Chás e outros tratamentos para a esofagite

A esofagite é uma doença inflamatória que acontece na mucosa do esôfago, este que desce…


A esofagite é uma doença inflamatória que acontece na mucosa do esôfago, este que desce pelo tórax e transporta alimentos da boca até o estômago. É causada principalmente pelo retorno ou ainda pela permanência do conteúdo estomacal no esôfago, este despreparado para receber uma substância tão irritante. Entre as causas mais comuns estão a hérnia de hiato, incontinência do esfíncter inferior do estômago e defeito no clareamento do esôfago.

Fatores de risco

Apesar de ter determinadas causas, a esofagite atinge com mais frequência as pessoas que tenham fatores de risco. Entre esses fatores, encontram-se: a obesidade; grandes números de gestações – isso por favorecer a pressão abdominal; infecção por vírus ou fungos; doenças autoimunes; vômitos excessivos – como na bulimia –; ingestão acidental ou não de produtos químicos; álcool e cigarro; dietas inadequadas; uso prolongado de medicamentos; e sistema imunológico deprimido.

Sintomas

Os principais sintomas que envolvem pacientes com essa doença são mais intensos do que os do refluxo gastresofágico, mas muito semelhantes. Entre eles estão a azia ou queimação do estômago, podendo chegar até a garganta, além da dor no peito, regurgitação, gosto amargo na boca, rouquidão, mau hálito, dor de garganta e tosse.

Chás e outros tratamentos para a esofagite

Foto: Reprodução

Dicas

É importante que, sempre com auxílio e orientação médica, você faça algumas mudanças em sua dieta, procurando comer menos alimentos com muitas proteínas e sem gorduras. É importante também evitar o consumo de alho, bebidas alcoólicas, pimentas, refrigerantes, molhos, sal ou açúcar em excesso, além de comidas indigestas, carnes gordurosas, frituras, leite, coco, pudim, pimentão, laranja, café, entre outros.


Consuma bastante água e pratique exercícios, pois isso poderá ajudar a aliviar os sintomas. Procure também elevar a cabeceira de sua cama em aproximadamente 10 ou 15 cm. Isso ajudará a reduzir a quantidade de ácido que retorna ao estômago. Além disso, evite deitar logo após as refeições.

Medicamentos caseiros e chás

Suco de batata

Você pode fazer um tratamento caseiro com suco de batata crua. Passe a batata crua no ralador de alimentos e esprema para retirar todo o suco. Consuma diariamente em jejum até sentir a melhora dos sintomas.

Melão

Para este remédio, bata duas fatias de melão no liquidificador e consuma duas vezes ao dia, ou ainda quando os sintomas surgirem.

Chá de alface

Use 30g de folhas de alface e 500ml de água para preparar este medicamento caseiro. Coloque os dois ingredientes em uma panela e, quando começar a ferver, aguarde 10 minutos. Em seguida, desligue o fogo e tampe, deixando repousar por 5 minutos. Coe e consuma em torno de 4 xícaras por dia.


Reportar erro