Chá das folhas e cascas do cajueiro: Um poderoso cicatrizante!

O cajueiro é uma árvore tipicamente brasileira, com origem nas regiões Norte e Nordeste do…


O cajueiro é uma árvore tipicamente brasileira, com origem nas regiões Norte e Nordeste do Brasil e que requer um clima tropical para que possa se desenvolver. Esta planta é rica em vitamina C, fibras, proteínas e ferro, o que a torna um remédio natural poderoso para o auxílio no tratamento de diversos males (desde simples dores de garganta à diabetes), além de possuir propriedades que fazem do seu fruto um genuíno cicatrizante.

Chá das folhas e cascas do cajueiro: Um poderoso cicatrizante!

Imagem: Reprodução

O cajueiro apresenta o tronco bastante tortuoso e pode chegar a alturas superiores a 20 metros. E diferente do que pensa a maioria das pessoas, o verdadeiro fruto do cajueiro é a castanha e não o caju, este segundo caracteriza-se como o pseudofruto variando de cor, formato e tamanho de acordo com a espécie da planta. Ele possui uma casaca bastante fina e uma espécie de polpa no seu interior que é a parte mais utilizada para fazer sucos, doces e outras guloseimas derivadas do caju. A castanha é geralmente assada e depois retirada a casca exterior para que posa ser consumida devidamente.

O chá e seus benefícios

Contudo, é pouco conhecido que a castanha e o caju não são as únicas partes a serem aproveitadas desta planta, as cascas e folhas do cajueiro rendem um chá cheio de propriedades curativas e que pode trazer diversos benefícios ao nosso organismo, garantindo uma saúde mais forte e equilibrada. O chá pode ser utilizado externamente ou consumido agindo de dentro para fora. Confira como usá-lo das duas maneiras:

Uso interno do chá: Se consumido normalmente o chá atua como diurético natural, ajuda no tratamento de diabetes, repara o sistema imunológico ajudando a afastar fraquezas de um modo geral, além de tratar a hipertensão, cólicas e atuar como expectorante em casos de tosse com catarro. O chá das folhas e cascas do cajueiro é considerado também um afrodisíaco.


Uso externo: Pode ser aplicado diretamente na pele para tratar problemas de pele como frieiras e inflamações vaginais. Para aftas e inflamações de garganta ele pode atuar também com uso externo à base de gargarejos.

Propriedades

Anti-inflamatória, analgésica, cicatrizante, antidiabética, depurativa, tônica, vermífuga, diurética, expectorante, adstringente, antisséptica, anti-hemorrágica, laxante.

Como fazer?

Para fazer o chá você precisará das folhas e cascas do cajueiro em pedaços bem pequenos. Coloque a quantidade de 2 colheres de sopa para cada litro de água e leve ao fogo até que a água comece a ferver, a partir deste ponto deixe cozinhar por 10 minutos. Após este período retire do fogo e abafe por mais 10 minutos.

É indicado que seu consumo seja feito de 3 a 4 xícaras ao dia.


Reportar erro