É possível reduzir a gordura do fígado com tratamentos naturais

Por Redação

Esteatose hepática

Esteatose hepática | Imagem: Reprodução

Um órgão essencial

O fígado executa diversas funções importantíssimas em nosso organismo e, por vezes, é sobrecarregado pelo acúmulo de gordura, que é um problema sério, pois pode ocasionar a cirrose se não for tratado a tempo, além de prejudicar o funcionamento do órgão, impedindo-o de realizar suas funções, tais como: metabolizar o colesterol para que seja usado na digestão, produzir bile para digerir gorduras e também desintoxicar o organismo de diversas substâncias nocivas, como medicamentos e drogas. Isso ocasiona outros danos importantes ao funcionamento de nosso metabolismo, já que, se um órgão não executa sua parte no sistema, há sobrecarregamento ou, médio e longo prazo, danos aos outros órgãos e ao organismo, de forma geral.

Esse acúmulo de gorduras acontece, principalmente pela ingestão indiscriminada de alimentos pouco saudáveis, como frituras e outras gorduras que vão se acumulando e sobrecarregando o fígado, pelo abuso de álcool, além de outras doenças que também podem danificar esse órgão, como diabetes, hepatite e a própria obesidade, que, normalmente é causada pelos excessos alimentares, desde carboidratos em excesso até as gorduras. Enfim, todos os alimentos que passam muito do ponto da necessidade que o corpo tem de energia, como os carboidratos, e ficam sobrando, se transformando, obviamente, em moléculas de gorduras que se alojam no fígado.

É necessária uma mudança de hábitos importante para que esse quadro seja revertido e seus efeitos  nocivos estancados, começando, claro, pela alimentação e também pela atividade física, que é uma aliada para queimar gordura do corpo. Além disso, podemos fazer uso dos remédios caseiros para complementar esse tratamento e otimizar os efeitos sobre desintoxicação do fígado!

Veja algumas receitas simples que podem ajudar a tratar a gordura do fígado

  • CEBOLA: Cozinhe 4 cebolas em um litro d’água e vá tomando pequenos cálices desse preparado ao longo do dia, todos os dias, durante um mês.
  • BERINJELA: Ajuda a reduzir o colesterol e deve ser consumida constantemente.
  • SUCO DE TOMATE: deve ser tomado 250 ml de suco em jejum.
  • CHÁ DE ALFACE: tomar até três xícaras de chá ao dia (a proporção é de 80g por litro de água);
  • CHÁ DE CHAPÉU-DE-COURO: Tomar até três xícaras de chá ao dia (a proporção é de 20g para cada litro de água);
  • CARQUEJA: tomar até três xícaras de chá ao dia;
  • MAÇÃ: a maçã é desintoxicante e por isso estimula a purificação do fígado.
  • JENIPAPO: é indicado nas afecções do fígado e baço;
  • VAGENS DE PAU-FERRO: amasse 3 vagens e deixe de molho em um litro de água por três dias. Tomar duas vezes ao dia depois do tempo de descanso.