Conheça os principais preparados medicinais da medicina chinesa

Conheça a medicina tradicional chinesa e saiba como esses preparados medicinais podem ajudar no tratamento da saúde


Para a medicina tradicional chinesa, cada um dos preparados à base de ervas é um remédio preparado sob medida para cada um dos pacientes. Existem em torno de 13 mil produtos medicinais que são usados na China, além de mais de 100 mil receitas registradas na literatura antiga do país.

Segundo o manual de medicamentos tradicionais clássicos de 1941, foram listados 517 medicamentos e desses, 45 somente eram de origem animal e 30 de origem mineral. O restante todo composto por plantas.

Existe uma série de preparos que envolvem chás, comprimidos, pílulas, elixires, xaropes, emplastros, óleos, entre outros.

Imagem de materiais da medicina chinesa

Foto: Depositphotos


Métodos de classificação

Os medicamentos tradicionais chineses são classificados de formas diferentes, confira:

  • Quatro naturezas, em questão de temperatura são: quente, leve, fresco e fria, além de considerar a natureza neutra. As ervas quentes são usadas para tratar doenças frias, enquanto as ervas frescas e frias são usadas para tratar as doenças quentes.
  • Cinco sabores:
    Picantes são substâncias usadas para o pulmão, além de tonificar o sangue.
    Doces são aquelas usadas para o baço, usadas para aliviar dores e espasmos, além de nutrir e tonificar.
    Bitter são substâncias usadas para o coração, e podem ser aplicadas ainda ao tratamento de asma, obstipação e retenção de líquidos.
    Salado são as substâncias que auxiliam no tratamento dos rins, usados para dissolver nódulos, ou ainda para diminuir fleuma e tratar prisão de ventre.
    Anodyne são substâncias que filtram e drenam, auxiliando a combater problemas urinários e retenção de líquidos. Auxiliam ainda no tratamento de edema e disúria.
  • Meridianos é a classificação que envolve os 12 meridianos e os órgãos associados a eles.
  • Função: as plantas podem ser classificadas ainda de acordo com a função e seu papel específico sobre os padrões de doenças. Os medicamentos, por exemplo, podem “drenar o fogo”, “esfriar o sangue”, “aliviar estagnação de alimentos, “nutrir o coração”, “acalmar o espírito”, entre outros.

Acupuntura médica

A má distribuição da energia vital, para a medicina tradicional chinesa, é a causa das enfermidades e com a acupuntura, é possível estimular alguns dos, aproximadamente, mil pontos existentes no corpo que podem ajudar a reequilibrar o organismo.

Há mais de três mil anos, observando que determinados pontos da pele ficam mais sensíveis quando um determinado órgão está sensível, os chineses afirmaram que cada órgão possui um correspondente específico que pode ser estimulado para aliviar dores, tratar e prevenir doenças. Essa técnica ficou conhecida como acupuntura.


Reportar erro