Chá de Oliveira – Para que serve?

Por Nayla Georgia

Chá de Oliveira - Para que serve?

Imagem: Reprodução

A Oliveira é conhecida cientificamente como Olea europaea L., família Oleaceae. São árvores nativas da parte oriental do Mar Mediterrâneo. De seus frutos, as azeitonas, os homens no final do período neolítico aprenderam a extrair o azeite. Este óleo era empregado como unguento, combustível ou na alimentação, e por todas estas utilidades, tornou-se uma árvore venerada por diversos povos. A civilização Minoana, que floresceu na Ilha de Creta até 1500 a.C., prosperou com o comércio do azeite de oliva, que eles primeiro aprenderam a cultivar. Já os gregos, que possivelmente herdaram as técnicas de cultivo da oliveira dos Minóicos, associavam a árvore à força e à vida. A oliveira é também citada na Bíblia em várias passagens, tanto a árvore como seus produtos.

São plantas que vivem muito tempo e há quem creia que algumas das oliveiras presentes na Palestina atualmente têm mais de 2500 anos de idade. As suas folhas contêm alta concentração de minerais e antioxidantes que previnem a ação dos radicais livres. 

Chá de oliveira – Para que serve esta infusão?

O Chá das folhas de Oliveira possui grandes quantidades de potássio, magnésio, manganês, fósforo, selênio, cobre e zinco, considerado 300% mais poderoso que o chá verde. Possui também ação antioxidante e está indicada em afecções cardiovasculares, hipertensões moderadas, na prevenção de arteriosclerose e possui efeito diurético.

Possui uma reconhecida ação hipotensora além de ser hipoglicemiante, antisséptico e antibiótico, antipirético, simpaticolítico e diurético. O chá também é utilizado no alivio do cansaço, a fadiga e o estresse, prisão de ventre, e auxilia no fortalecimento dos cabelos e unhas e sobre a pele, diminuindo marcas de expressão.

Preparo do chá

É possível encontrar as folhas da oliveira em casas de produtos naturais.

Em uma panela (não usar de alumínio) adicione um litro de água. Quando a água alcançar fervura desligue e adicione 03 colheres (sopa) das folhas. Tampe e deixe a solução abafada por cerca de 10 – 15 minutos. Em seguida é só coar e beber de 3 a 4 xícaras ao dia.

Não se deve adoçar esse chá, mas pode acrescentar folhas de hortelã ou cascas de abacaxi para dar uma valorizada no sabor. Faça o chá a cada dia, não se deve deixar para beber a infusão do dia anterior.

Advertências

Assim como qualquer tratamento natural, se consultar com um médico é muito importante, pois algumas pessoas podem ser alérgicas a certas substâncias contidas no produto natural. Gestantes e lactantes devem evitar o consumo, assim como menores de 12 anos.

revisao-edimir