O que comer depois de caminhar?

A alimentação tem como função reparar o que foi perdido durante o exercício

A caminhada é um dos exercícios físicos que ao mesmo tempo que consegue ser simples, também é bastante eficaz. Mas, apesar de ser uma atividade leve, é importante ter muito cuidado com o que se deve comer antes e depois de praticá-la.

A caminhada é um exercício físico indicado por inúmeros médicos de várias especialidades diferentes. Ela ajuda a emagrecer, manter a saúde do coração e ainda aliviar problemas como ansiedade e estresse, por exemplo.

A atividade é fácil, cômoda, não envolve grandes riscos e tem sua intensidade regulada de acordo com as necessidades e limites de cada um, podendo ser praticada por qualquer pessoa, independente da idade.

Alimentação pós-exercícios

Proteínas e carboidratos devem compor a alimentação após a caminhada

A alimentação tem como função reparar o que foi perdido durante o exercício (Foto: depositphotos)

Depois da prática de exercícios como a caminhada, a função da alimentação é de reparação; ou seja, ela precisa reparar aquilo que foi perdido e fortalecer os músculos.

O que comer depois de caminhar?

Caminhar de manhã

Depois de praticar a atividade física, invista em alimentos que combinem carboidratos com proteínas, como pão integral com ovo mexido, banana com chia ou aveia, batata cozida, arroz integral com soja ou grão de bico, peito de frango com legumes, tapioca, entre outras.

Veja também: Corrida ou caminhada? Descubra o que é melhor para você

Aproximadamente 40 minutos antes de começar a caminhada pela manhã, procure consumir alimentos carboidratos e proteínas de fácil digestão pois eles irão liberar açúcar para o organismo de forma gradativa, garantindo energia para toda a atividade.

Algumas das opções são alimentos como iogurte desnatado sem açúcar, frutas com aveia, batata-doce, por exemplo.

Caminhar de noite

Invista na combinação de carboidratos com proteínas, mas como será a hora do jantar, opte por pratos como: omelete com tomate e cebola ou uma salada de folhas verdes, com cenoura, ervilhas, lentilhas e atum, torradas, queijo branco e água de coco.

É importante também investir em alimentos que possuem um efeito antioxidante e que ainda sejam ricos em vitaminas C, E ou zinco, como castanhas, mamão, goiaba, laranja, acerola, verduras e peixes.

Outro ponto fundamental do pós caminhada, independente do horário que ela foi realizada, é a hidratação. Beba bastante água antes, durante e depois da caminhada, ou invista ainda em bebidas como chás termogênicos, que além de hidratar irão acelerara a queima de gorduras do corpo.

Veja também: Médico explica como praticar atividades físicas sem lesões

Benefícios da caminhada

Segundo o especialista Patrick Rocha, a caminhada possui benefícios tão ou ainda mais poderosos do que exercícios como corrida, natação, ciclismo, marcha atlética e cooper.

A caminhada ajuda a melhorar a circulação, beneficiando todo o sistema cardiovascular, reduzindo as chances de problemas como AVC.

O exercício ainda reduz as chances de osteoporose, diminui o inchaço nas pernas e tornozelos, previne a obesidade, melhora a postura corporal e controla a ansiedade e estresse.

Segundo Patrick, a caminhada ainda ajuda a prevenir doenças como diabetes. “ A prática de atividade física induz o funcionamento de uma enzima chamada AMPK, essa enzima facilita a entrada de glicose nas células, o que reduz os níveis de glicose no sangue, diminui a resistência do paciente à insulina e como principal consequência previne o surgimento do diabetes”, revela.

Veja também: É possível economizar dinheiro e, ao mesmo tempo, ser saudável?

Os benefícios da caminhada podem ser aproveitados pelos indivíduos que praticam pelo menos duas horas e meia da atividade por semana.