Chapéu de couro – Benefícios e propriedades

O chapéu de couro (Echinodorus grandiflorus), também popularmente conhecido como “chá mineiro”, aguapé e alismacéa,…


O chapéu de couro (Echinodorus grandiflorus), também popularmente conhecido como “chá mineiro”, aguapé e alismacéa, é uma planta semi-aquática nativa do Brasil, sendo encontrado principalmente nas regiões alagadas do cerrado, nos estados de Minas Gerais, São Paulo, Mato Grosso do Sul, Paraná e Santa Catarina. Esta planta possui as folhas duras como o couro, as suas flores são esbranquiçadas e, quando atinge a maturidade, pode atingir 1,5 metros de altura. O chapéu de couro pode ser comprado em algumas farmácias de manipulação e em algumas lojas de produtos naturais. Confira a seguir as propriedades medicinais, os benefícios e as indicações de uso desta planta.

Chapéu de couro – Benefícios e propriedades

Foto: Reprodução

Propriedades do chapéu de couro

  • Ação anti-inflamatória;
  • Antirreumática;
  • Adstringente;
  • Depurativa;
  • Diurética;
  • Energética;
  • Antiartrítica;
  • Anti-hipertensora;
  • Laxante.

Os benefícios e as indicações de uso

O chá de chapéu de couro é utilizado com bastante aceitação na medicina popular brasileira, apesar de existirem poucas pesquisas científicas a respeito das propriedades medicinais da planta.

O chá desta planta auxilia no tratamento da tosse, pressão alta, gota, colesterol alto e diversos problemas de pele. É também usado para tratar inflamações de garganta, na cura de feridas, em doenças como artrite, artrose e reumatismo; e no tratamento de problemas de estômago, rins e doenças hepáticas.


Devido à sua ação diurética, o chapéu de couro é muito usado no tratamento de ácido úrico e, por evitar que o corpo acumule excesso de água, tomar o chá desta planta pode ajudar na perda daquelas gordurinhas extras, desde que aliado a uma boa alimentação (saudável e balanceada) e a prática de exercícios físicos.

Como utilizar o chapéu de couro?

As partes usadas do chapéu de couro são as suas folhas e o chá pode ser preparado por infusão ou decocção das mesmas. Aconselha-se que o chá seja consumido de duas a três vezes ao dia e não seja guardado de um dia para o outro.

Chá de chapéu de couro

Para preparar uma xícara do chá, coloque  duas colheres de chá ou cerca de 2 a 4 gramas de folhas da planta em uma xícara de água. O chá deve ser fervido por poucos minutos e tomado logo em seguida. O chá também pode ser usado em compressas frias para ser aplicado topicamente.

Contraindicações

O chapéu de couro é contraindicado em pacientes com insuficiência cardíaca e renal e não deve ser tomado junto com medicamentos anti-hipertensivos.


Reportar erro