Trate enxaqueca e problemas no fígado com este chá

O fitoterapeuta Naturopata André Resende ensina uma solução bem simples para acabar de vez com os incômodos causados pela enxaqueca


Devido ao estresse do dia-a-dia, alguns problemas de saúde faz com que muita gente perca o humor e fique bastante chateada.

Os que ocupam os primeiros lugares na lista de reclamações são as eventuais enxaquecas e os incômodos no fígado. Mas, para acabar com eles, o fitoterapeuta Naturopata, André Resende, passa uma solução bem simples.

Não precisa nem citar o fato que a receita para acabar com esses problemas vem a partir da utilização de plantas naturais. Algumas delas, inclusive, possuem propriedades que, se combinadas, trazem uma série de efeitos positivos para o organismo.

Benefícios de algumas plantas

Trate enxaqueca e problemas no fígado com este chá

Foto: depositphotos

Planta Angélica – Essa espécie possui efeito tônico e estimulante das funções do aparelho digestivo. Ela possui ação sedativa, equilibradora do sistema nervoso, digestiva e espasmolítica. Entre seus benefícios estão a eliminação dos gases e fermentações intestinais, o aumento da secreção de sucos gástricos e combate à depressão.


Dente de leão – A planta é rica em vitaminas, sais minerais, proteínas e tiamina. Ela possui efeito desintoxicante, sendo usada na limpeza do organismo. No fígado, a planta ajuda a eliminar as toxinas do sangue e desobstruir os canais biliares.

Pariparoba – A planta possui óleo essencial em suas folhas que é útil na aromaterapia. Além disso, o tratamento e controle dos radicais livres vêm sendo estudado por meio da pariparoba devido às suas propriedades antioxidantes.

Verbena – A erva possui efeito calmante, sendo usada contra o nervosismo e outros distúrbios no intestino ou gástricos relacionados ao estresse.

Chá para acabar com enxaqueca e problemas no fígado

Ingredientes

  • Um punhado de planta Angélica;
  • Um punhado de dente de leão;
  • Um punhado de pariparoba;
  • Um punhado de verbena;
  • Um punhado de carqueja doce;
  • Um punhado de hortelã;
  • Um litro de água filtrada.

Modo de preparo

O primeiro passo é colocar a água para ferver. Assim que ela atingir o ponto de ebulição, coloque todas as ervas junto a água. Deixe ferver por 20 minutos e depois desligue o fogo. Espere esfriar um pouco, deixando a panela tampada. Em seguida, use uma peneira para separar todas as ervas do líquido. Seguindo as recomendações de uso de  André Resende, o tratamento com o chá deve ser feito através de cinco vezes diárias.


Reportar erro