Os benefícios e malefícios do leite de soja

O leite de soja (extrato hidrossolúvel de soja) é obtido a partir dos grãos desta…


O leite de soja (extrato hidrossolúvel de soja) é obtido a partir dos grãos desta leguminosa e é um dos produtos à base de soja mais conhecidos e utilizados pela população do Brasil. Existem diversas marcas que comercializam a bebida, inclusive com produtos que combinam o leite de soja com sucos de frutas. O produto também pode ser encontrado na forma de pó e que pode ser utilizado no preparo de cremes, tofu, maionese, iogurte, vitaminas, sopas e demais alimentos. Este tipo de leite pode ser usado como uma alternativa ao leite de vaca para quem tem intolerância à lactose, porém o seu consumo não é aconselhável para crianças e indivíduos que tenham hipotireoidismo e anemia. Assim como o leite de vaca, o consumo do leite de soja possui os seus benefícios e os seus malefícios.

Os benefícios e malefícios do leite de soja

Foto: Reprodução


Os benefícios do leite de soja

  • O leite de soja é uma boa fonte de proteínas, fibras e vitamina B. Além disso, contém isoflavona, um composto orgânico que atua na prevenção de doenças como o câncer de mama, de cólon, de útero e de próstata; e alivia os sintomas da tensão pré-menstrual e da menopausa;
  • Pode ser consumido por pessoas alérgicas à lactose e à proteína presentes no leite de vaca;
  • Esta bebida também pode auxiliar no controle da diabetes e do colesterol alto, no combate à osteoporose e na redução do risco de desenvolvimento de doenças cardíacas;
  • É livre de colesterol e possui menos gordura que o leite de vaca.
  • Embora o leite de soja também tenha muitos nutrientes, ele possui apenas 29,3 % de cálcio em relação ao leite bovino;
  • Quando consumido em excesso, a bebida faz mal à saúde, pois, devido aos fatores antinutricionais, pode dificultar a absorção de minerais e de aminoácidos, fitoestrogênios que podem alterar o funcionamento da tireoide. Há controvérsias com relação à quantidade segura para o consumo do leite de soja, mas alguns pesquisadores recomendam 50 mg de isoflavona por dia, o que equivale a 500 ml da bebida (ou a aproximadamente 200g de tofu e menos de 50g do grão torrado);
  • Bebês e crianças só devem consumir leite, suco ou qualquer outro produto à base de soja sob orientação médica. Esse cuidado deve ser tomado, pois a soja pode afetar o desenvolvimento hormonal das crianças. Vale ressaltar que a bebida é aconselhável apenas a partir dos 3 anos de idade e nunca como substituto do leite de vaca, e sim como complemento alimentar.

Os malefícios do leite de soja

  • Embora o leite de soja também tenha muitos nutrientes, ele possui apenas 29,3 % de cálcio em relação ao leite bovino;
  • Quando consumido em excesso, a bebida faz mal à saúde, pois, devido aos fatores antinutricionais, pode dificultar a absorção de minerais e de aminoácidos, fitoestrogênios que podem alterar o funcionamento da tireoide. Há controvérsias com relação à quantidade segura para o consumo do leite de soja, mas alguns pesquisadores recomendam 50 mg de isoflavona por dia, o que equivale a 500 ml da bebida (ou a aproximadamente 200g de tofu e menos de 50g do grão torrado);
  • Bebês e crianças só devem consumir leite, suco ou qualquer outro produto à base de soja sob orientação médica. Esse cuidado deve ser tomado, pois a soja pode afetar o desenvolvimento hormonal das crianças. Vale ressaltar que a bebida é aconselhável apenas a partir dos 3 anos de idade e nunca como substituto do leite de vaca, e sim como complemento alimentar.

Reportar erro