Tratamentos naturais para amenizar a queimação da Azia

A azia é uma sensação de ardor causada pelo suco gástrico que invade o esôfago,…


Tratamentos para azia

Acabe com o mal-estar e a queimação com frutas e hortaliças | Imagem: Reprodução

A azia é uma sensação de ardor causada pelo suco gástrico que invade o esôfago, um sintoma que agride a população diariamente e pode apontar para males maiores e delicados, provenientes de má alimentação.

Também conhecida como pirose, a azia é a consequência de maus hábitos alimentares, onde o consumo de alimentos gordurosos, cafeinados ou ácidos é elevado, assim como o consumo de substâncias tóxicas como álcool e tabaco. O uso desses compostos agride o esôfago, o que ocasiona no refluxo do suco gástrico, responsável pela digestão dos alimentos, ao esôfago. O suco gástrico possui ácidos dissolventes com pH 1,5 e 2, e somente o estômago possui resistência para aguentar a sua atuação digestiva. Logo, quando esse líquido é posto em contato com o esôfago, a sensação que temos é a de ardor, queimação, pois o suco corroe o canal de condução dos alimentos mastigados.

Há outros fatores além dos mencionados, que podem ocasionar a azia, como a hérnia de hiato que dificulta a função da musculatura entre esôfago e estômago, não contendo o suco em seu devido local. Gestantes também podem apresentar pirose, pois a retenção de líquidos é grande, aumentando a pressão sobre o estômago.

Consequências

A passagem constante de suco gástrico pelo canal do esôfago pode acarretar em:

  • Asma noturna (provocada pela microaspiração de suco pelos brônquios);
  • Tosse;
  • Dores no peito;
  • Úlceras;
  • Estreitamento do esôfago;
  • Mau hálito.

É possível prevenir a ação do suco gástrico de forma incorreta, mudando hábitos alimentares, evitando gorduras lácteas (que atrapalha no esvaziamento do líquido, aumentando sua quantidade), cafés, refrigerantes e o consumo exagerado de frutas cítricas. Bebidas alcoólicas e cigarro estimulam a vinda do suco ao canal, além de outras drogas. O ato de comer em excesso também contribui para a azia, fato que nos leva a perceber que após duas horas de ter realizado alguma refeição, o refluxo tende a ocorrer.


A indústria farmacêutica possui medicamentos realizam o balanceamento do pH e a diminuição da produção do suco – vale lembrar que ele é essencial para a digestão dos alimentos e têm que ser controlado, não eliminado.

Tratamentos naturais

Na natureza podemos encontrar agentes mediadores do suco gástrico, podendo ser ministrados para a melhora dos sintomas da azia. O uso das plantas e seus derivados funcionam como cura alternativa, e você pode variar o tratamento entre:

Hortaliças

  • Tomar 1 xícara do suco das folhas e talos do alface, 30 minutos antes do almoço.
  • Suco da batata ministrando 1 xícara, 3 vezes ao dia e 30 minutos antes de alguma das refeições ou quando sentir o ardor.
  • Chá de dente-de-leão, consumindo 3 xícaras durante o dia, sempre antes das refeições.

Frutas

– Consumir caqui, maçã, melancia, melão ou mamão, substituindo uma refeição pela fruta 2 vezes por semana.

Plantas

– Chá das sementes e folhas da erva-doce, erva-cidreira, hortelã ou poejo, adoçado com mel, tomar 3 xícaras ao dia.

Outros

– Compressas de argila com cebola ralada na região do ventre.

– Banho de assento por 20 minutos 2 vezes ao dia.


Reportar erro