Dois chás para infecção urinária

Para os pacientes que sofrem de infecção urinária, que tal tratar o problema a partir do preparo de dois chás específicos? Dependendo do estágio da doença, com a ajuda de algumas plantas medicinais e a adoção de alguns hábitos, a infecção urinária vai embora.

Porém, é bom que você saiba que, apesar das ervas serem eficientes, elas não substituem a consulta médica, principalmente nos casos onde os sintomas são mais severos e o paciente possui condições especiais de saúde.

A partir da leitura desse artigo, o Remédio Caseiro vai tirar todas as suas dúvidas em relação à infecção urinária e ensinar todas as formas possíveis para que a doença seja tradada em casa.

Qual tipo de chá para tratar infecção urinária

Na busca pelos tratamentos caseiros para os casos de infecção urinária, a natureza oferece muitas opções a partir dos benefícios de algumas ervas medicinais. Elas podem ser encontradas com facilidade e ajudam muito na resolução do caso.

Veja quais são os dois chás mais indicados para resolver o problema:

Chá de carqueja

Ramos de carqueja

O chá dessa planta consegue realizar uma limpeza nas vias urinárias (Foto: Reprodução | UFRGS/ Rosângela G. Rolim)

A carqueja é uma erva que pode ser usada para tratar os casos de infecção urinária devido aos antioxidantes, flavonas, saponinas, flavonoides, compostos fenólicos, lactonas sesquiterpênicas e alcaloides.

Todos eles possuem ação antioxidante, anti-inflamatória e diurética, colaborando para acabar com a retenção de líquidos e estimular a diurese. Isso vai ajudar a promover uma limpeza nas vias urinárias, o que vai acabar com a infecção urinária.

Para preparar o chá você vai precisar de 1 litro de água e 20g de folhas de carqueja. Com a água quente, coloque as folhas picadas da carqueja e deixe descansar por 10 minutos. Em seguida, coe. Você pode tomar de três a quatro vezes ao dia.

Chá de aroeira

Galhos de aroeira

Além do chá, é indicado usar a aroeira em banhos de assento (Foto: Reprodução | Wikimedia Commons)

Existem muitas espécies de aroeira que podem ser encontradas na natureza. Porém, a indicada para o tratamento de infecções urinárias é a Schinus terebinthifolia. Isso é justificado pela ação anti-inflamatória e cicatrizante que ela possui.

A planta também conta com flavonoides que têm forte ação antioxidante e por isso combatem os radicais livres. A aroeira pode ser ingerida como um chá. Além disso, ela pode ser usada em banhos de assento.

O chá pode ser preparado a partir da utilização de 1 litro de água morna e 20g de casca da aroeira. Misture os dois ingredientes em uma panela e deixe descansar por 15 minutos. Use uma peneira para coar e consuma três vezes ao dia.

Veja outras maneiras de tratar a infecção

A infecção urinária pode ser tratada em casa a partir da utilização de ingredientes que podem ser encontrados com facilidade na sua cozinha. Alguns deles são o vinagre branco e bicarbonato de sódio.

Veja agora algumas receitas:

Bicarbonato de sódio

O bicarbonato de sódio possui ação antibacteriana, ou seja, ele é ideal para acabar com as bactérias que podem estar causando a infecção urinária. Ele também ajuda a diminuir a formação de cálculos e a remover os materiais que constitui as pedras nos rins.

Para preparar a receita, você vai precisar de 125 ml de água e ¼ de colher (de sopa) de bicarbonato de sódio. Com ajuda de um copo, coloque os dois ingredientes indicados na receita e misture bem. Antes de ingerir a água com bicarbonato, você deve beber dois copos de água pura. Logo em seguida, beba a água com o bicarbonato.

Leite de coco virgem

O leite de coco virgem é uma substância que possui o poder de matar as bactérias causadoras da infecção urinária. Ele também age contra a bactéria conhecida como Coli, que apresenta resistência à maioria dos antibióticos.

Nesse caso, você vai precisar ingerir 2 colheres (de sopa) de leite de coco virgem diariamente. No tratamento também é recomendado que o paciente ingira um copo de água ou o leite de coco em jejum e antes de dormir.

Vinagre de maçã

O vinagre de maçã é um ingrediente que pode ser usado no combate a problemas ocasionados pela infecção urinária, como a cistite por exemplo. Por possui ação antioxidante, ele reforça a imunidade e combate a inflamação.

Para usá-lo contra a infecção urinária basta misturar 1 litro de água com 2 colheres (de sopa) de vinagre de maçã. Misture os dois ingrediente, mexa bem e beba a água em pequenos goles, durante todo o dia.

Cebola

Entre os benefícios da cebola que são vinculados ao tratamento da infecção urinária está à ação diurética e o poder antibactericida. Dessa forma, a partir da sua utilização o problema de infecção urinária vai logo embora.

Nessa receita você vai precisar de 500 ml de água e 1 cebola. Com ajuda de uma panela, coloque a água para ferver. Logo em seguida, lave bem a cebola, descasque, corte em quatro pedaços e coloque para ferver junto com a água. Marque 20 minutos e desligue o fogo. Deixe repousar por oito horas e beba.

Banho de assento

Além dos tratamentos caseiros para a infecção urinária, o problema também pode ser resolvido a partir de uma técnica muito conhecida e eficiente: o banho de assento. O banho de assento é aplicado na região pélvica, parte das coxas e baixo ventre.

Para um bom banho de assento, é recomendado colocar os ingredientes necessários dentro da banheira ou bacia devidamente limpa com álcool e permanecer sentado dentro dela por alguns minutos.

No preparo do banho você vai precisar de 3 litros de água quente e 2 colheres (de sopa) de vinagre de maçã. Para saber a temperatura correta, ela deve estar morna, ou em uma temperatura que você consiga suportar quando colocar a mão.

Misture bem e sente-se por 20 ou 30 minutos. O vinagre de maçã possui ação antioxidante e combate a inflamação da região. Ele também ajuda a acabar com as bactérias causadoras do problema.

Sintomas de infecção urinária

A infecção urinária é um problema que pode ser identificado a partir da observação de alguns sintomas. Na maioria dos casos a dor ou a ardência ao urinar são predominantes.

“A Infecção do Trato Urinário (ITU), conhecida popularmente como infecção urinária, é um quadro infeccioso que pode ocorrer em qualquer parte do sistema urinário, como rins, bexiga, uretra e ureteres”, afirma o médico Juliano Pimentel.

A infecção urinária é causada por bactérias originárias do intestino. As mulheres estão mais propícias a serem afetadas por essas bactérias devido a proximidade do ânus com a uretra.

“As causas variam de acordo com o local onde há infecção. Os tipos mais comuns de infecção urinária são a cistite e a uretrite, que acometem a bexiga e a uretra, respectivamente”, acrescenta Pimentel.

Além da dor e ardência ao urinar, a infecção urinária pode desencadear desejo forte e frequente de urinar, mas apenas em pequenas quantidade; dores musculares; dor abdominal; cansaço; urina turva; urina com cheiro forte e dor pélvica.

Na maioria dos casos, uma infecção urinária não grave desaparece dentro de dois a três dias de tratamento.

Mulher com dor na barriga

As mulheres são as que mais estão suscetíveis a esse problema (Foto: depositphotos)

Infecção urinária com sangue

​​Quando o paciente percebe q a urina está com uma cor avermelhada, isso é uma evidência da presença de sangue. Conhecida no meio científico por hematúria, o problema aparece é ocasionado por problemas nos rins ou no trato urinário.

Na maioria dos casos, o problema também é comum entre os pacientes que apresentam pedra nos rins. Isso acontece devido a fratura que a pedra ocasiona no canal quando está se encaminhando para ser expelida.

“A infecção urinária pode ser grave em raras situações, casos mais graves às vezes são observadas em idosos, pessoas com sistemas imunitários reprimidos ou mulheres grávidas, e precisam de antibióticos para o tratamento”, explica Pimentel.

Causas

Alguns fatores podem aumentar a probabilidade de desenvolver infecções do trato urinário, por isso, é bom ficar atento para que o problema seja evitado.

Fazer relação sexual sem o uso de preservativo pode ser um dos agentes causadores, além do uso de espermicida; uso do cateter ou diafragma; gravidez; sistema imunológico reprimido e diabetes.

Hábitos de higiene, como limpar-se corretamente depois de usar o banheiro, ou de manter relações sexuais, assim como vestir roupas soltas podem ajudar a evitar a infecção urinária”, discorre Juliano Pimentel.

Infecção urinária infantil

Entre as crianças pequenas, sobretudo bebês, identificar a infecção urinária pode ser mais complicado. Isso acontece pelo fato deles não conseguirem dizer exatamente o que estão sentido. Nesses casos, os pais precisam ficar atentos aos sintomas.

Quando os pequenos estão com infecção urinária eles apresentam febre acima de 37,5°C; choro ao urinar; urina com cheiro intenso; presença de sangue na fralda; irritabilidade e diminuição do apetite.

Em homens

Os casos de infecção urinária mais recorrente é entre as mulheres, mas os homens também podem ser atingidos pelo problema. A partir dos 50 anos é quando são identificados a maioria dos casos entre os homens.

De acordo com o médico, existe um fator específico que apresenta mais probabilidade. “Nos homens que não foram circuncidados, ou em homens que têm algum bloqueio na saída da urina ou usam sondam para urinar”, pontua Pimentel.

Em mulheres

Entre as mulheres, a probabilidade de desenvolver infecção urinária é maior. Isso acontece devido a proximidade do ânus com a uretra. Dessa forma, os especialistas afirmam que, ao menos uma vez na vida, elas vão desenvolver o problema.

“Com cada ITU, o risco de uma mulher continuar tendo infecções recorrentes aumenta. Pesquisas sugerem que, após uma infecção urinária inicial, uma em cada cinco mulheres desenvolverá outra ITU dentro de seis meses”, comenta o médico.

Tratando a infecção urinária

Depois de conhecer o poder das duas ervas indicadas para tratar os casos de infecção urinária, além de muitas outras formas, você já pode escolher a melhor delas e por em prática. Além do mais, você teve oportunidade também de conhecer mais sobre a doença.

Em casos de outras dúvidas ou sintomas mais graves da infecção urinária, não pense duas vezes para procurar o médico. Isso pode interferir fortemente no tratamento para resolver o caso, sobretudo levando em consideração a responsabilidade para com a sua saúde.

Sobre o autor

Avatar
Formado em Jornalismo pela UniFavip | Wyden. Já trabalhou como repórter e editor de conteúdo em um site de notícias de Caruaru e em três revistas da região. No Jornal Extra de Pernambuco e Vanguarda de Caruaru exerceu a função de repórter nas editorias de Economia, Cidades, Cultura, Regional e Política. Hoje é assessor de imprensa do Shopping Difusora de Caruaru-PE, Seja Digital (entidade responsável pelo desligamento do sinal analógico no Brasil), editor da revista Total (com circulação em Pernambuco) e redator web do Remédio Caseiro.