3 formas naturais de detonar o fungo pé-de-atleta

A doença, também conhecida como frieira, pode ser transmitida através do compartilhamento de objetos pessoais

A pouca atenção que é demandada para certas partes do corpo pode acarretar em alguns problemas, sobretudo relacionados a fungos e bactérias. Para ser mais preciso, a parte do corpo em questão são os pés. Após o banho, eles devem ser bem secos, as meias usadas devem estar sempre limpas e, em casos mais específicos, o uso de spray ou pó antifúngico é recomendado.

Geralmente um dos problemas mais recorrentes é o aparecimento do pé-de-atleta. Trata-se de uma doença de pele causada pela ação de diferentes fungos do gênero Tricophyton.

Popularmente, a doença é conhecida como frieira e pode ser transmitida através do contato direto, sobretudo com o compartilhamento de objetos pessoais, como meias, toalhas e até o piso.

3 incríveis formas naturais de detonar o fungo pé-de-atleta

Foto: depositphotos

Alívio da coceira e queimação

Entre os principais sintomas causados pelo pé-de-atleta estão: pele vermelha, coceira, sensação de queimação ou dor. Em alguns casos, também pode ser percebido o surgimento de bolhas. Para aliviar alguns desses sintomas, você pode recorrer a tratamentos alternativos, com a utilização de plantas e demais ingredientes que podem ser facilmente encontrados na sua casa.

As dicas são extraídas do livro “1.001 Remédios Caseiros – Tratamentos confiáveis para promover a sua saúde no dia-a-dia”, publicado pela editora seleções. Veja alguns:

Bicarbonato de sódio

Imagem de bicarbonato de sódio.

Foto: depositphotos

O ingrediente pode ser usado como forma de aliviar a coceira e sensação de queimação entre os dedos dos pés. No preparo, use uma colher de bicarbonato de sódio com água fria suficiente para formar uma pasta. Esfregue a pasta na área atingida, depois é só enxaguar e secar bem os pés. Para finalizar, polvilhe um pouco de amido de milho.

Sal e água quente

Imagem de saleiro.

Foto: Pixabay

Para aliviar a sensação de queimação nos pés, basta colocar em uma bacia meio litro de água quente e duas colheres de sal. Deixe os pés de molho por volta de 10 minutos. Repita a operação com intervalos frequentes até você sentir alívio nos pés.

Chá preto

Erva do chá preto.

Foto: Pixabay

O chá preto contém ácido tânico, substância que pode ajudar a aliviar as dores causadas pelo pé-de-atleta. Para preparar o tratamento, basta separar cinco saquinho do chá e adicionar a meio litro de água quente. Deixe em infusão por cinco minutos, com o recipiente tampado. Passado esse tempo, deixe amornar um pouco e coloque os pés de molho nesse banho por cerca de 30 minutos.

Para combater o fungo

Se por um lado você pode fazer uso de algumas substâncias para acalmar os sintomas, por outro, várias substâncias possuem o poder de combater o fungo. Conheça quais são eles:

Iogurtes naturais

Pote de iogurte natural

Foto: depositphotos

Por conter bactérias acidófilas vivas, os iogurtes naturais aparecem como aliados poderosos contra o pé-de-atleta. Para isso, basta pincelar um pouco de iogurte sobre a área afetada e deixar secar. Depois é só enxaguar e secar bem os pés.

Mostarda

Sementes de mostarda.

Foto: depositphotos

O óleo ou pó de mostarda contém substâncias que ajudam a combater os fungos. Para usar todos esses benefícios, basta preparar um banho para os pés a partir da utilização do ingrediente. Feito isso, é só deixar os pés de molho por 30 minutos. Depois, seque bem os pés.

Procurando um médico

Geralmente o tempo aceitável para que os tratamentos caseiros sejam realizados é de três semanas. Caso você não perceba nenhuma mudança positiva, siga para um dermatologista ou podólogo. Sem tratamento, o pé-de-atleta pode levar ao aparecimento de rachaduras na pele, facilitando ainda mais a ação de bactérias nocivas.

Sobre o autor

Formado em Jornalismo pela UniFavip | Wyden. Já trabalhou como repórter e editor de conteúdo em um site de notícias de Caruaru e em três revistas da região. No Jornal Extra de Pernambuco e Vanguarda de Caruaru exerceu a função de repórter nas editorias de Economia, Cidades, Cultura, Regional e Política. Hoje é assessor de imprensa do Shopping Difusora de Caruaru-PE, Seja Digital (entidade responsável pelo desligamento do sinal analógico no Brasil), editor da revista Total (com circulação em Pernambuco) e redator web do Remédio Caseiro.