Jaborandi acelera crescimento e previne queda de cabelo

Com grande produção no Maranhão, o Jaborandi é uma pequena árvore ou arbusto que tem…


Jaborandi acelera crescimento e previne queda de cabelo

Imagem: Reprodução

Com grande produção no Maranhão, o Jaborandi é uma pequena árvore ou arbusto que tem parte importante na medicina popular brasileira. Caboclos e índios costumavam preparar um chá com as suas folhas e usar a bebida como diurética ou para induzir a produção de suor no corpo. É usado interna ou externamente e é constituído de alcaloides, essências, matérias resinosas e pécticas, etc. Essa planta é muito utilizada em colírios para o tratamento de glaucoma, mas pode aparecer em receitas populares para baixar a febre, diminuir problemas capilares e até mesmo laringites.

Usos internos e externos do Jaborandi

  • Acne
  • Asma
  • Afecção catarral ou reumática
  • Alopécia (queda de cabelo)
  • Amenorreia
  • Artrite
  • Blenorragia
  • Bronquite
  • Boca seca
  • Caspa
  • Caxumba
  • Cólica intestinal e hepática
  • Deslocamento de retina
  • Diabete melitus
  • Difteria
  • Dor de dente
  • Edema pulmonar
  • Febre
  • Fezes ressecadas
  • Glaucoma
  • Gripe
  • Hemoptises
  • Hiper-hidrose local ou geral
  • Paralisia nos rins
  • Pleurisia
  • Pneumonia
  • Reumatismo
  • Etc.

As propriedades medicinais da planta

É importante conhecer as propriedades da jaborandi para que ela seja usada com mais frenquência, apesar de requerer bastante atenção em qualquer de seus usos. A planta é anti-artritica, anti-inflamatória, previne a queda dos cabelos, antirreumática, diaforética, estimula o crescimento capilar, é depressora cardíaca, diaforética, emoliente, estimula o peristatismo e a secreção da saliva, é expectorante, febrífuga, hipoglicêmica, laxativa, ativa as glândulas que fazem o suor e dilata os vasos, além de várias outras propriedades.


Cuidado!

Sempre que decidir usar a planta, consulte um médico para que ele aprove a ideia e possa acompanhar o seu caso. Há alguns relatos de que o uso interno pode causar diarreia, vômitos e insuficiência cardíaca. Já o uso externo pode causar a irritação ocular, diminuição da visão periférica e da percepção da claridade. Mulheres grávidas e lactantes não devem fazer uso do jaborandi, assim como as pessoas com problemas cardíacos.

Chá de Jaborandi

Em uma panela, adicione 3 colheres de sopa das folhas trituradas do jaborandi para cada litro de água. Deixe que cozinhe, a partir do momento que começar a ferver, por 3 ou 4 minutos. Depois retire do fogo e deixe em repouso com uma tampa por 10 minutos. Coe e beba de 2 a 3 xícaras ao dia. Esse mesmo chá pode ser aplicado no cabelo como uma loção, pois é um ótimo remédio contra calvície.


Reportar erro