Melhore a aparência da pele, unhas e cabelos com o óleo de açaí

Além de reduzir as taxas de colesterol, o óleo de açaí melhora a aparência da pele e estimula o processo de cicatrização. Conheça os benefícios deste óleo


Bastante consumido em todos os recantos do Brasil, o açaí é nativo das Américas Central e do Sul, e cresce principalmente em regiões de planícies. Do fruto, extrai-se um óleo de mesmo sabor, cor e aroma e que contém alguns dos seus benefícios. Devido às suas propriedades anti-inflamatórias, este óleo é bastante usado em cosméticos e produtos medicinais.

Propriedades e benefícios

O óleo de açaí é rico em fitoesteróis, antocianinas, ácidos graxos essenciais e flavonoides, substâncias antioxidantes que combatem a ação maléfica dos radicais livres e retardam o processo de envelhecimento precoce das células, melhorando a aparência da pele, dos cabelos e das unhas. Por meio de uma prensagem a frio, este óleo consegue manter todos os elementos físico-químicos presentes no açaí.

Ao lado dos flavonoides, as antocianinas – encontradas em vegetais vermelhos e roxos – também promovem ação antioxidante natural, reduzindo a destruição das células.

Melhore a aparência da pele, unhas e cabelos com o óleo de açaí

Foto: Reprodução/ internet

Os ácidos linoleico e oleico presentes neste óleo hidratam e nutrem a pele, proporcionando uma aparência mais jovem e saudável. O óleo de açaí pode ser aplicado puro ou diluído em loções e também hidrata locais da pele que costumam ser mais ressecados, como joelhos e cotovelos.

Um estudo realizado na Universidade de São Paulo (USP) apontou que, devido à presença de fitoesteróis, o óleo de açaí estimula o processo de cicatrização, sendo indicado no tratamento de dermatites e afecções.

Este óleo ainda ajuda a aumentar os níveis do HDL (colesterol “bom”) e combater o LDL (colesterol “ruim). Devido à presença de vitamina C, o óleo de açaí ajuda a fortalecer gengivas, dentes, ossos e vasos sanguíneos.


Este produto natural também aumenta a absorção de ferro pelo organismo e auxilia no fortalecimento do sistema imunológico.

Como usar?

O óleo de açaí pode ser utilizado interna ou externamente. Caso queira consumi-lo, a dica é usá-lo como tempero para saladas e outros alimentos, de maneira similar ao que fazemos com azeite de oliva. No entanto, é importante ressaltar que este óleo não deve ser usado no preparo de frituras.

Para uso externo, o óleo de açaí deve ser misturado a loções, facilitando a aplicação. Recomenda-se o preparo de um creme para hidratação com a mistura de 5 ml de óleo de açaí para cada 250 ml de hidratante corporal. Caso queira acrescentar o óleo a loções faciais, xampus e condicionadores, use uma quantidade menor, de duas a cinco gotas.

Para aproveitar as propriedades emoliente e adstringente, o óleo deve ser usado em cremes antienvelhecimento e aplicado preferencialmente à noite.

Contraindicações

O óleo de açaí não possui contraindicações, no entanto, algumas pessoas podem ter intolerância ao fruto e ao óleo. Para evitar qualquer tipo de problema, primeiramente, faça um teste e comece ingerindo pequenas quantidades do produto.

Lembre-se sempre que todo tratamento, mesmo com o uso de produtos naturais, deve ser acompanhado por um especialista.


Reportar erro