Os benefícios de manter a mente offline. Aprenda como fazer

Ficar no modo “offline” traz benefícios para o nosso organismo. Mas ficar no estado pode causar mais estresse, caso não seja alcançado da maneira correta


Quando ficamos relaxados, nossa mente passa para uma espécie de modo “offline” e acaba dirigindo sua atenção para os próprios pensamentos. Ao ficarmos nesse estado, a mente passa por cenários futuros e propõe comportamentos utilizados no passado, criando um “vai e vem” entre os pensamentos.

Em pouco tempo ficamos em um estado chamado “ruminativo” e é ai que o nível de stress aumenta, porque a mente não sabe dizer o que vai acontecer.

Quando estamos no modo online, nada disso acontece, pois a mente está absolutamente concentrada e focada em algo que é concreto.

Os benefícios de manter a mente offline. Aprenda como fazer

Foto: depositphotos

Mas existem maneiras de colocar sua mente no modo offline, sem recorrer ao restado ruminativo. O segredo é focar a mente no momento presente, como se ele representasse uma tarefa. É o que a ciência ocidental chama de mindfulness (atenção plena, focada no presente, ação do presente, presentação).


Segundo o neurologista Martin Portner, quando estamos no estado mindfulness, conseguimos focar em algo, mas não realizamos nenhuma tarefa de senso estrito. A única tarefa é o presente.

Dessa maneira, ficamos no estado offline, mas não ruminamos, não havendo acionamento das estruturas cerebrais ligadas ao estresse. Alcançar o estado offline é algo simples de ser alcançado, mas é preciso alguns preparativos. Foque a mente na respiração e esvazie a atenção ao redor.

Benefícios de deixar a mente offline

Ficar no estado mindfulness traz diversos benefícios como: ajudar a clarear as ideias, a mente consegue reconhecer os estados emocionais sem ser apanhada desprevenida no redemoinho criado por eles, as áreas prossociais do cérebro elevam seu desempenho, os anticorpos ficam mais vigilantes, protege os cromossomos e o sono melhora.

Além disso, o modo offline é o preparador de possíveis momentos instantâneos em que a mente descobre alguma coisa que estava procurando há tempo, mas não encontrava.


Reportar erro