Geleia de rosas é leve, saudável e gostosa. Aprenda como fazer

Usadas para adornar ambientes, fazer um dengo a pessoa amada ou para agradar como presentes, as rosas também podem ser utilizadas na culinária


No café da manhã ou lanche, alguns ingredientes preparados de forma especial fazem toda a diferença para a refeição. Além de ter certeza que está consumindo algo saudável e livre de conservantes, já que foi preparado por você mesmo, de quebra, pode ainda impressionar com a apresentação.

Essa receita se encaixa para aquelas pessoas que desejam preparar uma boa geleia para acompanhar aquela torradinha bem crocante. Mas, daí você pode perguntar: onde fica o diferencial desse prato? É que ele é preparado com pétalas de rosas comestíveis, ingrediente que não é tão usual em receitas.

Além de dar uma aparência sofisticada à simples torradinha, você ainda pode conquistar as pessoas pelo paladar, já que a geleia de pétalas de rosas tem um gosto suave e combina direitinho com o café da manhã ou o lanche. Mas, antes de preparar a receita, preste atenção nas propriedades do ingrediente.

Geleia de rosas é leve, saudável e gostosa. Aprenda como fazer

Foto: depositphotos

Lembrando que a receita for extraída do livro “Dicas Incríveis – Truques e segredos para facilitar seu dia-a-dia”, escrito por Sueli Rutkowski e editado e publicado pela editora Master Pop.

Propriedades das rosas

Usadas para adornar ambientes, fazer um dengo a pessoa amada ou para agradar como presentes, as rosas também podem ser utilizadas na culinária. Apesar de não parecer, as flores são repletas de vitaminas e nutrientes importantes para a alimentação.

Entre as várias espécies que podem ser usadas como ingredientes nos pratos, as rosas se destacam como as mais apreciadas.  Elas podem aparecer em doces, chocolates, bolos, sobremesas e molhos. Elas imprimem um sabor doce e agradável aos pratos, além do perfume que eles acabam ganhando.


A maioria delas é rica em vitamina C, o que pode ajudar a prevenir o aparecimento de gripes e resfriados, além de reforçar a imunidade do corpo. Outras flores possuem propriedades diuréticas, capazes de eliminar o excesso de líquido do organismo e também de ajudar a acabar com as dores de cabeça.

De todas as espécies que são comestíveis e podem integrar muitos pratos estão: rosas, flor de nastúrcio, lavanda, girassol, amor-perfeito, flor da abobrinha, hibisco, calêndula, camomila, cravo e flor de borago.

Geleia de rosas

Depois de conhecer um pouco mais sobre as flores comestíveis e suas propriedades, chegou a hora de anotar a receita da geleia de rosas:

Ingredientes

-2 xícaras (de chá) de pétalas de rosas (branca, amarela, vermelha);
-2 xícaras (de chá) de açúcar;
-2 xícaras (de chá) de água;
-Suco de um limão.

Modo de preparo

Para preparar a receita, você vai precisar usar uma panela. Acrescente todos os ingredientes de uma só vez e deixe cozinhar em fogo baixo. É importante que você mexa sem parar, tomando cuidado para que a mistura não grude no fundo da panela nem tão pouco açucare.

O ponto correto para que a mistura fique no fogo é até que ela adquira uma consistência bem grossa, característico da própria geleia. Assim que ela chegar a esse ponto, deixe que a geleia esfrie totalmente. Quando isso acontecer, pegue frascos de vidro com tampa bem higienizados e secos. Coloque a geleia e conserve na geladeira.


Informar erro