Açaí engorda ou emagrece? Veja 3 receitas

De sabor tropical e marcante, a fruta tipicamente brasileira não conquista apenas pelo paladar, mas por seu alto valor nutricional. Por isso, além de “encher os olhos”, uma tigela de açaí pode agregar uma série de benefícios à saúde.

Nativo do Amazonas, o açaí pode ser consumido de muitas maneiras. Na região norte do Brasil, por exemplo, a fruta se transforma em um pirão e costuma ser apreciado juntamente com a farinha de mandioca.

Nos outros estados, a iguaria ganhou status de sobremesa e se transformou em uma massa cremosa, doce, gelada e espessa. Quando comparado com o sorvete, o açaí ganha pontos por ser natural e, teoricamente, saudável. 

Tigela com açaí, banana e granola

O açaí é normalmente consumido na forma de pasta, acompanhado de alguma fruta, granola e mel (Foto: depositphotos)

Servido com os mais diversos tipos de acompanhamentos, tais como granola, leite condensado, leite em pó, creme de avelã, cereais e frutas diversas, o açaí tornou-se cada vez mais calórico.

Mas, afinal, o açaí engorda ou emagrece? É possível consumi-lo em uma dieta equilibrada? Descubra a resposta para estas e outras questões a seguir.

Será que o açaí engorda?

Apesar de seus frutos pequenos e delicados, muito parecidos com uvas roxas, o açaí ganhou o status de superalimento por conta de seu alto valor nutricional.

Segundo a nutricionista Luciana Abreu, “o açaí é rico em antioxidantes como a vitamina C e E, e minerais como cálcio, magnésio e fósforo. É também rico em antocianinas, nutriente altamente antioxidante que é responsável por sua coloração, além de gorduras monoinsaturadas, polifenóis e fibras”.

A forma mais comum de consumir a polpa do açaí é adoçada e processada, juntamente com guaraná e/ou outros ingredientes, como a banana. Este processo a torna mais cremosa e fácil de ser consumida, porém eleva consideravelmente o número de calorias do alimento.

Engana-se, portanto, quem pensa que o açaí é naturalmente calórico. A fruta em seu estado natural possui, em média, 58 calorias a cada 100 gramas. Muito menos do que o caqui ou o abacate, por exemplo. Já a polpa adoçada pode ultrapassar as 110 calorias na mesma quantidade do alimento.

Deste modo, se consumido de maneira equilibrada, o açaí não engorda e pode, sim, fazer parte de uma dieta saudável e equilibrada. A dica, segundo a nutricionista, é não exagerar na quantidade: uma porção de 80 gramas ao dia já é suficiente para agradar o paladar e nutrir o corpo sem prejudicar a dieta.

Por outro lado, quando somado às coberturas e xaropes açucarados o açaí pode se tornar uma verdadeira bomba calórica, ultrapassando 1.000 calorias em uma tigela média.

Benefícios do açaí para a saúde

Tigela com açaí puro

O açaí puro tem poucas calorias e, por isso, não engorda. Seus acompanhamentos que são calóricos (Foto: depositphotos)

Como consequência de seus nutrientes, o consumo regular e moderado de açaí traz uma série de benefícios à saúde, entre eles estão:

  • Melhora a função cognitiva (1)
  • Protege contra diversos tipos de cânceres (2)
  • Melhora o desempenho atlético (3)
  • Combate o envelhecimento precoce e a depressão (4)
  • Melhora a saúde intestinal (5)
  • Fortalece o sistema imunológico (6)
  • Entre outros.

Além disso, a especialista afirma que “o açaí pode ser considerado como um alimento cardioprotetor, visto que atua no sistema circulatório e é coadjuvante na manutenção de bons níveis de colesterol, além de sua ação anti-inflamatória”. 

Ela acrescenta que, “por conter fibras, auxilia no bom funcionamento do intestino. Pode ser indicado para a prevenção de doenças neurológicas, como Alzheimer e outras, devido ao tipo de gordura que apresenta. De forma geral, ajuda a combater a fadiga e o cansaço, comuns em tempos modernos”.

3 receitas com açaí para quem está de dieta

Então que tal fugir das opções hipercalóricas servidas em restaurantes e quiosques e preparar o seu próprio açaí em casa, com muito menos calorias e mais saúde?! Confira agora três receitas fáceis e saborosas com açaí, indicadas pela nutricionista, para saborear sem sair da dieta:

Creme de açaí, tâmara e morangos

Rendimento: 3 porções

Ingredientes

  • 30 g de tâmaras
  • 200 g de polpa de açaí
  • 5 gotas de extrato de baunilha
  • 100 g de morangos picados grosseiramente.

Modo de preparo

Bata o açaí com as tâmaras sem semente e a baunilha até ficar homogêneo. Junte o morango picado e deixe gelar por 1 hora.

Iogurte de açaí e kiwi

Rendimento: 2 porções

Ingredientes

  • 200 g de iogurte natural desnatado 
  • 100 g de polpa de açaí
  • 1 colher de sopa de xilitol ou melado de cana (opcional)
  • 80 g de kiwi.

Modo de preparo

Bata todos os ingredientes, deixando uma parte dos kiwis picados para garantir o sabor ainda mais diferenciado.

Suco de açaí e maracujá

Rendimento: 2 porções

Ingredientes

  • 100 g de polpa de açaí
  • Polpa de 1 maracujá
  • 1 colher de sopa de xilitol ou melado de cana (opcional).

Modo de preparo

Bata todos os ingredientes com água até obter a consistência necessária (mais ou menos espesso, de acordo com o seu gosto).

5 dicas ao consumir açaí

  1. Evite porções exageradas.
  2. Prefira degustar o sabor exótico da fruta pura. É um excelente treino para o paladar.
  3. Evite incluir produtos extras, principalmente os ricos em açúcar como xaropes e leite condensado.
  4. Procure marcas que vendem o produto puro. Para ter essa informação leia os rótulos.
  5. Prefira marcas que garantem a qualidade, pois o açaí pode ser contaminado pelo protozoário Trypanosoma cruzi, agente da doença de Chagas.

Depois de ter acesso a essas informações esqueça aquela velha máxima de que tudo o que é bom engorda. O açaí, além de saboroso, é um excelente alimento.

Apesar de mais calórico do que outras opções de frutas nacionais, seu fruto é carregado de nutrientes, tornando-a uma excelente opção para uma dieta saudável e equilibrada. 

*Artigo feito com a colaboração da nutricionista e docente do curso de Gastronomia da FAMESP, Luciana Abreu (CRN3 11.296).

Referências

(1) POULOSE, S.M et al. Anthocyanin-rich açai (Euterpe oleracea Mart.) fruit pulp fractions attenuate inflammatory stress signaling in mouse brain BV-2 microglial cells. J Agric Food Chem., Feb 1;60(4):1084-93, 2012. Disponível em: https://www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/22224493. Acesso em: 05 de dezembro de 2019.

(2) MARTINEZ, R.M et al. Açai (Euterpe oleracea Mart.) Seed Extract Induces Cell Cycle Arrest and Apoptosis in Human Lung Carcinoma Cells. Foods., Oct 26;7(11), 2018. Disponível em: https://www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/30373103. Acesso em: 05 de dezembro de 2019.

(3) SADOWSKA-KRĘPA, E et al. Effects of supplementation with acai (Euterpe oleracea Mart.) berry-based juice blend on the blood antioxidant defence capacity and lipid profile in junior hurdlers. A pilot study. Biol Sport., Jun; 32(2): 161–168, 2015. Disponível em: https://www.ncbi.nlm.nih.gov/pmc/articles/PMC4447763/. Acesso em: 05 de dezembro de 2019.

(4) MONTEIRO, J.R.S et al. Antidepressant and Antiaging Effects of Açaí (Euterpe oleracea Mart.) in Mice. Oxidative Medicine and Cellular Longevity, 2019. Disponível em: https://www.researchgate.net/publication/334679175_Antidepressant_and_Antiaging_Effects_of_Acai_Euterpe_oleracea_Mart_in_Mice. Acesso em: 05 de dezembro de 2019.

(5) ALQURASHI, R.M. et al. In vitro approaches to assess the effects of açai (Euterpe oleracea) digestion on polyphenol availability and the subsequent impact on the faecal microbiota. Food Chem., Nov 1;234:190-198, 2017. Disponível em: https://www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/28551224. Acesso em: 05 de dezembro de 2019.

(6) HOLDERNESS, J. et al. Polysaccharides Isolated from Açaí Fruit Induce Innate Immune Responses. PLoS One., 6(2): e17301, 2011. Disponível em: https://www.ncbi.nlm.nih.gov/pmc/articles/PMC3046208/. Acesso em: 05 de dezembro de 2019.

Vitamina de açaí para engordar e ganhar massa

ATENÇÃO: Nosso conteúdo é apenas de caráter informativo. Todo procedimento deve ser acompanhado por um médico ou até mesmo ditado por este profissional.