Tratamento caseiro para a dor nos rins

Por Daiane Silva

Tratamentos para dor nos rins

Acabe com as terríveis dores nos rins seguindo nossas dicas | Imagem: Reprodução

Aquela dor constante ou em cólicas, que começa na região lombar (nas costas, acima da cintura) e vem para a frente, na região abdominal, podem ser os temíveis cálculos renais, ou, como são conhecidos popularmente, pedras nos rins.

Estas são formações endurecidas, que resultam do acúmulo de cristais existentes na urina e se localizam nos rins ou vias urinárias. Esses cálculos podem passar despercebidos ou podem causar essas dores fortes, que podem ser acompanhadas de enjoos ou vômito e necessitam atendimento médico, conforme o caso.

Sintomas de cálculos renais

  • Suspensão ou redução do fluxo urinário;
  • Sangue na urina;
  • Necessidade mais frequente de urinar;
  • Infecções urinárias.

Causas para formação de cálculos renais

  • Grande quantidade de cálcio, fosfatos, oxalatos, cistina, ou falta de citrato;
  • Volume insuficiente de urina, ou urina supersaturada de sais;
  • Alterações de anatomia;
  • Distúrbios metabólicos do ácido úrico ou da glândula paratireoide;
  • Obstrução das vias urinárias.

Apesar de ser um problema bastante sério, que em certos casos necessita tratamento médico, algumas medidas e cuidados caseiros podem ser especialmente eficazes para combater essa moléstia:

  • Beba 50ml de azeite de oliva e 50ml de suco de limão, acompanhados de bastante água;
  • Para prevenir o aparecimento de cálculos renais, é ideal o consumo de chás medicinais, como quebra-pedra, que ajuda a evitar o acúmulo dos cristais que formam os cálculos. O consumo de diuréticos, como este chá, deve ser moderado, caso contrário, pode até prejudicar ainda mais o tratamento, aumentando a dor e fazendo com que muitos sais minerais importantes ao organismo sejam eliminados. Por isso, o consumo máximo diário de chás diuréticos deve ser de até 4 xícaras.

Existem algumas recomendações, especialmente a título de prevenção dos cálculos renais

Beba muita água. Ela é um ótimo artifício contra os cálculos renais

Beba muita água. Ela é um ótimo artifício na prevenção dos cálculos renais | Imagem: Reprodução

  • Beber muita água, de dois a três litros por dia, regularmente, é essencial. Essa é a medida mais importante para prevenir cálculos renais;
  • Quando houver a possibilidade de estar eliminando um cálculo, utilize um filtro de papel. A análise de sua composição pode colaborar com o médico na escolha do tratamento mais adequado;
  • O uso de medicamentos contra dor deve ser prescrito pelo médico, pois alguns deles são desaconselháveis para pessoas com problemas estomacais ou para gestantes;
  • Reduza a ingestão de alimentos ricos em proteínas e cálcio, se os cálculos forem formados por excesso de ácido úrico ou cálcio;
  • Procure atendimento médico, especialmente se tiver dores intensas
    nas costas ou no abdômen e sinais de sangue na urina. Não se automedique nem faça o próprio diagnóstico.
  • Consumir frutas aquosas, como melancia, melão, abacaxi, etc. puras, ajuda a hidratação do organismo;
  • Tomar um caldo de potássio também pode ser muito benéfico para os rins. Ele é feito a partir de cascas de batata, cortadas bem espessas. Devem ser cozidas com cenoura, alho e aipo. Ferve-se por 30 a 40 minutos e, em seguida, coa-se e bebe-se este líquido. O excesso pode ser guardado na geladeira por não mais de 2 dias.
  • Ervas como dente-de-leão e garança são úteis também.