Conheça o ‘super’ vegetal que tonifica o intestino e o sistema imunológico

A Jicama, um vegetal cuja raiz é consumida e é repleta de benefícios à saúde. Saiba como consumir e conheça suas propriedades


A jicana é um vegetal um pouco difícil de ser encontrado à venda, mas que pode ser achado em alguns mercados municipais e lojas de produtos naturais mais completas. Além de jicama, o mesmo é conhecido ainda pelos nomes de jacatupé, feijão batata, feijão macuco, ahipa, jiquima, batata chinesa, batata d’água, entre outros nomes, e possui excelente ação para tonificar a atuação do sistema imunológico e do intestino.

Mesmo sendo difícil de encontrar, seu uso tem se tornado bastante popular, o que pode facilitar a distribuição comercial da planta. Existem, inclusive, muitos relatos presentes na literatura quanto ao seu uso para fins medicinais, mas é preciso tomar cuidado com as sementes maduras e as folhas, que são tóxicas por conterem rotenona – substância usada para paralisar peixes, facilitando a captura.

A parte que pode ser consumida é a vagem da planta ainda jovem, que pode ser consumida como legumes, além das batatas. Se você for cultivar a planta, inclusive, é necessário descartar as vagens de forma que os nutrientes sejam destinados somente ao desenvolvimento das raízes tuberosas. Se mantiver as vagens, as raízes não se desenvolvem. O alimento, quando bem nutrido, tem um sabor doce e é rico em proteínas e amido.

Conheça o 'super' vegetal que tonifica o intestino e o sistema imunológico

Foto: Reprodução/ internet


O amido presente nessa raiz é vendido na Ásia como uma fécula de muita qualidade, mas no Brasil não é feita a extração dessa planta. A raiz tem a aparência semelhante à da batata doce, mas é mais achatada e lobulada. A planta, nativa da América Central, pode ser usada para fins medicinais, e leva o nome científico de pachyrhizus erosus.

Quais são os benefícios?

No exterior, a planta é usada como um repositor de carboidrato, sendo conhecida, inclusive, como “super comida”. É muito rica em vitamina C e fibras e, por isso, ajuda no desenvolvimento das bactérias que são benéficas ao intestino, melhorando, portanto, o funcionamento do trato intestinal, além de ajudar no fortalecimento do sistema imunológico.

A raiz tem poucas calorias, podendo ser usada na alimentação de quem está fazendo dieta, e é bastante nutritiva, além de ter um carboidrato absorvido e digerido mais facilmente pelo organismo.

Dicas de consumo

A jicama é usada comumente na fabricação de uma farinha que pode ser consumida em receitas como bolos e tortas, substituindo a farinha de trigo. Pode ser consumida, ainda, a raiz crua ou cozida em vapor, assada, grelhada ou frita, mas a crua valoriza mais o sabor e as propriedades. A ingestão pode ser feita por meio de sanduíches e saladas acrescidos deste vegetal ou ainda in natura.


Reportar erro