Sinais reais de que você está tomando pouca água por dia

A ingestão regular de água está ligada diretamente ao bom funcionamento dos rins e de todo o corpo. O corpo dá sinais de que precisa de água. Confira


Beber água é uma atitude vital para o ser humano que pode influenciar no bom funcionamento do corpo. Não é a toa que muita gente atribui a água a fonte da vida, seja nos seres humanos, animais ou plantas. Tudo depende dela para estar vivo.

Nos humanos, ela é tão importante que a sua falta no organismo pode desencadear uma série de sintomas e doenças.

A ingestão regular de água está ligada diretamente ao bom funcionamento dos rins e, consequentemente de todo o corpo. São eles os grandes responsáveis por filtrar as impurezas do sangue e regular a pressão arterial. Por esse motivo, a quantidade de água ingerida está tão ligada a esse papel desempenhado pelos rins.

Sinais reais de que você está tomando pouca água por dia

Foto: depositphotos

Água para matar a sede

De acordo com especialistas, a quantidade adequada de água para se ingerir por dia vai depender da forma com que cada organismo funciona e as quais fatores a pessoa em questão está exposta, ou seja, de como ele está habituado a levar a vida: frequência de exercícios, interferência do ambiente, tempo que passa parado e assim por diante.

Ingerir água de menos faz mal, mas também, água de mais pode fazer tanto mal quanto. Por isso, o ideal é prestar atenção na sua rotina para tentar traçar uma média que seja saudável para o seu dia-a-dia.

Alguns médicos sugerem que a ingestão de água fique entre 1,2 e 2 litros de água. Porém, o ideal é beber água quando se sente sede.

A falta de água no corpo

A falta desse líquido tão precioso pode ser interpretada de várias formas diferentes pelo corpo. Ele costuma dar alguns sinais de que a quantidade de água precisa ser aumentada. A partir de agora, confira quais são os principais deles:


Dor de cabeça – Possíveis alteração na dilatação dos vasos sanguíneos pode desencadear dor de cabeça nas pessoas. Essas alterações são reflexos da quantidade de água que a pessoa está ingerindo. No caso, ela precisa ser aumentada para que a dilatação ocorra da maneira certa.

Constipação intestinal – A falta de água no intestino pode acarretar em uma digestão mais lenta, fazendo com que os resíduos sejam acumulados, causando a prisão de ventre.

Pele seca – Se você notou que sua pele está ficando seca, áspera e seus lábios seguem a mesma linha, está na hora de prestar mais atenção na ingestão diária de água. A água é responsável por hidratar a pele e deixá-la com aparência saudável.

Urina escura – A urina é a forma com que o corpo elimina as impurezas. Por isso o ideal é que ela esteja sempre clara. Se você está percebendo que a sua urina está amarela demais, tome mais água. Pois você pode está se encaminhando para o desenvolvimento de doenças graves.

Dor nas articulações – A água é responsável por compor o fluido encontrado entre as articulações. Isso permite que elas estejam sempre lubrificadas e funcionando de acordo. Dores e dificuldades para realizar certos exercícios, pode ser sinal de desidratação.

Fome – Se você sente fome fora de hora, esse também pode ser um sintoma ligado a desidratação. A falta do líquido em questão faz com que o cérebro não reconheça a sensação de desidratação, o que faz com ele pense que o que está em baixa é a comida, gerando a fome fora de hora.

Inchaço – O excesso de sódio e a falta de água, juntos, resultam na sensação de que você está inchado. Por isso dosar esses dois componentes é a forma mais adequada de se ver livre do problema.

Muita sede – Se você está sentindo sede é porque está desidratado. Essa é uma das formas mais fáceis de entender que o corpo está precisando de água. Por isso, incorpore mais o líquido na sua vida.


Reportar erro