Verdades e mitos sobre o aparecimento das varizes

Enquanto o fator genético é preponderante, o envelhecimento é um agravante; além disso, as mulheres são mais propensas ao desenvolvimento das varizes


Muitas pessoas já escutaram alguma vez na vida que salto alto provoca varizes. Mas, apesar disso, a maioria das mulheres já usou ou faz uso constante dele, sem saber se isso é um mito ou realmente o salto alto provoca problemas de saúde. Vamos descobrir?

De acordo com a angiologista Aline Lamaita do Hospital Albert Einstein, “não existe consenso em literatura científica que o uso de salto alto a longo prazo possa causar varizes”.

Entretanto, a médica aconselha: “devemos levar em conta que alguns trabalhos sugerem que existe, sim, um prejuízo no retorno venoso com o uso do salto. Também devemos levar em consideração que seu uso contínuo causa alteração de postura, encurtamento de tendão de Aquiles, e uma série de problemas ortopédicos”.

Verdades e mitos sobre o aparecimento das varizes

Foto: depositphotos

Conheça outros mitos relacionados ao desenvolvimento das varizes e, em seguida, algumas verdades relacionadas à doença.

Mito 1: Subir escadas

É normal ouvirmos que subir escadas frequentemente provoca varizes. Aline Lamaita acaba com essa crença: “na verdade, esse é um exercício excelente para o retorno venoso. Se fosse assim, proibiríamos aula de step nas academias. E é um exercício excelente para treinamento cardiopulmonar e extremamente benéfico para musculatura da perna”.


Mito 2: Musculação causa varizes?

Esse também é outro mito. Ao contrário, assim como subir escadas, o exercício dos músculos é ótimo para aumentar a circulação sanguínea. De acordo com a especialista, qualquer atividade física é eficaz no combate ao sedentarismo, o maior vilão para o surgimento das varizes.

Mito 3: Cera quente

O uso de cera quente durante a depilação não é capaz de causar varizes, pois a dilatação das veias acontece dentro da pele e não na superfície dela, onde é aplicada a cera.

Verdade 1: Idade, sexo e genética

Quando o assunto é varizes, não há como fugir desses três fatores: idade, sexo e genética. São eles os principais fatores de risco para o desenvolvimento das veias dilatadas.

“Enquanto o fator genético é preponderante, o envelhecimento é um agravante; além disso, as mulheres são mais propensas ao desenvolvimento das varizes, por influência hormonal, já que têm as veias mais flácidas que os homens”, explica a Dra. Lamaita.

Verdade 2: Anticoncepcional

O anticoncepcional também pode agravar as varizes, pois em alguns casos ele pode causar inflamação nas veias. Isso acontece por conta do hormônio estrogênio existente em sua composição química.

Verdade 3: Gravidez

A causa para o aparecimento de varizes durante esse período da vida da mulher também é provocado por um hormônio. É a progesterona que aumenta a dilatação das veias. Outro fator determinante é a peso que recai sobre as veias dos membros inferiores.


Reportar erro