Dispositivo pode deixar brócolis com sabor de chocolate

Batizado de Tasty Buddy, o equipamento promete uma revolução na alimentação das crianças, mudando os sabores dos alimentos


Sabe aquela dificuldade que algumas pessoas têm em seguir novos hábitos alimentares, sobretudo por não gostar do sabor dos alimentos? Pois bem, essa é uma constante que pode ser identificada desde os primeiros anos de vida, entre as crianças, até os adultos mais resistentes.

Na lista dos principais alimentos que sofrem esse tipo de rejeição estão as verduras, legumes e hortaliças. Por sinal, esses grupos de alimentos são considerados essenciais para o corpo, principalmente pelos benefícios que podem proporcionar a ele na busca da saúde e bem-estar.

Se houvesse algum equipamento ou forma que facilitasse a aceitação desses alimentos pelas pessoas, talvez o mundo contaria com pessoas mais saudáveis e conscientes dos seus deveres alimentares. Mas, ao contrário do que muita gente possa pensar, essa realidade está bem próxima, e não vem de nenhum filme de ficção científica.

Dispositivo pode deixar brócolis com sabor de chocolate

Foto: depositphotos

Cientistas de uma universidade de Londres estão testando uma invenção que promete dar o que falar, sobretudo entre as pessoas com restrições alimentícias decorrentes do paladar. Eles estão desenvolvendo um dispositivo capaz de enganar seu paladar, transformando o gosto do que você está comendo.


O milagre da ciência

O aparelho foi batizado de Tasty Buddy. Ele consta de uma barrinha metálica de cerca de dois centímetros que, colocada sobre a língua, usa sinais elétricos para estimular as papilas gustativas de modo a “transformar” o sabor de qualquer alimento para o que for escolhido.

Os princípios que permitem o funcionamento do aparelho são os seguintes: para imitar o sabor de doces, o dispositivo aquece rapidamente, estimulando receptores que reagem ao calor. Já para o salgado, uma leve corrente elétrica ativa as papilas responsáveis pelo sabor.

Testes

Para começar os testes, os cientistas optaram por um dos vegetais líderes em rejeição, sobretudo entre as crianças: o brócolis. No caso, os indivíduos que figuraram na pesquisa como voluntários comeram o vegetal achando que estavam degustando uma doce e irresistível barra de chocolate.

O protótipo é capaz de mudar os sabores dos alimentos, seja para doce ou salgado. De acordo com o professor responsável pelo projeto, o Tasty Buddy promete ser uma revolução na alimentação das crianças.

“Muitas crianças odeiam o sabor de vegetais, e o Tasty Buddy pode ajudar a salvar vidas, permitindo que as pessoas escolham alimentos mais saudáveis”, testifica Adrian Cheok. O Tasty Buddy será exibido em março, em uma feira de tecnologia na Inglaterra.


Reportar erro