Carambola – Benefícios e propriedades

A carambola possui vários benefícios para a saúde do organismo. Entre as principais vantagens do seu consumo estão a prevenção de gripes, a melhora da flora intestinal e o emagrecimento.

O nome científico dessa fruta é Averrhoa carambola e ela nasce da árvore conhecida como caramboleira. É natural da região tropical asiática, mas é facilmente encontrada no Brasil, principalmente nas regiões norte, nordeste e no interior do estado de São Paulo.

Apesar da aparência exótica, essa fruta tem sabor agradável e doce, podendo compor receitas variadas com destaque para os sucos refrescantes, que podem ser potencializados, em sabor e nutrientes, quando combinados com outras frutas e ervas.

Carambolas inteiras e fatiadas

Por ter poucas calorias e muita água e fibra na sua composição, a carambola ajuda na perda de peso (Foto: depositphotos)

8 principais benefícios da carambola

Segundo a nutricionista Nathiane Magalhães, a carambola é uma fruta rica em benefícios saudáveis. Seus nutrientes e propriedades ajudam o organismo de diversas formas na medicina alternativa, principalmente na prevenção de doenças. Confira:

1) Previne gripes e resfriados

Em primeiro lugar, a carambola é uma fruta rica em vitamina C, uma substância que ajuda a diminuir as infecções no organismo. “E ajuda a combater as mais variadas enfermidades, pois fortalece o sistema imunológico”, explica a nutricionista.

2) Melhora a flora intestinal

As fibras da carambola são benéficas para a saúde e funcionamento dos intestinos. Segundo a especialista, elas facilitam a passagem das fezes através do trato intestinal. “As fibras também promovem o crescimento das bactérias benéficas, que compõe a microbiota intestinal, que auxiliam na digestão dos alimentos”, afirma.

Ainda de acordo com Magalhães, a boa digestão da carambola e as suas fibras provocam melhor movimentação da região, o que protege todo o sistema gastrointestinal contra infecções.

3) Promove a hidratação

Outro benefício do seu consumo é a hidratação. “A carambola é uma fruta que possui um alto teor de água em sua composição, o que ajuda a hidratar a pele e o organismo, evitando ressecamentos e desidratações”, conclui a nutricionista.

4) Rica em ácido fólico

Além disso, a carambola ainda fornece o ácido fólico, também conhecido como folato ou vitamina B9. Trata-se de uma substância que diminui as chances de AVC e doenças cardíacas. “O nutriente também é importante para as grávidas, por ser necessário no desenvolvimento dos bebês na gestação”, explica Magalhães.

5) Mantém o coração forte e sadio

Uma grande vantagem do consumo da carambola é o seu efeito cardioprotetor. Segundo Magalhães, “o potássio da carambola ajuda na regulação da pressão arterial, já o magnésio presente age na contração e expansão dos músculos do coração, garantindo a regularidade do ritmo cardíaco, o que facilita o fluxo de sangue e as fibras diminuem os níveis do colesterol ruim, o LDL, impedindo a formação de placas de gordura nas artérias”, conclui.

6) Garante uma pele bonita e jovem

Os antioxidantes presentes na fruta promovem a eliminação de toxinas e radicais livres, o que melhora o aspecto da pele, de acordo com a nutricionista. Além disso, a carambola tem um benefício epidérmico muito bom para os adolescentes, pois ajuda no controle da acne e das espinhas.

Já para os adultos, os antioxidantes estão relacionados a uma redução no aparecimento de rugas e atraso dos sintomas do envelhecimento.

7) Auxilia na perda de peso

A composição nutricional da carambola é muito boa para quem quer emagrecer. Ela possui baixo teor de gorduras, alta quantidade de água e fibras e tem poucas calorias. “Todos essas fatores fazem com que a carambola possa contribuir com o processo de emagrecimento”, afirma a nutricionista.

8) Melhora a absorção de ferro

“Para fornecer boas doses de ferro ao corpo, não basta simplesmente comer alimentos que sejam ricos no nutriente, mas também seguir uma dieta com vitamina C, como é o caso da carambola, pois o corpo necessita da vitamina para absorver bem o mineral”, explica.

Além disso, Magalhães esclarece que a deficiência de ferro não somente causa a chamada anemia ferropriva, mas também prejudica o transporte de oxigênio pelo corpo, já que é o mineral que forma a hemoglobina, uma proteína encontrada nos glóbulos vermelhos que é responsável por essa função.

Carambola faz mal?

Muitas pessoas acreditam que a carambola faz mal. Isso é verdade apenas para quem tem problema nos rins. Pessoas com rins saudáveis podem consumir a carambola normalmente.

De acordo com a nutricionista, pacientes com problemas renais crônicos não devem ingerir a carambola, pois a fruta possui uma substancia chamada caramboxina. O excesso dela no organismo pode atingir o cérebro e ocasionar vômito, confusão mental, agitação psicomotora, convulsões e levar até mesmo à morte.

Apesar da caramboxina existir em baixa concentração na fruta, ela é tóxica. Em pessoas saudáveis, ela é eliminada pelo organismo facilmente, mas em pacientes com problemas renais ela permanece no corpo e provoca os sintomas citados anteriormente.

Alguns estudos confirmam que pacientes com problemas renais não devem consumir a carambola, devido ao grau de toxidade da fruta. (1, 2, 3).

Receitas de suco de carambola

O suco dessa fruta é uma ótima alternativa para consumir os seus benefícios, principalmente para aquelas pessoas que não têm o hábito de consumir frutas in natura. Confira abaixo duas receitas passadas pela nutricionista Nathiane Magalhães:

Suco de carambola tradicional

  1. Primeiro, lave e corte em pedaços 5 carambolas bem maduras.
  2. Em seguida, leve ao liquidificador junto a 2 copos de água, 2 colheres de açúcar e algumas pedras de gelo.
  3. Por fim, bata, coe e sirva.

Dica: Não use açúcar branco, prefira o açúcar mascavo ou demerara, pois são opções mais saudáveis. Você também pode decorar o copo em que vai servir com uma fatia de carambola, que tem formato de estrela e fica bem bonito!

Suco de carambola com laranja e manjericão

  1. Lave e corte 1 carambola em pedaços. Reserve.
  2. Esprema laranjas até adquirir ½ litro do suco da fruta.
  3. Leve os ingredientes ao liquidificador e adicione 1 punhado de manjericão.
  4. Bata, coe e sirva.

Devido ao açúcar natural presente no suco da laranja, a bebida não precisa ser adoçada.

Referências

(1) Aranguren C, Vergara C, Rosselli D. Toxicity of star fruit (Averrhoa carambola) in renal patients: A systematic review of the literature. Saudi J Kidney Dis Transpl. 2017. Disponível em: https://www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/28748871. Acesso em: 20 de agosto de 2019.

(2) CHUA, C.B. et al. Association of renal function and symptoms with mortality in star fruit (Averrhoa carambola) intoxication. Clin Toxicol (Phila). 2017. Disponível em: https://www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/28443386. Acesso em: 20 de agosto de 2019.

(3) OLIVEIRA, E. S. de; AGUIAR, A.S. de. Why eating star fruit is prohibited for patients with chronic kidney disease? J Bras Nefrol. 2015. Disponível em: https://www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/26154645. Acesso em: 20 de agosto de 2019.

ATENÇÃO: Nosso conteúdo é apenas de caráter informativo. Todo procedimento deve ser acompanhado por um médico ou até mesmo ditado por este profissional.

Sobre o autor

Avatar
24 anos, é jornalista e produtor de conteúdo especializado. Atua com produção jornalística há 4 anos. Vencedor do prêmio de empreendedorismo digital “Academic Winner 2017”, promovido pela DeVry University na Califórnia, Estados Unidos. Tem no currículo trabalhos em emissoras de televisão, jornal impresso, revistas e internet. É pernambucano e tem como hobbies escrever, jogar videogames, cinema e estudos sociais.