Equinácea: planta fortalecedora do sistema imunológico

Equinácea elimina gripes, infecções respiratórias, resfriados e doenças virais ou bacterianas. Veja como preparar este remédio natural


Equinácea é uma planta exótica, que possui flores roxas e folhas felpudas. De nome científico Echinacea purpurea, a erva pode ser encontrada em lojas de produtos naturais online ou físicas, mas também pode ser comprada em feiras livres.

Para os índios Sioux, na América do Norte, esta planta tinha a função de extrair o veneno de picadas de cobra. Atualmente, é utilizada no tratamento de problemas virais, respiratórios e bacterianos.

Benefícios e propriedades

Herboristas americanos e europeus a chamam de antibiótico natural, pois quando é consumida, age no corpo na tentativa de defender o organismo contra a invasão de micro-organismos.

equinacea-planta-fortalecedora-do-sistema-imunologico

Foto: Pixabay

Além disso, tem como propriedades as ações depurativa, anti-inflamatória, desintoxicante, antialérgica, imunoestimulante e cicatrizante.

Desta forma, equinácea elimina gripes, infecções respiratórias, resfriados e doenças virais ou bacterianas, uma vez que é uma forte aliada do sistema imunológico do corpo.

Problemas de saúde como infecção urinária, dores reumáticas, candidíase, artrite ou dor de dente e na gengiva, também são combatidas com o uso da planta.


Além disso, é uma erva eficaz no tratamento de ferimentos, furúnculos, dermatites, acne e erupções. Se administrada de forma correta, pode ser benéfica na ação eliminadora de abcessos bucais e escaras que demoram para cicatrizarem.

Modos de usar a equinácea

Esta planta é versátil na sua utilização, pois suas propriedades e benefícios podem ser encontradas na raiz, folhas e flores da equinácea. Existem dois modos de adquirir as benfeitorias da erva: pelo chá e em forma de compressa. Porém, está última só indicada em casos de tratamentos de reumatismo ou artrite.

Para preparar o chá é simples. Basta colocar uma xícara de água para ferver e assim que entrar em ebulição, adicionar uma colher (de chá) das folhas ou da raiz da equinácea.

Tampe o recipiente e deixe por infusão por aproximadamente 15 minutos. Esta bebida deve ser ingerida duas vezes ao dia, no máximo. Agora se você pretende fazer cataplasmas com esta planta, você deve amassar as folhas juntamente com as raízes da erva em um pilão até que formem uma pasta.

Depois é só aplicar na área atingida pelas dores e junto com um pano umedecido de água quente pressionar a substância pastosa sobre a pele.

Contraindicações e cuidados essenciais

Pessoas que possuem alergia ou alguma restrição médica com relação a plantas da família Asteraceae, não devem fazer uso da equinácea.

Bem como, pacientes com tuberculose, esclerose múltipla, HIV e colagenose. Isso porque a planta é um medicamento natural forte para tais casos, sendo mais aconselhável a não utilização. Qualquer dúvida consulte seu médico.


Reportar erro