Café Marita emagrece mesmo? Especialista esclarece

Esse tipo de café auxilia na perda de peso e possui outros benefícios para o organismo

Quando o assunto é café, o brasileiro tem propriedade. Mas quantos de nós já ouvimos falar sobre o café que emagrece chamado de Café Marita? Apesar de estar no mercado há um bom tempo, só agora essa bebida está ganhando ainda mais popularidade no Brasil.

E o que para muitos pode ser um simples café, para os especialistas é, na verdade, uma bebida repleta de benefícios. Isso porque, a composição dos produtos Marita é capaz de estimular o organismo e proteger o corpo.

“É uma bebida usada como suplemento alimentar e une vários ingredientes com princípios ativos termogênicos. Ou seja, que auxiliam na perda de peso.Trata-se de uma forma mais potente do café comum”, explica a nutricionista esportiva, Bruna Morais.

Mas engana-se quem acredita ser apenas um produto. Na verdade, são cinco tipos de produtos elaborados pela Rede Fácil Brasil, são eles: Café Marita 3.0, Café Marita Verde, Café Marita 6.0, Café Marita Vermelho e o Café Marita Cappuccino. A seguir você entende mais sobre o poder emagrecedor dessas bebidas.

Café Marita emagrece?

Como já mencionado anteriormente, o Café Marita pode auxiliar na perda de peso. A justificativa desse benefício é devido à presença de cafeína, principalmente.

Café e fita métrica

O café auxilia na perda de peso e ajuda a quebrar a gordura corporal  (Foto: depositphotos)

“Seu princípio ativo, a cafeína, está presente na maioria dos suplementos que auxiliam na perda de gordura. Ela tem o papel de ‘quebrar’ a gordura corporal e transforma-lá em ácidos graxos que serão utilizados pelo corpo como forma de combustível para as atividades”, informa a nutricionista esportiva.

Na verdade, a relação da cafeína com a perda de peso não é recente para os pesquisadores. Vários estudos apontam a cafeína ou café como responsáveis pelo aumento da termogênese, processo metabólico que queima gorduras para produzir calor. (1)

No entanto, no caso desse tipo específico de bebida, outros fatores podem contribuir com o efeito emagrecedor. Esse é o caso do psyllium, presente na composição do Café Marita 3.0. Há ainda a erva mate, no Café Marita Verde e no tipo Vermelho, e a fórmula gourmet com seis ativos do Café Marita 6.0.

Benefícios do café

Assim como todo e qualquer café, os produtos da Marita podem ser muito benéficos ao organismo. De acordo com a nutricionista, ele aumenta os níveis de energia, atua como anti-inflamatório e antioxidante, e pode regular a função intestinal.

Além disso, a bebida pode melhorar a função cerebral, ajudando inclusive a prevenir o surgimento de patologias sérias como a doença de Parkinson (DP). Em um estudo realizado com homens que consumiam de três a quatro xícaras de café por dia, o risco de apresentar esse problema foi cinco vezes menor do que os não consumidores. (1)

Também está comprovado que o café está relacionado com a prevenção de cálculos renais. “Dois estudos de coorte posteriores vieram apoiar essa observação, tendo-se verificado uma diminuição do risco de desenvolvimento de cálculos renais em 10 e 9%, com o consumo diário de 240 ml de café ou descafeinado, respectivamente.” (1)

Confira nos tópicos a seguir os benefícios dos principais tipos de Café Marita:

Quais os benefícios do Café Marita 3.0?

Além do café, esse tipo de bebida é composto por três ingredientes principais, são eles: psyllium, erva mate e a garcínia mangostana. O primeiro item refere-se à fibra alimentar responsável por melhorar o trânsito intestinal e reduzir os níveis de colesterol ruim (LDL). (2)

Psyllium na colher

Além do psyllium, o Café Marita 3.0 é composto por erva mate e garcínia mangostana (Foto: depositphotos)

A erva mate, por sua vez, aumenta o nível de cafeína da bebida, pois também é rica nessa substância. Além disso, “aumenta a forma muscular, estimula o sistema nervoso central e as funções cardíacas e respiratórias, facilita a digestão e causa uma sensação de bem-estar e vigor.” (3)

Por fim, mas não menos importante, a garcínia mangostana. Esta é uma fruta asiática rica em diversos nutrientes, como vitaminas, minerais e xantonas. Mas também possui propriedades anti-inflamatórias que podem contribuir com a perda de peso. (4)

Café Marita 6.0 benefícios

Já o 6.0 é feito com a seguinte fórmula: romã, guaraná, acerola, menta, cúrcuma e óleo de coco. Dessa forma, a bebida em questão reúne todos os benefícios dos ingredientes que a compõe.

Guaraná em pó e sementes

Assim como a erva mate, o guaraná é rico em cafeína (Foto: depositphotos)

Por exemplo, a romã e cúrcuma são anti-inflamatórias, antimicrobianas e antioxidantes. (5, 6) Enquanto isso, o guaraná também possui cafeína, aumentando a perda de calorias. (3)

Café Marita Verde e Vermelho

Além dos tipos já mencionados, há ainda o Café Marita Verde e Vermelho que possuem a erva mate em suas composições. Nesses casos, a erva adicional facilita a perda de peso.

Mas cada uma dessas bebidas possui particularidades, por exemplo, o primeiro tipo é feito com o grão de café verde. Esse material é rico em antioxidantes, acelera o metabolismo e ainda pode prevenir a obesidade.

Erva mate

A famosa erva mate auxilia na perda de peso (Foto: depositphotos)

“[…] o extrato de café verde é um potencial inibidor da absorção de gordura e um supressor eficaz do seu metabolismo no fígado, contribuindo assim para a redução de peso corporal.” (7)

Já o tipo Vermelho possui ainda extrato de licopeno e de cacau. O primeiro é um antioxidante, responsável por proteger a saúde e integridade das células. (8) E o segundo é rico em flavonoides, auxiliando no fluxo sanguíneo normal.

Perguntas frequentes sobre o produto

Além de saber sobre os efeitos emagrecedores e os demais benefícios desse café, algumas pessoas ainda podem ficar com dúvidas sobre o produto. Por essa razão, separamos as perguntas mais frequentes envolvendo o Café Marita. Acompanhe:

1. O que é Café Marita?

Café Marita é um produto natural elaborado pela Rede Fácil Brasil, registrado na Anvisa com o nº 6.3151.0004.001-2. Além disso, ele possui diversos subtipos, como o 3.0, 6.0, Verde, Vermelho e Cappuccino.

2. Café Marita emagrece quantos quilos por mês?

Não existe uma quantidade exata para a quantidade de quilos perdidos usando o Café Marita. No entanto, consumidores alegam, em depoimentos, uma média de 8 a 10 quilos por mês.

Apesar disso, a nutricionista esportiva Bruna Morais alega que o café por si só não faz milagres. Por isso, o uso desse produto deve ser feito acompanhado de uma dieta e práticas esportivas.

“O mais indicado é procurar se alimentar bem, com alimentos que ofereçam nutrientes e vitaminas adequadas as nossas necessidades. Além da prática de exercícios físicos regulares. Para um melhor planejamento, procure sempre orientação profissional”, esclarece a especialista.

3. Como tomar?

Esse café pode ser consumido gelado ou quente. Também pode ser dissolvido em água ou leite. A receita padrão é colocar uma colher (de chá) rasa em 250 ml do líquido escolhido.

Já com relação a quantidade diária consumida é de até duas vezes. Outro ponto importante é com relação ao horário, que não deve ser no período noturno para não atrapalhar a qualidade do sono.

4. Qual o preço do produto e onde comprar?

O preço do Café Marita pode variar de acordo com o sabor escolhido. Por exemplo, os tipos 3.0, 6.0 e o Verde custam R$ 63 no site oficial da marca. Enquanto isso, o tipo Vermelho custa R$ 80 e o Cappuccino R$ 92.

5. Grávidas podem tomar?

Não é recomendado o uso desse produto durante a gravidez.

6. Contém glúten ou lactose?

Esses cafés não contém glúten e nem lactose. Inclusive, o tipo Cappuccino é feito com leite de coco.

Contraindicações e efeitos colaterais

“Geralmente, os efeitos colaterais são observados em pessoas sensíveis à cafeína, alérgicas às ervas presentes nos produtos ou que tomam em excesso”, ressalta Bruna.

Mesmo assim, hipertensos e diabéticos só devem consumir tais bebidas sob a orientação médica. Segundo a nutricionista, os efeitos adversos mais comuns são:

  • Batimento cardíaco acelerado
  • Efeito diurético e desidratação
  • Dor de cabeça e insônia
  • Ansiedade e inquietação
  • Espasmos musculares
  • Problemas gastrointestinais, como refluxo.

Além disso, Bruna Morais alerta para que grávidas, lactantes e crianças não usem esse produto. Café Marita, assim como outros tipos de café, também não é indicado para pessoas que sofrem com insônia, gastrite ou úlceras. Isso porque, a presença de cafeína pode causar crises desagradáveis.

*Artigo feito com a colaboração da nutricionista esportiva Bruna Morais (CRN6- 19147/PE).

Referências científicas

Por fim, veja abaixo as referências científicas usadas na produção deste artigo. O Remédio Caseiro é um site comprometido com informações verdadeiras, conteúdo relevante e, claro, com a sua saúde. Sendo assim, fique sempre bem informado(a) em nosso site!

Referências

(1) ALVES, Rita C.; CASAL, Susana; OLIVEIRA, Beatriz. “Benefícios do café na saúde: mito ou realidade?“.REQUIMTE/Serviço de Bromatologia, Faculdade de Farmácia da Universidade do Porto, Rua Aníbal Cunha 164, 4030-099 Porto, Portugal, 2009. Disponível em: https://www.researchgate.net/publication/228682082_Beneficios_do_cafe_na_saude_mito_ou_realidade. Acesso em 24 de abril de 2019.

(2) BERNAUD, Fernanda Sarmento Rolla; RODRIGUES, Ticiana C. “Fibra alimentar – Ingestão adequada e efeitos sobre a saúde do metabolismo“. Programa de Pós-Graduação em Ciências Médicas: Endocrinologia, Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS), Porto Alegre, RS, Brasil, 2012. Disponível em: http://www.scielo.br/pdf/abem/v57n6/01.pdf. Acesso em 24 de abril de 2019.

(3) DANIEL, Osmar. “Erva-mate – Sistema de produção e processamento industrial“. Editora UFGD (Universidade Federal da Grande Dourados), Dourados, Mato Grosso do Sul, 2009. Disponível em: http://files.ufgd.edu.br/arquivos/arquivos/78/EDITORA/catalogo/erva-mate-sistema-de-producao-e-processamento-industrial-1.pdf. Acesso em 24 de abril de 2019.

(4) CHEN, Lih-Geeng; YANG, Ling-Ling; WANG, Ching-Ching. “Anti-inflammatory activity of mangostins from Garcinia mangostana“. Food and Chemical Toxicology, Volume 46, Issue 2, 2008. Disponível em: https://www.sciencedirect.com/science/article/pii/S0278691507004449. Acesso em 24 de abril de 2019.

(5) DEGÁSPARI, Cláudia Helena; DUTRA, Ana Paula Chaves. “Propriedades fitoterápicas da romã (Punica granatum L.)“. Visão Acadêmica, Curitiba, v.12, n.1, 2011. Disponível em: https://revistas.ufpr.br/academica/article/view/27237/18143. Acesso em 24 de abril de 2019.

(6) NICOLETTI, Maria Aparecida. “Fitoterapia: Curcuma zedoaria Curcuma zedoaria (Christm.) Roscoe, uma possibilidade terapêutica como antifúngico de uso tópico“. Universidade Paulista-UNIP, São Paulo, SP e Universidade Guarulhos-UnG SP. Disponível em: http://revistas.cff.org.br/?journal=infarma&page=article&op=view&path%5B%5D=358&path%5B%5D=347. Acesso em 24 de abril de 2019.

(7) VIEIRA, Liliana do Céu Gomes. “Características fitoquímicas e propriedades antioxidantes do grão de café verde“. Mestrado Integrado em Ciências Farmacêuticas, Universidade Fernando Pessoa, Faculdade de Ciências da Saúde, Porto, 2015. Disponível em: https://bdigital.ufp.pt/bitstream/10284/5550/1/PPG_23615.pdf. Acesso em 24 de abril de 2019.

(8) Shami, Najua Juma Ismail Esh; MOREIRA, Emília Addsison Machado. “Licopeno como agente antioxidante“. Revista de Nutrição, vol. 17 no. 2 Campinas, 2004.Disponívl em: http://www.scielo.br/scielo.php?pid=S1415-52732004000200009&script=sci_arttext&tlng=pt. Acesso em 24 de abril de 2019.

Sobre o autor

Avatar
Jornalista (MTB-PE: 6750), formada em Comunicação Social com Habilitação em Jornalismo, pela UniFavip-DeVry, escreve artigos para os mais diversos veículos. Produz um conteúdo original, é atualizada com as noções de SEO e tem versatilidade na produção dos textos.