Como tirar calos dos pés de forma natural?

Por Daiane Silva

Fique com os pés lindos, sem sinal algum de calos

Aprenda como tirar as calosidades dos seus pés | Imagem: Reprodução

Os calos se formam por pressão ou atrito em uma área dos pés, quando a pele se “protege”, acumulando-se na área pressionada. Eles podem ter um núcleo e atingir maior profundidade de pele, alcançando nervos e doendo muito. São vários estágios que podem ocorrer, sendo inclusive, uma calosidade que se espalha por uma área um pouco maior e, dependendo da pressão no local, acontecerem fissuras, ou rachaduras.

As calosidades também podem apresentar quadros inflamatórios, tudo depende da continuidade do atrito e da pressão exercida no local.

Principais causas

  • CALÇADOS: apertados demais ou de bico fino;
  • ALTERAÇÕES ORTOPÉDICAS CONGÊNITAS: pés cavos, por exemplo, onde o arco alto faz com que os ligamentos encurtem, causando a flexão das falanges;
  • ALTERAÇÕES ORTOPÉDICAS ADQUIRIDAS: quando os artelhos são em formato de martelo ou tem outras deformações causadas por acidentes.

Como é possível eliminá-los de forma natural?

Com os cuidados adequados aos calçados usados e também com a aplicação regular de certos medicamentos caseiros e simples é possível, sim, tratar e eliminar esse problema que costuma ser tão doloroso!

Veja algumas dicas e receitas eficientes que ajudarão a tirar os calos

  • Misture o equivalente a 3 paus de alcaçuz moídos em meia colher de chá de óleo de mostarda, ou em meia colher de chá de sementes de gergelim. Esfregue essa mistura na região afetada antes de se deitar. Aos poucos, ela reduzirá o tamanho da calosidade e a suavizará.
  • O mamão papaia é outra alternativa para tratar o aparecimento de calos. Deve-se pegar a polpa fresca e passar sobre os calos, pelo menos três vezes ao dia.
  • Amarre uma fatia de limão sobre o calo, ou fixe-a como puder, especialmente se for um calo dolorido. Na manhã seguinte verá uma melhora significativa.
  • Pegue o bulbo de uma cebola da Índia, e prenda-o como o limão, mantendo-o preso por toda a noite. Repita até que considerar necessário.
  • Faça uma pasta com o pó de giz, misturando uma pequena quantidade numa colher de sopa de água.
  • Faça um suco de figo verde, e aplique no calo, pelo menos 3 vezes ao dia.
  • Use proteções para calos (compradas em farmácias ou lojas especializadas) que são mais altas e impedem o atrito;
  • Jamais corte-os! Isso pode trazer sérias consequências, inclusive infecção!