nenhuma dúvida em relação a isso, fique atento a todas as características dos dois tipos de carboidratos.

Alimentos com carboidratos simples

Os carboidratos simples são assim conhecidos por não precisarem de muito tempo para serem digeridos pelo organismo. Dessa forma, a pessoa costuma a sentir fome com mais facilidade, o que pode ser um risco para o sucesso das dietas.

Esse grupo de alimentos também é conhecido por ser mais doce. Entre os alimentos que integram esse grupo, destaque para açúcar refinado, pão francês, mel, geleia de frutas, melancia, uva passa, cereais, arroz branco e pipoca.

Alimentos com carboidratos complexos

Ao contrário dos carboidratos simples, os complexos demoram mais tempo para serem digeridos. Isso implica em dizer que a pessoa vai demorar mais tempo para sentir fome, prolongando a sensação de saciedade.

Essa vantagem é bem aproveitada pelas pessoas que querem perder peso, já que a ingestão de alimentos é menor. Os pacientes com diabetes também podem fazer uso deles, já que apresentam também outros benefícios para a saúde.

Na lista dos alimentos com carboidratos completos, os principais são: cereais integrais, lentilhas, grão de bico, cenoura ou amendoim.

Quais os legumes que tem carboidrato?

Na hora de incluir os alimentos ricos em carboidratos, o mais usual é recorrer às frutas e legumes. Nesse sentido, os legumes apresentam grande aceitação, justamente pela quantidade de carboidratos que oferecem.

Veja também: Lista com 10 alimentos ricos em carboidratos

Para direcionar melhor o seu cardápio, o Remédio Caseiro preparou uma lista com os principais legumes e suas respectivas quantidades de carboidratos.

Veja quais são e combine com o seu nutricionista qual a melhor forma de incluí-los na sua dieta. Ah! Leve em consideração a quantidade de uma xícara para cada legume apresentado.

Abóbora – Carboidratos 3,79 gramas
Abobrinha – Carboidratos 4,02 gramas
Agrião – Carboidratos 0,44 gr gramas
Alcachofra – Carboidratos 13,59 gramas
Alface – Carboidratos 1,63 gramas
Alho-poró – Carboidratos 12,59 gramas
Batata – Carboidratos 31,4 gramas
Batata doce – Carboidratos 41,41 gramas
Berinjela – Carboidratos 4,67 gramas
Beterraba – Carboidratos 13 gramas
Brócolis – Carboidratos 6,04 gramas
Cebola – Carboidratos 16,18 gramas
Cenoura – Carboidratos 12,26 gramas
Chuchu – Carboidratos 5,15 gramas
Couve-flor – Carboidratos 5,3 gramas
Ervilha – Carboidratos 20,97 gramas
Jiló – Carboidratos 1,4 gramas
Palmito – Carboidratos 6,75 gramas
Pimentão verde – Carboidratos 6,91 gramas
Pimentão vermelho – Carboidratos 8,98 gramas
Quiabo – Carboidratos 9,6 gramas
Rabanete – Carboidratos 3,94 gramas
Repolho branco – Carboidratos 4,97 gramas
Repolho roxo – Carboidratos 6,56 gramas
Vagem – Carboidratos 4,76 gramas

Sintomas da falta de carboidratos no organismo

É bem verdade que a falta de carboidratos traz algumas consequências graves para o bem-estar da pessoa. Isso também pode interferir diretamente na saúde e no funcionamento normal do corpo.

Para que isso não aconteça, é bom ficar de olho nos alimentos que você insere no seu cardápio. Para qualquer dúvida, o mais indicado é recorrer ao nutricionista ou endocrinologista. Eles são os profissionais mais recomendados para lhe ajudar.

Veja agora quais são as principais consequências da falta de carboidratos no corpo:

  • Fadiga
  • Falta de energia
  • Dores de cabeça
  • Tonturas
  • Prisão de ventre
  • Desidratação
  • Mau humor
  • Tremores
  • Náuseas
  • Fraqueza
  • Mau funcionamento do cérebro
  • Acúmulo de gordura
  • Mau funcionamento do sistema imunológico
  • Perda de massa magra

Sobre a ingestão de alimentos ricos em carboidratos

Depois de todas as orientações que foram passadas nesse artigo, assim como os detalhes sobre os alimentos e suas respectivas quantidades de carboidratos, agora ficou bem mais fácil de seguir uma dieta equilibrada, certo?

Veja também: Tapioca tem carboidrato? Descubra!

Porém, é importante destacar que qualquer mudança na sua alimentação deve ser supervisionada por um profissional médico, ainda mais você necessitar de alguma orientação especial em relação a própria saúde. Siga as orientações é aproveite o melhor dos carboidratos!

Sobre o autor

Formado em Jornalismo pela UniFavip | Wyden. Já trabalhou como repórter e editor de conteúdo em um site de notícias de Caruaru e em três revistas da região. No Jornal Extra de Pernambuco e Vanguarda de Caruaru exerceu a função de repórter nas editorias de Economia, Cidades, Cultura, Regional e Política. Hoje é assessor de imprensa do Shopping Difusora de Caruaru-PE, Seja Digital (entidade responsável pelo desligamento do sinal analógico no Brasil), editor da revista Total (com circulação em Pernambuco) e redator web do Remédio Caseiro.