Frutas que combatem a prisão de ventre

Nutricionista indica frutas com grande potencial laxante, que ajudam a resolver o problema de prisão de ventre

Quem nunca passou por um episódio de prisão de ventre/constipação não sabe como é incômodo. Inchaço, desconforto e mal-estar são as principais consequências disso, mas esse problema pode causar inclusive doenças, cólicas, ferimentos e até danos emocionais.

São inúmeros os motivos que podem causar a prisão de ventre (confira abaixo), desde o mau funcionamento dos intestinos até mesmo desequilíbrio emocional e traumas. Mas também são diversas as alternativas naturais que podem ajudar a combater esse problema.

Entre as opções, as frutas são as mais indicadas para resolver este mal, mas não são todas as frutas que têm essa capacidade.

Convidamos então o nutricionista pernambucano Sidrack Vila Nova para nos ajudar com uma lista dos frutos mais indicados para combater a prisão de ventre. Confira:

Ameixas

A ameixa possui um poderoso laxante natural capaz de controlar a prisão de ventre

A ameixa é conhecida por ser uma potente fruta laxante (Foto: depositphotos)

Todo mundo já viu ou até mesmo comprou aquele iogurte de ameixa no supermercado. Eles não estão ali por acaso. Além do sabor delicioso para muitas pessoas, as ameixas e suas receitas (principalmente as que envolvem leite) são uma ótima opção para tratar a constipação.

De acordo com o nutricionista, “a ameixa é conhecida por ser uma potente fruta laxante. A fruta é rica em fibras, principalmente quando está desidratada, que ajudam a melhorar o trânsito intestinal, aumentando o volume fecal e a maciez das fezes”, explica.

Além disso, o especialista explica que as ameixas são ricas em um importante composto bioativo, que é o sorbitol, um laxante natural.

Veja também: Combata a prisão de ventre tomando chá de ameixa

Laranja

As fibras solúveis melhoram o funcionamento do intestino

O bagaço da laranja possui uma boa quantidade de fibras insolúveis (Foto: depositphotos)

Muita gente não sabe que a laranja possui o benefício de tratar constipação. No geral, essa fruta é associada apenas aos benefícios que promove ao sistema imunológico e no tratamento de gripes e resfriados, graças a vitamina C da sua composição.

Segundo Sidrack, “a fruta possui esse potencial devido a sua quantidade de fibras insolúveis presentes no bagaço. Por isso é importantíssimo consumir a fruta in natura ao invés de apenas o suco”, afirma.

Por isso, o segredo está no bagaço da laranja. Para melhorar o funcionamento do intestino você pode consumir uma laranja por dia.

Veja também: Ao saber disso você nunca mais jogará fora o bagaço da laranja

Mamão

O mamão auxilia na velocidade do trânsito intestinal

Aposte no mamão para compor o café da manhã (Foto: depositphotos)

O mamão também é um dos conhecidos no tratamento de intestino preso, também um dos favoritos dos cafés-da-manhã. Quem aposta nessa fruta com esse objetivo está fazendo uma escolha super certa.

“Assim como as frutas citadas anteriormente, o mamão é rico em fibras, auxiliando na velocidade do trânsito intestinal, além disso, ele é rico também em papaína, uma enzima que auxilia na quebra de proteínas, facilitando a digestão”, explica o especialista.

Veja também: Você sabe quais são os benefícios do mamão?

A importância das fibras

O nutricionista ainda afirma que é importante ressaltar que basicamente todas as frutas podem ter os dois tipos de fibras, as solúveis e as insolúveis. As fibras que ajudam especificamente a combater a prisão de ventre são as fibras insolúveis, encontradas em diversos alimentos, como nas frutas dessa lista.

“Essa fibra, por ser indigerível pelo corpo humano, se acumula no intestino, absorvendo água, por isso, ajuda a formar as fezes e deixá-las mais macias”, explica.

É importante ressaltar que para que essas fibras executem essa propriedade, o indivíduo precisa beber bastante água durante o dia, caso contrário, ele pode até ter o efeito oposto: piorar a constipação!

Receita de coquetel laxante

Beber água também ajuda a reduzir os sintomas da prisão de ventre

As fibras são essenciais para resolver o problema (Foto: depositphotos)

Ingredientes

  • 5 ameixas pretas;
  • 1 colher (de sopa) de creme de leite ou iogurte;
  • 1 laranja de mais ou menos 100 g sem casca e sem semente (mas com bagaço);
  • 1 fatia média de mamão sem casca e sem sementes;
  • 1 copo de água;
  • 1 colher (de sopa) de farelo de aveia.

Modo de preparo

Para preparar, coloque as ameixas de molho na geladeira na noite anterior ao preparo. No dia seguinte, leve as ameixas sem os caroços ao liquidificador. Adicione a laranja em pedaços, mamão e o creme de leite. Bata tudo com água gelada e acrescente o farelo de aveia. Beba, de preferência em jejum.

O que causa a prisão de ventre

Muitas são as situações que podem causar a constipação. O nutricionista Patrick Rocha, em seu site especializado em nutrição, lista algumas das principais causas desse problema:

Bloqueios no cólon ou reto: Bloqueios na região do cólon ou do reto podem retardar ou até mesmo parar o movimento das fezes. Entre os principais motivos desse bloqueio podemos citar a fissura anal, obstrução intestinal, câncer de cólon, estreitamento de cólon e câncer retal.

Veja também: Receitas de sucos que ajudarão a livrar você da prisão de ventre!

Problemas neurológicos: A prisão de ventre pode ser causada também por doenças que afetam o sistema nervoso normalmente alteram os movimentos peristálticos do intestino. Esclerose múltipla, Doença de Parkinson, AVC e lesões na medula, são alguns dos exemplos.

Problemas musculares: Doenças que afetam os músculos da pelve também podem contribuir para o surgimento do intestino preso. É importante estar atento aos músculos dos quadris, virilha e região dos glúteos.

Condições hormonais: Doenças ou condições que modificam o bom funcionamento dos hormônios podem ocasionar a constipação, entre as mais famosas irregularidades hormonais estão a diabetes, hipotireoidismo e gravidez.

Outras condições: Ingestão insuficiente de água, flora intestinal escassa, sedentarismo, uso excessivo de laxantes, depressão, transtornos alimentares, síndrome do intestino irritável, estresse, resistência ao impulso de defecar, consumo de álcool e medicamentos em excesso também são causas comuns da prisão de ventre.

Sobre o autor

24 anos, é jornalista e produtor de conteúdo especializado. Atua com produção jornalística há 4 anos. Vencedor do prêmio de empreendedorismo digital “Academic Winner 2017”, promovido pela DeVry University na Califórnia, Estados Unidos. Tem no currículo trabalhos em emissoras de televisão, jornal impresso, revistas e internet. É pernambucano e tem como hobbies escrever, jogar videogames, cinema e estudos sociais.