Quiabo: efeitos benéficos incluem o combate a problemas respiratórios

O quiabo é rico em vitamina A, B1 e B2, além de minerais, proteínas e fibras. Conheça os benefícios deste alimento para a saúde


Bastante conhecido na culinária brasileira, principalmente do estado de Minas Gerais, o quiabo é o fruto da abelmoschus esculentus, planta da família da malva. Originário da África e trazido para o Brasil pelos escravos, o quiabo é uma cápsula fibrosa cheia de sementes, colhida antes de chegar à fase de maturação.

Rico em vitamina A, B1 e B2, além de minerais, proteínas e fibras, este alimento proporciona diversos benefícios à nossa saúde.

Propriedades e benefícios do quiabo

O quiabo é rico em vitamina A, que mantém a boa saúde da visão; vitaminas do complexo B, importantes para o processo de crescimento; e minerais como o cálcio, ferro, fósforo e cobre, que são fundamentais para a formação dos ossos, dentes e sangue.

No reino vegetal, o quiabo é o alimento que fornece maior quantidade de flavonoides, um grupo de antioxidantes, que combate a ação dos radicais livres, evitando o envelhecimento precoce das células e protegendo o organismo de diversas doenças.

Cada 100 gramas de quiabo contêm apenas 30 calorias e, por este motivo, é um fruto recomendado para os indivíduos que desejam controlar ou perder o excesso de peso.

 

Quiabo: efeitos benéficos incluem o combate a problemas respiratórios

Foto: Reprodução/ internet

O quiabo é rico em fibras alimentares e folatos, e não contém gorduras saturadas nem colesterol. Este fruto também possui uma quantidade significativa (36% do valor diário recomendado) de vitamina C, no entanto, o nutriente é perdido durante o cozimento.


Devido aos nutrientes presentes no quiabo, este alimento auxilia no tratamento do peristaltismo, combate a constipação e ajuda a reduzir a tosse e o resfriado.

Por ser um alimento de fácil digestão, o quiabo também é indicado no tratamento de casos de infecções do intestino, bexiga e rins.

De acordo com um estudo da Universidade Estadual de Campinas (Unicamp), em parceria com o instituto agronômico do município, o quiabo atua na redução do colesterol e controla os níveis de açúcar no sangue.

A baba do quiabo, desprezada por muitos, é rica em fibras solúveis, proporciona a sensação de saciedade e ajuda a controlar os níveis de glicose.

Como consumir o quiabo?

A escolha do quiabo é muito importante: opte por aqueles que estejam mais firmes, frescos, novos e bem verdes, sem manchas ou que estejam amarelados. Quanto mais fresco o fruto estiver, maior será o seu poder antioxidante. Este alimento também deve ser consumido rapidamente, para que não fique murcho e escureça em seguida.

O quiabo pode ser consumido frito, refogado ou cozido. As folhas do quiabeiro também possuem muitos nutrientes e podem ser adicionados em uma sopa ou salada.

Se você quiser livrar-se do excesso da baba característica do quiabo, faça o seguinte: lave, corte-os ao meio no sentido vertical e seque-os com um pano.


Reportar erro