Aveia: benefícios e receitas fáceis

Você já deve ter ouvido falar sobre os benefícios da aveia, certo? De fato, estamos falando de um alimento rico em nutrientes que ajudam não só a melhorar a saúde, mas também a regular várias funções do corpo.

Aqui você vai conhecer os benefícios comprovados pela ciência, receitas caseiras maravilhosas e ainda vai tirar as principais dúvidas sobre a aveia.

Queridinha do café da manhã, a aveia tem ocupado cada dia mais as mesas brasileiras, pois além de saborosa, é rica em propriedades benéficas para o corpo humano. Com ela é possível fazer diversas receitas que ajudam o organismo por dentro e por fora, como o mingau de aveia, por exemplo.

Além disso, a aveia pode ser usada para emagrecer com saúde e em vários tipos de procedimentos estéticos. E, cá entre nós, nada é melhor do que um alimento que melhora a saúde e a beleza ao mesmo tempo, não é verdade? Por isso, sem mais delongas, conheça todos os segredos da aveia!

Quais são os benefícios da aveia?

A aveia possui inúmeros benefícios, por isso preparamos uma lista com as melhores vantagens medicinais desse cereal. Rico em vitaminas, minerais e fibras, a aveia é dona de um conjunto incrível de características saudáveis.

Aveia em flocos

Por ser rico em fibras, esse cereal auxilia no processo de digestão (Foto: depositphotos)

Confira os benefícios da aveia:

  • Protege as células contra a oxidação
  • Rica em nutrientes saudáveis
  • Diminui o colesterol
  • Previne doenças do coração
  • Diminui a glicose
  • Melhora a flora intestinal
  • Faz bem para o estômago
  • Evita tumores
  • Ajuda o cérebro
  • Combate inflamações
  • Faz bem para a pele

Viu só quantos benefícios? Abaixo, você aprenderá um pouco mais sobre cada um desses benefícios. Confira:

Protege as células contra a oxidação

Em primeiro lugar, vale destacar a ação antioxidante da aveia (1, 2). De acordo com os estudos científicos, a composição da aveia possui algumas substâncias antioxidantes bastante benéficas para o corpo humano, principalmente se estamos falando de prevenção de doenças.

Em suma, a aveia é antioxidante porque impede a ação dos radicais livres, substâncias malignas que dificultam o ciclo de vida saudável das células do nosso corpo. Sendo assim, a aveia diminui bastante as chances de doenças causadas ou estimuladas pelos radicais livres, como o câncer, Parkinson, Alzheimer, diabetes, hipertensão e outras.

Rica em nutrientes saudáveis

A tabela nutricional da aveia é bastante rica em elementos que melhoram a saúde e estimulam o bom funcionamento de várias funções do corpo humano. Trata-se de uma coleção única de minerais, fibras, proteínas e carboidratos (3).

Com isso, é possível encontrar ferro, fósforo, cálcio, folato, magnésio e manganês até mesmo em uma única porção de aveia. Além disso, em uma xícara de aveia natural encontram-se 26,4 gramas de proteínas e 103 gramas de carboidratos.

Diminui o colesterol

A aveia também é muito usada em dietas saudáveis com o objetivo de controlar o nível de colesterol. De acordo com as pesquisas, a aveia consegue controlar o tipo LDL, conhecido como “colesterol ruim” (2, 4). Em relação ao HDL, o colesterol bom, a aveia não interfere.

Previne doenças do coração

Outro benefício super conhecido da aveia é a sua ação benéfica para o coração (1, 4). Inclusive, é muito comum encontrar embalagens de aveia que contém essa informação. Nesse caso, você pode acreditar na embalagem, porque isso é verdade de acordo com a ciência.

Além de diminuir o colesterol ruim e ser antioxidante, como nós já citamos, as fibras e outros nutrientes da aveia são ótimas para melhorar o funcionamento do coração no geral. Além disso, é um superalimento para a prevenção de doenças cardíacas.

Diminui a glicose

Você sabia que a aveia é anti-diabetes? Tenho certeza de que você nunca soube desse benefício, mas ele é comprovado pela ciência (5). A composição da aveia é ótima para a dieta dos diabéticos, pois ela ajuda no equilíbrio da glicose e ajuda na sensibilidade à insulina.

Melhora a flora intestinal

Um benefício popular da aveia, como um cereal saudável, é a sua contribuição para a flora intestinal (1, 6). Isso se deve a presença das fibras na sua composição. As fibras são importantes pois beneficiam diretamente os intestinos. Além disso, o consumo dessas substâncias traz bastante saciedade e melhora todo o processo da digestão.

Faz bem para o estômago

Como citamos antes, as fibras são importantes para o bom funcionamento dos intestinos, mas além disso, são super benéficas para o processo digestivo (1, 6). Além disso, o consumo da aveia é recomendado para aquelas pessoas que têm problemas de sensibilidade no estômago.

As fibras da aveia funcionam como uma capa protetora entre os alimentos e as paredes do estômago. O cereal, em si, também é importante para garantir um bom nível de acidez do suco gástrico, o que pode prevenir reações negativas como a conhecida azia, por exemplo.

Como se não bastasse, a aveia pode ser essencial para evitar problemas como gases e inchaço, pois ela serve como ‘liga’ dos alimentos consumidos durante todo o processo digestivo, ajudando assim na eliminação de gordura, líquido e gases presos no organismo.

Evita tumores

Uma descoberta recente e bem surpreendente da aveia é que ela possui ação anti-tumor (2). Isso mesmo, o consumo da aveia pode ajudar na prevenção de tumores malignos, que por ventura, podem se caracterizar como câncer. Em suma, podemos dizer que consumir aveia é uma forma de se prevenir de alguns tipos de câncer.

Essa descoberta é comprovada pela ciência através de um estudo realizado por uma universidade na Líbia, país do norte africano. Além disso, outro estudo (desta vez realizado em Boston, EUA) classificou a aveia como um remédio natural de prevenção e combate ao câncer de cólon (1).

Ajuda o cérebro

A aveia é um neurotônico (2) que ajuda a melhorar várias funções do cérebro. Isso quer dizer que o consumo de aveia está diretamente ligado com a melhora da atenção, memória, cognição e a prevenção de várias doenças cerebrais, como o Alzheimer e a Doença de Parkinson.

Combate inflamações

O consumo da aveia também é ótimo para combater pequenas inflamações (1). Isso se deve a uma série de substâncias da sua composição, que juntas, atuam no combate à inflamações leves, comuns no organismo.

Dessa forma, o consumo da aveia é associado a eliminação de dores na lombar, nos ombros, nas articulações e dores de cabeças, por exemplo. Isso acontece porque, muitas vezes, as dores citadas são resultados de pequenas inflamações no organismo.

Faz bem para a pele

Por fim, mas não menos importante, a aveia faz bem para a pele (1). A ciência comprovou que a composição desse cereal ajuda na manutenção da qualidade da pele e ainda por cima combate irritações. As máscaras e pomadas naturais de aveia ficam cada vez mais populares entre as pessoas que procuram uma pele bonita e saudável.

Receitas fáceis com aveia

Existem algumas receitas fáceis e populares onde a aveia é o ingrediente principal. Neste tópico, vamos te mostrar quais são essas receitas, como prepará-las e como usá-las da forma correta. Confira:

Mingau de aveia

O mingau de aveia é ideal para um café da manhã que sacia bastante a fome e traz benefícios para o corpo. Devido ao seu preparo simples, que leva apenas aveia, leite e canela (opcional), trata-se de uma receita natural que pode ser consumida todos os dias.

  1. Em uma panela, adicione 2 xícaras de leite integral e aqueça
  2. Um pouco antes de atingir a fervura, abaixe o fogo e adicione 5 colheres (de sopa) de flocos de aveia (prefira os flocos maiores e evite a farinha de aveia)
  3. Misture durante o fogo baixo até que atinja o ponto de mingau
  4. Desligue o fogo e transfira para um prato ou tigela
  5. Se preferir, polvilhe um pouco de canela em pó.
Mingau de aveia

Uma excelente opção para o café da manhã (Foto: depositphotos)

Panqueca de aveia

A panqueca de aveia também é uma ótima opção para a primeira refeição do dia, mas pode cair bem à noite também. É uma receita versátil, que pode ser doce ou salgada, dependendo do recheio escolhido. Fica uma delícia com frango desfiado (salgada) ou geleia natural de frutas (doce). Aprenda a fazer:

  1. No liquidificador, adicione 2 xícaras de leite integral, 1 xícara de flocos de aveia, 2 ovos e 2 colheres rasas de manteiga sem sal (não use margarina). Bata tudo
  2. Em uma frigideira quente untada com azeite, vá despejando a massa aos poucos e assando dos dois lados.

Se você quer uma massa para um recheio salgado, você pode adicionar queijo ralado na massa, parmesão e coalho são boas opções. Caso seja uma massa para recheio doce, você pode adicionar coco ralado. Assim, as massas vão ficar mais saborosas.

Muesli

O muesli nada mais é do que um conjunto de grãos hidratados que são excelentes no sabor e nas vantagens para a saúde. É ótimo para quebrar o jejum. Além disso, traz bastante saciedade. Aprenda a receita:

  1. Em uma tigela, adicione 1 xícara de flocos grandes de aveia, 1 xícara de flocos de arroz, ½ xícara de sementes de girassol descascadas e 1 colher (de sopa) rasa de chia. Você ainda pode adicionar 1 colher de castanhas, amêndoas, linhaça e nozes
  2. Misture e adicione 1 xícara de água filtrada
  3. Cubra e reserve por cerca de 8 horas
  4. Por fim, quando os grãos tiverem sugado toda a água e estiverem hidratados, coma com alguma fruta da sua preferência.

Para facilitar o preparo, hidrate o muesli antes de dormir, pois assim ele já estará pronto pela manhã. Opte por mamão, kiwi, morango, melão ou banana para acompanhar.

Máscara de aveia

A máscara de aveia serve como esfoliante, hidratante e ainda traz outros benefícios para a pele. Aprenda a como fazer e a aplicar de forma correta:

  1. Em uma tigela, misture 3 colheres (de sopa) de aveia em flocos pequenos (mas não em farinha) com 4 colheres (de sopa) de leite
  2. Aplique sobre o rosto limpo, fazendo movimentos circulares (de baixo para cima). Isso vai esfoliar a pele
  3. Em seguida, deixe hidratando a pele por cerca de 15 minutos
  4. Por fim, enxague o rosto com água fria.

Se a pele do seu rosto é oleosa, troque o leite por água. Faça a aplicação dessa máscara apenas uma vez por semana, mais que isso pode deixar a pele frágil, além de não trazer mais benefícios.

Máscara de aveia

A aveia serve para esfoliar e hidratar a pele (Foto: depositphotos)

Pomada para assadura

A aveia também é super benéfica quando o assunto é tratar queimaduras. Isso se deve ao seu benefício hidratante, relaxante e anti-irritação. Serve tanto para queimaduras de sol quanto as queimaduras por atrito, como as dos bebês, por exemplo.

  1. Em uma tigela, misture 3 colheres (de sopa) de aveia em flocos e 4 colheres (de sopa) de água
  2. Quando estiver com a consistência cremosa, aplique sobre a queimadura
  3. Deixe agir por cerca de 15 minutos
  4. Por fim, enxágue com água fria ou gelada.

Aveia engorda ou emagrece?

Essa é uma das perguntas mais comuns quando se fala sobre aveia e a resposta é simples: sim, a aveia contribui para o emagrecimento. Isso se deve à uma substância chamada beta-glucano, presente na composição da aveia. Trata-se de uma substância diretamente ligada com a sensação de saciedade (7).

Isso quer dizer que o consumo diário de aveia contribui ao estimular os órgãos digestivos (estômago e intestinos) a se manterem saciados por mais tempo. Com o consumo regular, esses órgãos vão acabar necessitando de menos comida para conseguir a saciedade, o que ajuda na perda de peso.

Como usar a aveia para emagrecer?

Para emagrecer usando a aveia, geralmente é necessário incluir o cereal em alguma das refeições diárias, como pro exemplo o café da manhã. Isso porque, você pode definir o apetite para todo o resto do dia usando a aveia na primeira refeição.

Por isso, aposte nas receitas naturais que usam esse produto, pratique algum exercício e preste atenção na sua alimentação, sempre optando pelos alimentos naturais e pouco calóricos. Dessa forma, o emagrecimento será rápido e super saudável.

Qual é a quantidade diária recomendada?

A aveia é um alimento diário para muitas pessoas, e isso é muito benéfico. Por exemplo, estudos apontam que o consumo de aveia todos os dias traz mais bem-estar e melhora diversas funções do corpo (1, 2).

Sendo assim, fica provado que aproximadamente 3 colheres (de sopa) de aveia diariamente é o suficiente para obter os benefícios desse cereal. Essa quantidade é ideal para trazer saciedade em alguma refeição.

É importante, contudo, que você não consuma a aveia crua/natural sem algum líquido ou alimento que possui líquido. Por se tratar de um cereal rico em fibras, consumi-lo seco pode causar engasgo e mal-estar. Opte por comer junto com frutas, iogurtes naturais ou sucos.

Afinal, o que é a aveia?

A aveia é um dos cereais mais saudáveis que existem no planeta, pois não contém glúten, é fonte de vitaminas, minerais e fibras, ajuda na saciedade e, por fim, é uma delícia. Tudo isso faz da aveia um superalimento!

Esse produto tem por nome científico Avena L. e é proveniente de uma planta da família Poaceae. É composto por diversas espécies, sendo as mais populares a Avena sativa e a Avena byzantina (que são as mais comuns de se encontrar). Pode ser encontrada em forma de flocos, farinha e farelo.

É importante deixar claro que a aveia é um alimento super saudável, desde que seja usada de forma correta. Ela pode ser incluída em, basicamente, todos os tipos de dietas saudáveis. Seja para emagrecer, para recuperar a saúde e até mesmo em casos de diabetes e doenças cardíacas.

Cuidados e contraindicações

A aveia em si não possui contraindicações, pois se trata de um alimento natural. Entretanto, é importante ter alguns cuidados no uso da aveia, para que ela seja realmente saudável.

Por exemplo, esse cereal não possui glúten, mas em vários lugares do mundo o glúten pode ser processado junto com a aveia. Por isso, sempre verifique na embalagem se a aveia contém glúten. Se tiver, opte sempre pela versão sem essa substância, que é bem mais saudável.

Outro cuidado é não consumir aveia de forma exagerada, pois ela é calórica e quando consumida em excesso pode causar aumento de peso, principalmente se for usada em receitas que levam leite e/ou manteiga.

Procure sempre consumir a aveia pura e natural, sem glúten, para obter os benefícios medicinais e saudáveis desse alimento.

Referências

  1. MEYDANI, M. “Potential health benefits of avenanthramides of oats“. 2009. Disponível em: https://www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/19941618. Acesso em 22 de maio de 2019.
  2. SINGH, R., DE, S., BELKHEIR, A. “Avena sativa (Oat), a potential neutraceutical and therapeutic agent: an overview“. 2013. Disponível em: https://www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/23072529. Acesso em 22 de maio de 2019.
  3. SELFNUTRITION DATA – Oats. “Tabela“. Disponível em: https://nutritiondata.self.com/facts/cereal-grains-and-pasta/5708/2. Acesso em 22 de maio de 2019.
  4. BRAATEN, J. T. et al. “Oat beta-glucan reduces blood cholesterol concentration in hypercholesterolemic subjects“. 1994. Disponível em: https://www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/7956987. Acesso em 22 de maio de 2019.
  5. HOU, Q. et al. “The Metabolic Effects of Oats Intake in Patients with Type 2 Diabetes: A Systematic Review and Meta-Analysis“. 2015. Disponível em: https://www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/26690472. Acesso em 22 de maio de 2019.
  6. NORTON, C. “Constipation in older patients: effects on quality of life“. 2006. Disponível em: https://www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/16603983. Acesso em 22 de maio de 2019.
  7. KRISTENSEN, M., JENSEN, M. G. “Dietary fibres in the regulation of appetite and food intake. Importance of viscosity“. 2011. Disponível em: https://www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/21115081. Acesso em 22 de maio de 2019.

ATENÇÃO: Nosso conteúdo é apenas de caráter informativo. Todo procedimento deve ser acompanhado por um médico ou até mesmo ditado por este profissional.

Sobre o autor

Avatar
24 anos, é jornalista e produtor de conteúdo especializado. Atua com produção jornalística há 4 anos. Vencedor do prêmio de empreendedorismo digital “Academic Winner 2017”, promovido pela DeVry University na Califórnia, Estados Unidos. Tem no currículo trabalhos em emissoras de televisão, jornal impresso, revistas e internet. É pernambucano e tem como hobbies escrever, jogar videogames, cinema e estudos sociais.