Grão de bico melhora o humor e o funcionamento intestinal

Apesar de não ser um alimento muito popular, seja por gosto ou pelo preço –…


Apesar de não ser um alimento muito popular, seja por gosto ou pelo preço – uma vez que pode custar pelo menos 5 vezes mais que alimentos da família, como o feijão – o grão de bico possui uma relação custo benefício que vale muito a pena. Acredita-se, inclusive, que esses benefícios já eram conhecidos pelos nossos ancestrais, pois a planta continuou sendo cultivada.

Sensível às condições de clima, plantio e solo, seu cultivo não é exatamente algo simples, mas com a quantidade de propriedades e benefícios que carrega, certamente deve ser consumido. O alimento é muito comum na gastronomia Oriental e do Oriente Médio, sendo rico em proteínas, fibras e vitaminas. São facilmente encontrados em mercados na forma de grãos integrais crus ou cozidos, ou ainda na forma de farinha.

Benefícios

Um de seus grandes benefícios é melhorar o humor quando consumido com mais frequência. Rico em ferro, carboidratos e proteínas, o grão de bico auxilia na produção de serotonina, que é um neurotransmissor responsável por ativar alguns centros cerebrais, estes responsáveis por aumentar a confiança, a satisfação e dar a sensação de bem-estar.

Esse mesmo composto pode ajudar ainda a melhorar o desenvolvimento das crianças e aumentar as taxas de ovulação em mulheres. Além disso, para as mulheres, é um auxiliar em terapias de reposição hormonal durante a menopausa, pois acumula fitoestrógenos, que são capazes também de prevenir a osteoporose e problemas cardiovasculares.

Grão de bico melhora o humor e o funcionamento intestinal

Foto: Reprodução


Colesterol e funções intestinais

Fonte de fibra que auxilia na redução do colesterol, o grão de bico ajuda ainda a impedir que os níveis de açúcares no sangue subam de forma rápida após as refeições. Por isso, pode ser consumido com efeitos benéficos também por diabéticos ou pessoas que possuam resistência à insulina ou tenham hipoglicemia.

As fibras insolúveis, presentes de forma abundante neste alimento, são auxiliares ainda na prevenção de doenças digestivas como a diverticulose e a síndrome do intestino irritável, além de prevenir a constipação e aumentar o volume das fezes. Por isso, pode ser usado como um excelente medicamento natural para aqueles que estão com problemas de diarreia.

O grão de bico e a anemia

Por ser rico em ferro – um de seus principais componentes, inclusive, pode auxiliar no tratamento da anemia ferropriva, derivada da falta de ferro no organismo. Os praticantes de exercícios físicos também podem ter um grande desgaste na quantidade de ferro, e por isso esse alimento também lhes é indicado.

Para estes, o alimento também é auxiliar por ser rico em potássio, fator que auxilia no combate de câimbras e diversas outras doenças como hipertensão, problemas circulatórios e outras.


Reportar erro