Conheça algumas sugestões de chás para tratar do enjoo na gravidez

De acordo com os médicos, o enjoo na gravidez pode ser resultado dos elevados níveis de estrogênio, desidratação leve ou do nível baixo de açúcar

Um dos períodos mais desejados e curtido por algumas mulheres é a gravidez. O simples fato de carregar um pequeno ser dentro de si é visto como um dos milagres da natureza humana. Porém, nem todas enxergam esse estado pelo lado bom. Isso porque, muitas das mulheres sofrem com a incidência de constantes enjoos.

Devido a gestação, nem todo medicamento é permitido para cessar o desconforto. Por isso, muitas mulheres recorrem a métodos naturais para acabar de vez com os enjoos. Parta tanto, o livro “1.001 Remédios Caseiros – Tratamentos confiáveis para promover a sua Saúde no Dia a dia”, publicado pela editora Seleções, traz algumas dicas.

Sobre os enjoos

De acordo com os médicos, os episódios de enjoo na gravidez podem ser resultados dos elevados níveis de estrogênio, desidratação leve ou do nível baixo de açúcar no sangue, o que aparece como característica da gravidez. No entanto, estresse, certos tipos de alimentos, vitaminas pré-natais e certos odores podem agravar o problema.

Conheça um infalível e saboroso tratamento para enjoo na gravidez

Foto: depositphotos

Nos casos em que a incidência dos enjoos for vista em grande frequência, o melhor mesmo é recorrer ao médico que está lhe acompanhando. O caso é bastante recorrente, sobretudo nos primeiros meses de gestação. Após isso, eles ficam mais raros ou deixam de existir.

Sobre as forma naturais de tratar o enjoo

Chá de gengibre

Com diversas aplicações na medicina natural, o gengibre também é indicado para resolver os enjoos na gravidez. No corpo, a raiz age diretamente no sistema nervoso central, inibindo os receptores da serotonina. Ele também age de forma a exceder os efeitos que inibem o vômito.

Para preparar o composto, basta colocar para ferver 200 ml de água filtrada. Assim que atingir o ponto de ebulição, acrescente 30 gramas de gengibre desidratado e deixe ferver por mais 15 minutos. Espere esfriar um pouco, use uma peneira para separar o gengibre da bebida, depois é só ingerir em pequenos goles.

Chá de camomila, erva-cidreira e hortelã

Usada de forma separada, as ervas tem o poder de acabar com os efeitos causados pelo enjoo na gravidez, além de não ter nenhuma contraindicação quanto ao seu consumo. Todas as ervas citadas têm o poder de acalmar o estômago, acabando de vez com o mal-estar.

Para preparar o chá, basta separar 200 ml de água filtrada e duas colheres de qualquer uma das ervas (camomila, erva-cidreira e hortelã) desidratadas. Coloque a água para ferver, desligue o fogo e acrescente a erva. Deixe o recipiente tampado por alguns minutos, depois coe e a bebida está pronta para ser tomada. Uma dica importante quanto ao uso do hortelã. A erva desse ser evita por pessoas que sofrem de azia.

Chá de folhas de framboesa vermelha

A erva é bastante eficiente no que diz respeito a solução de vários problemas que aparecem durante a gravidez. O chá ajuda a tonificar o útero e promover a saúde uterina das gestantes. A erva é rica em vitamina A, B, C e E, cálcio, ferro, fósforo e potássio.

É fundamental consultar o médico antes de incluir este chá em sua dieta, já que ele pode provocar contrações uterinas. Apenas um especialista poderá indicar um remédio natural com segurança. No geral, recomenda-se a ingestão de uma xícara do chá de folhas de framboesa por dia no início da gravidez.

Para preparar o chá, basta usar duas colheres da folha da framboesa vermelha desidratada para cada 200 ml de água quente. Deixe a mistura descansar um pouco, antes de ingerir.

Sobre o autor

Formado em Jornalismo pela UniFavip | Wyden. Já trabalhou como repórter e editor de conteúdo em um site de notícias de Caruaru e em três revistas da região. No Jornal Extra de Pernambuco e Vanguarda de Caruaru exerceu a função de repórter nas editorias de Economia, Cidades, Cultura, Regional e Política. Hoje é assessor de imprensa do Shopping Difusora de Caruaru-PE, Seja Digital (entidade responsável pelo desligamento do sinal analógico no Brasil), editor da revista Total (com circulação em Pernambuco) e redator web do Remédio Caseiro.