Não usar fio dental compromete saúde bucal, afirma odontopediatra

A maioria das entidades mantém a recomendação do uso de fio dental aliado à escovação com creme dental fluoretado

O Dietary Guidelines for Americans, manual que define políticas de saúde nos Estados Unidos, recentemente excluiu a recomendação do uso do fio dental. A justificativa para tal exclusão é a de que não existem estudos que comprovem a sua eficácia.

No entanto, para a odontopediatra, Helenice Biancalana, diretora da Associação Paulista de Cirurgiões-Dentistas (APCD), o fio dental é importante.

A falta do fio dental pode comprometer a saúde bucal

De acordo com a odontopediatra, há cerca de dez anos existe um consenso de que é o cirurgião-dentista que conhece de perto a configuração bucal de cada indivíduo. Assim sendo, ele é o profissional que define se o uso do fio ou fita dental contribuirá para que o paciente evite doenças gengivais, por exemplo.

Não usar fio dental compromete saúde bucal, afirma odontopediatra

Foto: depositphotos

A especialista ainda afirma que, ainda que vários estudos científicos não apontem a efetividade do uso diário de fio dental, retirá-lo da rotina de higienização dos dentes pode comprometer a saúde bucal.

Fio dental aliado à escovação é o recomendado

De acordo com Biancalana, o Brasil está alinhado com a recomendação da maioria das entidades nacionais e internacionais e mantém a recomendação do uso de fio dental aliado à escovação com creme dental fluoretado. Além disso, as visitas regulares ao dentista também são essenciais para a manutenção da boa saúde bucal.

Sobre um impasse dessa relevância, a ondontopediatra afirma que o ideal seria a realização de um estudo bastante minucioso e longo, com uma larga amostragem, acerca dos efeitos de se usar ou não o fio dental.

No entanto, isso não seria viável. De acordo com a diretora da APCD, nenhum comitê de ética sério autorizaria estudos para grupos sem uso de fio dental, pois existe o risco de expor os pacientes ao desenvolvimento da doença gengival, além de custos e logísticas complexas. A profissional finaliza afirmando que o protocolo de higiene bucal inclui o uso de fio dental.

Sobre o autor

Formada em Letras (Licenciatura em Língua Portuguesa e suas Literaturas) pela Universidade Federal de São João del-Rei (UFSJ), com certificado DELE (Diploma de Español como Lengua Extranjera), outorgado pelo Instituto Cervantes. Produz conteúdo web, abrangendo diversos temas, e realiza trabalhos de tradução e versão em Português-Espanhol.