Farinha à base de maracujá promete barrar a gordura

A ingestão da farinha de maracujá, além de outros vários benefícios, pode ajudar emagrecer, pois bloqueia a gordura e diminui a taxa de açúcar do sangue


O maracujá é uma fruta bastante conhecida e popular entre os brasileiros. Seus benefícios vão desde substância vitamínicas até calmantes naturais. Mas o que poucos sabem é que quando transformada em farinha, sua ingestão pode ajudar até mesmo a emagrecer, pois bloqueia a gordura e diminui a taxa de açúcar do sangue.

A farinha de maracujá é feita a partir da casca da fruta que possui uma enorme quantidade de fibras. Seus nutrientes são tantos que chegam a ser até 10 vezes mais que o suco.

É extremamente rica em pectina, que quando são ingeridas, se transformam em uma espécie de gel dentro do organismo, passando a sensação de saciedade. Além de ser um bloqueio para absorção de gordura, reduz a velocidade com que o açúcar entra no sangue (ajudando no combate a diabetes), protege o coração e elimina o LDL (colesterol ruim).

Outros nutrientes encontrados na farinha de maracujá são a niacina que auxilia na produção de hormônios, combate a ansiedade e protege as paredes do estômago. Há ainda o ferro, cálcio e fósforo.

Farinha à base de maracujá promete barrar a gordura

Foto: Depositphotos


Como consumir

A dose mais indicada é de duas colheres de sopa por dia. O mais ideal é que seja ingerida 30 minutos antes das principais refeições. Se você não quiser comê-la pura, a farinha pode ser usada em sobremesas, dissolvidas em suco, batida com outras frutas, sopa, na salada ou outros alimentos. Evite leva-la ao fogo depois de pronta, pois sua exposição ao calor pode alterar seus valores nutricionais.

O exagero deve ser sempre evitado. O máximo de farinha de maracujá que deve ser ingerida são três colheres diárias. Mais que isso pode ocasionar prisão de ventre.

O alimento deve ser associado à ingestão de aproximadamente dois litros de água por dia, que ajudará na aceleração a ação desintoxicante.

Como preparar a farinha de maracujá:

Você pode encontrar a farinha de maracujá disponível no mercado. Mas o mais indicado é fabricá-la em casa para que fique ainda mais fresco e natural.

Modo de preparo

Recolha cerca de seis maracujás e lave-os água corrente. Retire as polpas para fazer suco. Corte a casca em tirinhas, ponha numa assadeira e asse em forno médio por cerca de 30 minutos ou até ficarem sequinhas.  Após esfriar, bata no liquidificador ou passe no processador até obter uma farinha. Peneire e guarde em um recipiente com tampa e consuma em até três meses.


Reportar erro